Especialidades e Profissionais

Equipe Médica

Opiniões para Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)

5

Baseado em 127 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a em Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)?

Opinar

O melhor: "Um excelente medico, atencioso, querido e dedicado a vida do seu paciente. Foi que Deus colocou ele no meu caminho e sua equipe. OBRIGADO.
Graziela Oliveira de Lima."

Motivo da visita: Fui para o hospital com problemas renais

Paciente que marcou consulta com Elvino Jose Guardao Barros em Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)

O melhor: "Amo demais o atendimento dele, consulto com ele desde 1975 e sou grata a ele e a meus pais."

Paciente que marcou consulta com Sergio Roberto Haussen em Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)

O melhor: "Atencioso com a sua equipe, prestativo e muito responsável."

Motivo da visita: fenda labial e palatina

Rute B. marcou consulta com Marcus Vinicius Martins Collares em Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)

O melhor: "Excelente médico, profissional, cuidadoso, especialista, seguro e dedicado."

Motivo da visita: Miastenia Gravis Neonatal

Paciente que marcou consulta com Sergio Roberto Haussen em Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)

Ver as 127 opiniões sobre Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA)

Serviços

  • Cardiologia
  • Primeira consulta Cardiologia

Respostas dos especialistas

1 Especialistas participando

1 Respostas

1 Especialistas de acordo

2 Pacientes agradecidos

Especialistas de Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) estão respondendo perguntas que os usuários enviam a Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

A única forma 100% segura de evitar gravidez é não manter atividade sexual. A cirurgia esterilizadora masculina, ou vasectomia bilateral, apresenta elevada taxa de segurança (aproximadamente 99,5%).
Após 6 semanas do procedimento, realiza-se um espermograma e, não havendo espermatozóides, o paciente estará liberado para manter atividade sexual sem o uso de outros anticonceptivos.
Entretanto, o paciente deve saber que, em 1 a cada 2000 cirurgias, poderá ocorrer a recanalização espontânea dos ductod deferentes e o retorno à capacidade de fertilização.

  • Obrigado 2
  • 1 especialista está de acordo
Dr. João Pedro Bueno Telles
  • 1
  • 1
  • 2

Dr. João Pedro Bueno Telles

Médico clínico geral, Urologista

{0}{1}