Suspeito que tenho depressão desde meus 13 anos, hoje tenho 16. Sintom...

Olá. A depressão​ se caracteriza por uma tristeza duradoura, porém a avaliação tem que ser feita de forma individual, levando em conta todos os seus aspectos de vida e psíquico. De qualquer modo o diagnóstico ou não de depressão não muda o que você sente no momento e se quer lidar com essa dor deve sim procurar ajuda profissional, sendo depressão, tristeza ou qualquer outro caso, fazer psicoterapia é interessante para lidar melhor com quaisquer obstáculos da vida. Espero que procure um bom profissional que possa lidar com suas dores e te ajudar a sair desse estado de tristeza e desmotivação.

Possivelmente pode ter depressão, é importante consultar especialista para melhor diagnóstico. geralmente o encaminhamento é psicoterapia e apoio de medicamentos também, com consulta realizada por psiquiatra.
Geralmente aprendemos maneira de lidar com o mundo onde vivemos desde a infância, e é possível aprender novas maneiras de Ser.

Concordo com os colegas e destaco a importância de você procurar ajuda psicológica, principalmente por ter pensamentos suicidas. Não deixe de procurar tratamento. Melhoras! Abraços!

Se esses sintomas lhe trazem sofrimento já algum tempo, é importante buscar ajuda. Pode ser depressão ou não, mas não se preocupe com a classificação desse conjunto de sintomas nesse momento. Procure um Psicanalista na sua região para que através do processo de análise você possa se dar conta do que está comparecendo como pano de fundo em relação a esses sintomas.

É preciso uma melhor investigação sobre seus sintomas para definir se é depressão ou não. Mas o importante primeiramente é buscar ajuda para identificar o que lhe vem trazendo sofrimento e tratar.
A psicoterapia em conjunto com a psiquiatria é fundamental para um maior entendimento do que vem passando.

O ideal seria você procurar profissionais que possam te auxiliar nesse momento e investigar seus sintomas para assim fechar um diagnostico mais preciso. Um psicologo e um psiquiatra, ambos tendo experiência com adolescentes são os mais indicados nesse momento.

É possível que seja depressão. O tratamento é composto de psicoterapia e medicamentos, quando esses são necessários. Em muitos casos apenas a psicoterapia já é a ajuda necessária. No seu caso recomendo que fale com os seus pais a respeito para vocês procurarem essa ajuda que você está precisando. Caso essa conversa seja difícil eu e os meus colegas estamos a disposição para lhe ajudar no que precisar. Você não precisa continuar a sofrer só.

Primeiro quero te parabenizar por esse passo importante de reconhecer a tua dor e pedir ajuda. Este movimento nem sempre é fácil. Os sintomas que tu relata me fazem perceber que tu estás sofrendo bastante. Como mensagem quero te dizer que é possível, sim, passar por este sofrimento e construir uma vida que vale a pena ser vivida! É isso que eu desejo para ti! E tenho certeza que com esse desejo de mudança que tu manefesta ao nos procurar podes usar também para iniciar um processo de psicoterapia e assim, não só diminuir o sofrimento, mas também buscar a vida de bem-estar que tu desejas.

Olá caro (a) adolescente, parabéns pela iniciativa de procurar ajuda para a sua saúde emocional! Pelo seu relato vejo que é fundamental fazer terapia, diga para sua família que vc quer/precisa de um psicólogo. Vc vai ter um momento só seu pra falar do seu dia a dia, seus relacionamentos em casa, na escola, seus interesses atuais, seu passado. O psiquiatra é um médico q passará remédio se for o caso de depressão, uma avaliação é importante. Espero q sua família compreenda a necessidade da terapia, de cuidar das suas emoções e autoestima, estou à disposição no consultório e através do Skype.
Fique bem! Abraço

Olá, os sintomas descritos por você são característicos dá depressão. Contudo se faz necessário uma melhor avaliação do histórico dos referidos sintomas para se fechar um diagnóstico. Procure um psicólogo na sua cidade. Independente do diagnóstico de depressão ou não, a psicoterapia irá lhe ajudar a compreender os seus sentimentos. Caso necessário, o psicólogo lhe indicará psiquiatra para prescrever medicação.

Respondendo sua pergunta, pode sim ser depressão, porém, preciso dizer que o diagnóstico não é importante, e sim o que está sentindo, você precisa procurar um profissional, seja um psicólogo ou psicanalista, para falar o que sente, ele com certeza irá avaliar se é necessário te encaminhar a um psiquiatra, que lhe passará a medicação necessária, porém, lembrando que é o médico lhe passará o remédio, mas vc precisará permanecer em psicotetapia/análise, pois só ela vai te ajudar a compreender o porquê dessa angústia e te levará um auto conhecimento, contribuindo para seu bem estar, e no tempo devido o psiquiatra retirará a medicação.

Olá, primeiramente deve procurar um Psiquiatra para que ele faça uma avaliação mais aprofundada e caso necessite tomar medicação ele irá ajuda-lo. Provavelmente vocês tem depressão pelos sintomas citados, Procure um psicólogo ele irá ajudar você a superar estes sintomas e ter uma vida com mais qualidade e saudável. Espero que dê tudo certo pra você. Fique bem!

Pode ser depressão sim, mas mais importante do que buscar um nome para o que sente, penso que é necessário se debruçar sobre a construção dessa forma de lidar consigo mesma e com o mundo. Ressalto que vivemos numa época de um individualismo exacerbado e de pressões cada vez maiores, o que muitas vezes leva as pessoas a acreditarem que se elas não forem ou não tiverem aquilo que supostamente é o ideal, não têm valor. O desafio que se coloca é achar um meio criativo e único de construir novas saídas para essas pressões (que podem ser familiares, escolares ou da sociedade de modo mais geral). A tristeza, a baixa autoestima, a falta de vontade de viver pode ser um sinal, um alerta de que precisa encontrar novas formas de lidar com as adversidades. Em alguns casos a análise ou a terapia dá conta do processo, outras vezes é preciso haver também um tratamento medicamentoso. No momento, sugiro que busque a ajuda de um profissional qualificado.

Olá. Parabéns por relatar aqui no site o que vem vivenciando. O próximo passo que será muito importante, é procurar um psicólogo. A psicoterapia tem como objetivo fazer com que você construa novas formas de lidar com os outros e com o mundo. A necessidade da medicação deverá ser analisada juntamente com o psicólogo. Se for necessário, ele fará o encaminhamento ao Psiquiatra. Sucesso!

O sintomas que descreve é de um sofrimento mental, que diminui a qualidade de vida e a possibilidade de enfrentamento diante os desafios ao qual somos diariamente solicitados. Então, seria bem legal procurar ajuda para descobrir o que está acontece. O ideal seria combinado médico e uma terapia. Pois não adoecemos por compartimentos, só mental ou física, uma leva a outra. E na saúde mental as vezes precisamos entender como funcionamos, e se se não é funcional entender o porque. A própria depressão como transtorno do Humor, com a depressão que leva a pensamentos negativos, dificuldade a tomar decisões, etc . Saúde mental é ter equilibrio emoções e razão

Embora o exposto por você possa ser de depressão, a afirmação mais segura e o diagnóstico devem ser mais investigados em psicoterapia, até porque é importante entender o caso e isso somente é possível com mais informações a respeito de seu histórico de vida. Mas o mais importante é melhorar a qualidade de vida e diminuir os sintomas, então, reafirmo a necessidade de psicoterapia. Quanto à medicação, esta é indicada após avaliação adequada do quadro, sobre o grau depressivo e, então, com encaminhamento ao psiquiatra, que indicará qual o melhor medicamento para o caso. É muito superficial fazer afirmações sobre quadros clínicos e medicações sem o conhecimento profundo de cada indivíduo, portanto, procure por especialistas que poderão avaliar de forma individualizada e considerando sua subjetividade e singularidade.

Depressão é uma doença que pode desenvolver-se independente de sexo ou faixa etária, sendo que a adolescência é um dos períodos em que as pessoas podem ficar vulneráveis a ela.

O tratamento da depressão pode ser realizado de várias maneiras, mas todas elas devem incluir a Psicoterapia.

Em casos moderados a graves, a introdução de medicação torna-se necessária. Há muitos tipos de medicamentos, sendo os antidepressivos um dos mais utilizados. E, embora seu uso seja controlado, este tipo de fármaco não causa dependência, o que é uma vantagem.

Você relata tristeza constante, pensamentos suicidas, baixa estima, etc. Estes sintomas inspiram cuidados.

Este sofrimento que você está passando tem solução.
Mude o placar deste jogo: seja esperto, e não permita que a depressão te domine, fale com seus pais.

Acredite: com ajuda especializada você vai "dar a volta por cima" e poderá aproveitar sua vida de forma mais tranquila e feliz.

Cuide-se!

Psicóloga Carmen Bitarães (BH)

Primeiramente, um médico! Converse com seus pais ou um familiar que você confie e te apoia. Ingresse na Psicoterapia para examinar seus pensamentos. Você pode e deve vivenciar as alegrias que a vida proporciona. Mude seus pensamentos! Beijos e abraços...

Bom dia
estes sintomas provavelmente são de um transtorno depressivo, ansiedade , mas acredito que você deve procurar um profissional psicologo par afazer uma avaliação e na consulta ele vai te indicar os caminhos possíveis.
Fique bem. Um abraço

amigo, a depressão é um mal da cultura! Milhões de pessoas neste planeta são acometidas desse sintoma que a psicanalise cham, a de angústia.Tudo que você descreveu em seu discurso significa mal -estar. Para ajudá-lo,uma escuta psicanalitica seria o melhor a fazer. No momento não pense em medicação. Abraco.

Bom dia

Descreve uma situação que já se mantém a bastante tempo, 3 anos , então está faltando apenas dar o passo decisivo em busca do tratamento . Recomendo que inicie pela terapia individual e o profissional de tua escolha fará o encaminhamento se entender necessário para também auxilio por medicação. Nem sempre isso é necessário, mas o importante é que já está considerando a idéia de buscar essa ajuda, saber se realmente é uma depressão ou não, se apenas precisa sentir-se acolhida e segura para poder seguir adiante na vida. Espero ter fortalecido ainda mais essa motivação, vá em frente.

Existe tratamento. Procure ajuda em todas as fontes disponíveis. Por exemplo 1. Psicológica 2. Medica 3. Espiritual 4. Exercício físico Esta doença é seria. Não deixe para depois. Procure um bom profissional. A ajuda psicológica psicoterapêutica é excelente. Mestres da psicologia tem excelentes contribuições. Leia Viktor Frankle que ensina a superar problemas graves 1. Cultivando seus amores 2. Suas múltiplas missões de vida e 3, melhorando aperfeiçoando suas crenças. Este mestre que passou por imensos sofrimentos diz que: "A maior liberdade humana e que eu escolho minha emoção mesmo passando pelo maior sofrimento. Eu lhe desejo saúde e paz.

A depressão como você descreve me parece ser mais uma covardia moral. Não é uma doença. Uma dor de existir ... você pode dar o nome que quiser. Mas não importa, o que se sente e que incomoda vai de cada um. E o primeiro passo é pedir ajuda como você está fazendo. Marque com um psicanalista para contar o que sente e como sente.

Olá, seria muito importante você consultar primeiro um psiquiatra e depois um psicólogo, para ver o motivo desta tristeza. Fazer uma avaliação para ver se realmente é depressão. Se precisar estou a disposição. Abraços.

Mais importante que um rótulo para esses sintomas é descobrir os motivos de eles estarem acontecendo e o que fazer a respeito. Em outras palavras, o importante mesmo é você compreender e modificar a maneira como você se relaciona com o mundo ao seu redor (e esse é um dos objetivos de uma psicoterapia). Sobre a medicação: em alguns casos, é necessário o acompanhamento medicamentoso, mas é difícil avaliar essa necessidade somente através do seu relato aqui no site. Sugiro que você busque um acompanhamento psicológico, certo?
Sucesso!

Busque imediatamente ajuda! Aconselho terapia familiar, mostre aos seus pais o que escreveu nessa sessão e a resposta dos colegas acima, para formalizar seu pedido de ajuda!
Acredite está atravessando uma fase muito difícil dá vida e precisa de um acompanhamento psicológico tanto para você como os seus familiares para atravessarem esse momento.
Nada melhor do que um dia após o outro.
Bjs no coração!
Psicóloga Cida Santos

Os sintomas apresentados são comuns em casos de depressão. Aconselho a busca de um Psicólogo antes de pensar em medicação. Este profissional definirá junto com você a necessidade de encaminhamento ao psiquiatra para possível intervenção medicamentosa.
Estou a disposição!
Abraços

É bem possível que sim. Mas para obter um diagnóstico será importante que faça uma avaliação minuciosa com o psicólogo e psiquiatra. Quanto ao tratamento, dependerá de suas necessidades, que o psiquiatra deve avaliar, mas é bem mais efetivo quando realizado com os dois profissionais. Quanto a terapia poderá ser feito com a Tcc- Terapia Cognitivo Comportamental onde você terá oportunidade de reconhecer seus sentimentos, pensamentos e crenças, que na depressão não são muito adequados. Irá para aprender a compreender as situações por outras formas mais adequadas para que aos poucos possa mudar seus comportamentos, o que chamamos de reestruturação cognitiva e Comportamental. Com isso você perceberá a diminuição dos pensamentos "negativos" que tanto incomodam e que provavelmente devem causar prejuízos à você. Coloco-me a disposição. Abs.

O primeiro passo já está sendo dado, procurar ajuda e esclarecimento sobre esta dor que está trazendo consigo. Agora, independente de ser ou não Depressão, o melhor que você tem a fazer é ir em busca de profissionais que possam te acolher e terem a possibilidade de manejo sobre as questões que a levaram a estar neste quadro e assim você conseguir ressignificar tais vivências e a dor que está trazendo consigo! Quanto ao uso de medicamentos isto irá depender de uma avaliação psiquiátrica adequada e muito criteriosa, e se acaso vir precisar fazer uso dos mesmos, quando aliado ao acompanhamento psicológico irá surtir resultados ainda mais satisfatórios! Procure conversar com seus familiares e juntos unirem forças, pois você não está só neste momento!

Em sua resposta você diz que sente "tristeza constante, pensamentos suicidas, baixa estima e desmotivação". Diante disso, primeiramente, é importante buscar um psicólogo/psicanalista que lhe ajude a entender as razões desses sentimentos e a trata-los. Os pensamentos suicidas seriam como um sinal de alerta que aponta para certa urgência nessa busca por tratamento. Uma vez iniciada a sua psicoterapia/análise, percebendo que esses sentimentos ainda continuam intensos em sua vida e ficando fora de controle, recomenda-se uma consulta com um(a) psiquiatra que lhe dará a medicação necessária. Nesse caso, o diálogo psicólogo e psiquiatra pode ampliar as possibilidades de tratamento.

Ver as 270 perguntas sobre Depressão

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Depressão?

Nossos especialistas responderam 270 perguntas sobre Depressão.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.