QUAL diferença entre psiquiatra e psicanalista? Em caso de depressão ,...

Olá!!

O psiquiatra é um médico que estuda e cuida de transtornos mental, psíquicos com medicação.

O psicanalista é um psicólogo que trata dos transtornos ou dificuldades emocionais, mentais, através de outros recursos, como a fala, por exemplo.

Dependendo do nível da depressão os dois profissionais tem que trabalhar juntos, mas o psicólogo poderá te ajudar a descobrir a causa da depressão!

Boa sorte!

Olá. o psiquiatra é um médico formado em medicina, que vai diagnosticar e medicar os transtornos psiquiátricos, entre eles a depressão.

O psicanalista é um profissional da área da saúde, pode ser o psiquiatra, pode ser um psicólogo, que fez uma especialização em PSICOTERAPIA PSICANALÍTICA, e este tratamento é pela conversa e interação com o analista, ou seja, é a terapia.

Se a terapia for feita também pelo psiquiatra, existem alguns com essa formação, este pode também medicar. se for feita por psicólogo ou outro profissional, estes não podem medicar e devem encaminhar os pacientes para uma avaliação psiquiátrica clínica se necessário.

Deves procurar inicialmente um psiquiatra, fazer uma boa avaliação clínica, se tiver indicação de iniciar uma medicação ou de terapia, poderá ser discutido durante a consulta.

Boa sorte.
Leonardo

A diferença entre o Psiquiatra e o psicólogo foi bem explanada pelos colegas acima.Mas percebo em minha prática clínica, que por vezes alguns psiquiatras quando diagnosticam a Depressão nos pacientes,não fazem indicação de acompanhamento psicológico, o que a meu ver deixa o tratamento incompleto, pois a medicação vai atuar apenas a nível dos sintomas sem acessar as causas subjacentes.
Medicação sem terapia não funciona bem.E até porque, ambos os profissionais citados; psiquiatra e psicanalista devem trabalhar juntos estabelecendo trocas a respeito do paciente.
Não esquecendo que psicanalista não necessariamente é psicólogo e realiza a análise do paciente por meio do diálogo, e terapeuta é o psicólogo que se utiliza de outras abordagens terapêuticas, assim portanto pode dizer que faz terapia o paciente cujo psicólogo segue como linha de atuação outras abordagens que não seja a psicanálise.
Espero ter contribuido para dirimir sua dúvida.
Até a próxima!

Reiterando o que foi dito acima, o psiquiatra tem formação em Medicina e está apto para indicar medicamentos que possam ajudar no tratamento contra a depressão. Em alguns casos de depressão, existe um componente químico que está em desequilíbrio e o medicamento visa restabelecer este equilíbrio químico ao paciente.
O Psicanalista, por sua vez, irá desenvolver um trabalho buscando a origem da depressão, que pode ser também genética mas não em 100% dos casos. Na maioria das vezes, quando a depressão é bem diagnosticada e bem tratada com recursos psicanalíticos, pode levar à cura e à posterior independência do medicamento.

Basicamente o psiquiatra realiza um tratamento medicamentoso enquanto o psicanalista faz um tratamento através da análise de um discurso livre do paciente. Diferenciando-se do psicólogo, o psicanalista, diagnostica estruturalmente potencializando um espaço de invenção que reveste a estrutura
Um depressivo deve procurar um profissional que ele ou familiares julgue necessario

Bom, sua pergunta vai para além da dúvida entre Psiquiatra e Psicanalista, não é? Você está querendo saber que profissional deve procurar, buscando uma ajuda para você ou alguém conhecido a quem está atribuindo uma condição de "depressão". Talvez você ou essa pessoa tenha recebido esse diagnóstico de um outro médico, ou talvez seja um termo que esteja sendo usado sem um diagnóstico específico.

Um psiquiatra abordará a condição de uma perspectiva mais biológica e poderá prescrever medicação, além de ser capaz de fazer um diagnóstico. Um psicanalista pode ser médico ou não mas, de qualquer forma, abordará o tratamento pela via da fala.

Além do psicanalista, você poderá procurar um psicólogo (são profissões diferentes) e que poderá acolher e ajudar a pessoa que está nessa situação de "depressão" (ponho entre aspas só por não saber de onde veio o diagnóstico).

Estou à inteira disposição para ajudar a esclarecer qualquer dúvida que tenha.

Um abraço!

Psicanálise é uma vertente da psicologia, mas um psicanalista nem sempre seja um psicólogo. O psiquiatra, é formado em medicina e prescreve medicação. Já o psicanalista, não pode prescrever medicação. Qualquer vertente da psicologia pode trabalhar bem a depressão. Sugiro que faça o tratamento em conjunto, psicologia, com qualquer abordagem, desde que seja um psicólogo de confiança, e um psiquiatra.
Um bom tratamento

Como já foi bem descrito, a psiquiatria é uma graduação obtida na medicina, e o médico psiquiatra trata das patologias psiquiátricas geralmente com medicamentos ( presquicoes quimicas) já que na maioria das vezes o paciente apresenta alterações químicas apresentados pelos sintomas. Já a psicanálise necessariamente não precisa de uma graduação específica. Originariamente qualquer pessoa que passe por algum período em psicanálise e queira fazer estudo para psicanalista pode ser um profissional em psicanálise. Atualmente algumas Universidades, estão promovendo formação em psicanálise, principalmente a de psicologia, medicina, odontologia etc
No caso da depressão com já foi dito, é preferível que o paciente se trate com ambos os profissionais.

A psicoterapia de orientação psicanalítica é uma das abordagem em psicologia.
Recomendo para depressão procurar psicologo na abordagem cognitivo comportamental.
Melhoras!!

Ver as 289 perguntas sobre Depressão

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Depressão?

Nossos especialistas responderam 289 perguntas sobre Depressão.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.