Dente Não-Erupcionado - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Dente Não-Erupcionado

Os especialistas falam sobre a Dente Não-Erupcionado

O dente não-erupcionado pode estar nessa condição por 3 motivos: anquilosado = dente preso ao osso, impactado = dente preso em outro dente ou estrutura, ou ainda pode ser uma condição rara chamada falha primária de erupção (FPE). Todas as condições apresentam tratamento, porém o correto diagnóstico é que determinará o sucesso do caso. Procure um especialista.
Dr. Gustavo Zanardi
Dr. Gustavo Zanardi Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dentista

|

Balneario Camboriu

Os dentes inclusos podem estar relacionados ao aparecimento de cistos e tumores. Como prevenção os pacientes devem realizar exames radiográficos sempre que suspeitem da possibilidade de retenção destes dentes. A remoção de dentes inclusos tem se mostrado um procedimento corriqueiro na prática odontológica. Quando realizado no momento oportuno traz os melhores resultados.
Tila Fortuna
Tila Fortuna Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgiã buco-maxilo-facial, Dentista

|

Salvador

Tem perguntas sobre Dente Não-Erupcionado?

Nossos especialistas responderam à seguinte pergunta sobre Dente Não-Erupcionado:

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

O correto seria avaliar clinicamente e através de exames complementares de imagem com tomografia computadorizada ou até mesmo um raio x panorâmico para ver á necessidade de exodontia do mesmo , avaliar a posição desse dente . Quando um dente está mal posicionado pode causar grandes transtornos como : processos inflamatórios , cáries dentárias ,reabsorções , cistos , infecções locais etc . Porém é comprovada e aceita no meio odontológico a remoção precoce desses dentes , quando indicado corretamente é a forma mais simples e de menor sofrimento ao paciente de prevenir doenças na cavidade oral .

  • Obrigado 0
  • 1 especialista está de acordo
  • 40
  • 14
  • 16
Dr. Igor Leitão Marques Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião buco-maxilo-facial, Cirurgião cranio-maxilo-facial

Maua