AV. JERONIMO MONTEIRO, 641 (Gloria)29122-725 Vila Velha, Espírito Santo ES

Opiniões para Clinica Medica Gloria

Avaliação geral
Pontualidade
Atenção
Instalações
Baseada em 52 opiniões Adicionar opinião
Avaliação geral
Pontualidade
Atenção
Instalações

"O Dr é ótimo, porém para marcar consulta é muito difícil, porque os telefones não atendem. Você tem que tentar o dia inteiro."

Avaliação geral
Pontualidade
Atenção
Instalações

"Ótima profissional e atenciosa! O pessoal da recepção deixa a desejar. Além de atender mal ainda ficam conversando e demora chamar a senha e a levar as fichas ao consultorio."

Avaliação geral
Pontualidade
Atenção
Instalações

"Atenção; comprometimento com o paciente."

  • Paciente que marcou consulta com Osmar Sales em Clinica Medica Gloria
  • 13/10/2014
Avaliação geral
Pontualidade
Atenção
Instalações

"Ótima profissional, atenciosa, deixa a gente super à vontade... Super recomendo!!!"

Ver as 52 opiniões sobre Clinica Medica Gloria

Respostas dos especialistas

Especialistas de Clinica Medica Gloria estão respondendo perguntas que os usuários enviam a Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

    • 1
    • Especialistas participando
    • 11
    • Respostas
    • 10
    • Especialistas de acordo
    • 6
    • Pacientes agradecidos
Paciente com toxoplasmose-congênita com lesao no célebro, hoje com 27 anos, não anda, nao fala, não tem visao, existencia de quadro de demencia, acompanhento medico por neuro e psiquiátrico, sem resultados. Há tratamento especifico para este tipo de lesão e comportamento, agora já agressivo?

Pergunta sobre Demência

  • Dr. Renato Itaborai
    Dr. Renato Itaborai
    Psiquiatra
    • 11
    • 10
    • 6
  • O tratamento para o comportamento agressivo é feito com o uso de anticonvulsivantes (carbamazepina, ácido valpróico, lamotrigina ou topiramato) e neurolépticos (haloperidal, risperidona , olanzapina ou quetiapina) porém estudando o quadro individualmente e de forma supervisionada pela neurologia e psiquiatria.

    • 4 especialistas de acordo
{0}{1}