Espasmo Hemifacial - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Espasmo Hemifacial

Tem perguntas sobre Espasmo Hemifacial?

Nossos especialistas responderam 10 perguntas sobre Espasmo Hemifacial.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Neurologista

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 240
  • 85
  • 830
Dr. Fabio Gomes da Conceição Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cardiologista, Médico clínico geral

São Paulo

Pode-se tentar associar pregabalina, oxcarmamazepina, baclofeno, clozapina, vitamina e, e até estimulação cerebral não invasiva ou neuromodulacao.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 27
  • 4
  • 37
Dr. Rauph Guimarães Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Especialista em Terapias Complementares e Alternativas, Neurologista

Curitiba

O espasmo hemifacial é uma síndrome caracterizada por movimentos facial espontâneos e eventualmente acompanhado de paresia em território de inervação muscular do nervo facial. Ocorre predominantemente na quinta e sexta décadas de vida e traz normalmente grande desconforto psicológico e social, podendo inclusive ocorrer durante o sono ou a anestesia. Os sintomas podem ser agravados pelo stress emocional, cansaço e movimentos da face. Desde a descrição em 1962 de Gardner (J. Neurossurg.) e importantes trabalhos nacionais como o do Dr. Paulo Niemeyer Filho em 1990 (Arq Neuro-Psiquiat.)de que a patologia poderia ser causada pela leve e prolongada compressão da raiz do facial por alça vascular no ângulo ponto-cerebelar a técnica cirúrgica de descompressão neurovascular do nervo facial, técnica aperfeiçoada por Jannetta (Arch Neurolog 1975) do nervo facial tem sido utilizada com grande sucesso. Este tratamento se mostrou amplamente superior a qualquer outro tratamento clínico ou cirúrgico.

  • 14
  • 2
  • 10
Alexandre Meluzzi

Neurocirurgião, Neurologista

São Paulo

Primeiro passo é ser avaliado pelo neurologista. Se for mesmo espasmo hemifacial, normalmente pedimos um exame de imagem. O tratamento mais adequado na maioria das vezes é com toxina botulínica.

  • 43
  • 14
  • 14
Dr. Lucas Silvestre Mendes Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Neurologista

Fortaleza

Ver as 10 perguntas sobre Espasmo Hemifacial