Garganta inflamada - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Garganta inflamada

Informação sobre Garganta inflamada

O que é uma dor de garganta?

Uma dor de garganta é causada geralmente por faringite ou amigdalite. A faringo-amigdalite é uma doença localizados principalmente na área das amígdalas. Ela pode ser causada por um vírus ou bactérias. A dor de garganta de inflamação nesta área pode ser também uma consequência de outras doenças como a gripe ou mononucleose infecciosa (doença do beijo).

A doença ocorre geralmente em crianças e jovens, mas pode acontecer em qualquer idade. As características da doença são dor de garganta que aumenta com a deglutição. Se a doença for causada por uma bactéria pode ser tratada com antibióticos. Normalmente não há complicações.

Como você começa uma dor de garganta?

A dor ocorre após a infecção com um vírus ou bactérias que causam faringo-tonsilar inflamação. A infecção pelo vírus pode ser devida ao mesmo vírus que causa frio ou vírus Epstein-Barr (mononucleose infecciosa que produz ou doença do beijo). A infecção se espalha em gotículas no ar e nas mãos, que transmitem a infecção de pessoa para pessoa.

Entre as bactérias que causam dor de garganta, o estreptococo do grupo A é o mais comum. Esta bactéria causa  faringo amigdalite aguda, mais típico, e quase todos sofreram em algum momento. O período de incubação desde o contato com o agente infeccioso, até que a doença se desenvolva é de dois a quatro dias, e às vezes menos.

Quais são os sinais de infecção?

  • Dor de garganta e dificuldade para engolir.
  • A dor pode se espalhar para os ouvidos.
  • A garganta é avermelhada, as amígdalas estão inchadas e podem ser cobertas com uma descarga de substâncias (muco) ou pus esbranquiçado.
  • Possivelmente uma febre e aumento dos gânglios linfáticos sob a mandíbula ou no pescoço
  • Se a dor de garganta é devido a uma infecção viral, os sintomas são geralmente mais leves e geralmente se manifesta como um resfriado comum.
  • Se a dor de garganta é devido ao vírus coxsackie, podem apresentar pequenas bolhas nas amígdalas e palato mole. As bolhas explodem em poucos dias e são seguidos por uma ferida (úlcera) que podem ser muito dolorosas.
  • Se a dor de garganta é devido a uma infecção por estreptococos, as amígdalas, muitas vezes incham e as placas da garganta inflamada  são cobertas com pus. O paciente desenvolve febre, tem mau hálito e pode se sentir muito doente.

É importante notar que, se os sinais de uma dor de garganta ficarem por mais de alguns dias ou o paciente tem significativa dificuldade em engolir, febre alta ou vômitos, você deve consultar um médico. Bebidas quentes e alimentos moles podem atenuar os problemas de deglutição. Você deve beber líquidos em abundância.

Como o médico faz o diagnóstico?

O seu médico irá geralmente ver os sintomas da doença, mas ocasionalmente podem ser coletadas com um cotonete amostras das secreções da garganta e pode exigir uma amostra de sangue para identificar a causa.

Que complicações podem ocorrer?

Uma dor de garganta geralmente não causa problemas e só dura uma semana, mas pode causar as seguintes complicações:

  • A infecção secundária do ouvido médio ou seios.
  • Se a dor de garganta é devido a uma infecção por estreptococos, pode haver uma erupção cutânea generalizada (febre escarlate).
  • Uma complicação rara é um abscesso na garganta, o que geralmente ocorre apenas em um lado.
  • Em casos raros, pode desenvolver doenças como a febre reumática ou doença renal (glomerulonefrite).

Como você pode tratar uma dor de garganta e que a medicação pode ajudar?

Na maioria dos casos, uma dor de garganta causada por uma infecção por vírus só precisa ser tratada com paracetamol para baixar a febre.

Em uma pequena minoria de pacientes, uma dor de garganta causada por bactérias é tratada com penicilina ou eritromicina (este último em casos de alergia à penicilina).

Possui uma dúvida concreta sobre Garganta inflamada? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a Garganta inflamada

Sempre gosto de ensinar tudo para meus clientes sobre sua doença, e em especial sobre a garganta inflamada, que parece ser algo tão simples e não é. Ao fazer a analise das tonsilas palatinas (amigdalas) olhamos se há aspecto de ser viral ou bacteriano; se há abscesso ao redor da amigdala o que é um sinal de gravidade. Outra coisa importante é sobre a relação da amigdalite com problemas cardiacos! Etaa isso é sério! alguns casos pode ter como agente a bactéria Streptococcus beta-hemolitico grupo A e esta, quando não tratada, pode desencadear a Febre Reumática. Esta por sua vez, leva à varias doenças do coração como lesões inflamatórias no mesmo, inflamações nas articulações do corpo. Se cuidem.
Dra. Liliane Mendes
Dra. Liliane Mendes Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Especialista em Dor, Médica clínica geral

|

Belo Horizonte

Tem perguntas sobre Garganta inflamada?

Nossos especialistas responderam 206 perguntas sobre Garganta inflamada.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

A rouquidão é uma afecção da laringe e/ou das pregas vocais, e quando superior a 2 semanas deve-se procurar um otorrino para fazer uma avaliação detalhada.

  • 121
  • 82
  • 254
Dr. Joao Renato Poli Swensson

Otorrino

Sorocaba

Olá!!! A quantidade de infecções repetidas das amígdalas nas crianças pode acarretar diversas complicações , tanto relacionadas ao fato de usar medicamentos muitas vezes como pela possibilidade de em alguma dessas infecções lesar outros órgãos...Isso tem que ser interrompido quer seja com tratamento clínico após a identificação do fator causal (intolerâncias alimentares, alergia respiratória de difícil controle, refluxo gástrico,entre outros) ou com o tratamento cirúrgico.Habitualmente quando nenhum tipo de terapêutica conservadora (remédios) dá bons resultados a opção única acaba sendo a cirurgia. Boa parte das vezes a criança tem aumento das amígdalas e também das adenoides sendo respiradora bucal que gera um quadro respiratório de difícil controle clínico e além das infecções pode surgir o ronco e dificuldade para ingerir alimentos mais sólidos.Uma boa avaliação clínica pelo especialista em consulta médica de rotina pode definir bem o diagnóstico e o tratamento adequado.

  • 40
  • 30
  • 37
Dr. Guido Bighetti Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião de cabeça e pescoço, Otorrino

Ribeirão Preto

Marcar consulta

Prezado paciente-internauta, de fato, a sensação de opressão ou desconforto faríngeo pode ser angustiante. Mas procure ter calma, pois, em geral, é de manejo simples. Procure seu otorrino e evite a auto-medicação!

  • 754
  • 288
  • 487
Dr. Gustavo Guagliardi Pacheco Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Medico do Sono, Otorrino

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Prezado paciente-internauta, Há um senso comum, algo folclórico em torno da tese de que ao se retirar as tonsilas palatinas (amígdalas), perder-se-ão as defesas e sou categórico em afirmar que isso é falso. Primeiro porque tais estruturas funcionam apenas como espécie de "motor de arranque" do sistema imune (de defesa) no ínício da vida, depois tendendo a regressão quase total em vista de perderem suas funções - que, diga-se de passagem, nem tão pouco, sabe-se já, são assim tão imprescindíveis na infância. Segundo porque quando bem indicada, a cirurgia se propõe a tratar o foco infeccioso no qual ela passou a se constituir (isso mesmo, ela passa de defesa para agressor), bem como a obstrução que o volume destas gera quando acometida cronicamente. De modo que, se fostes operado/a, entenda que "apenas" estes tecidos foram retirados, mas há outras estruturas na garganta também passíveis de se "inflamarem" e elas não estão sendo mais afetadas pelo fato de ter sido submetido/a cirurgia.

  • 754
  • 288
  • 487
Dr. Gustavo Guagliardi Pacheco Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Medico do Sono, Otorrino

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Ver as 206 perguntas sobre Garganta inflamada