Hérnia Abdominal - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Hérnia Abdominal

Descrição

O que é?

A hérnia é uma saliência de alguma porção do organismo que se exterioriza. Quando essa saliência ocorre na região do abdome, a hérnia é chamada de abdominal. É nessa região que elas são mais frequentes. A cavidade abdominal é formada por uma série de órgãos. Os intestinos, o estômago e o fígado são os mais importantes. Eles são mantidos no lugar pelos ossos, músculos e pele. Quando por algum motivo se deslocam podem formar a hérnia.

Qual é a causa?

As hérnias costumam ser divididas de acordo com o local onde são formadas e seus fatores motivadores são específicos. - Hérnia inguinal: surge na região da virilha. São aproximadamente 75% das hérnias abdominais. Muito mais comuns em homens que em mulheres. Aparecem devido ao esforço. Decorrem da fraqueza do canal inguinal. Isso atinge especialmente pessoas mais velhas, profissionais que submetem o local a esforço de forma constante e em esportistas, por exemplo. Os obesos têm mais chances de desenvolver essa condição. - Hérnia umbilical: surge na região do umbigo devido a um defeito no fechamento da cicatriz umbilical. Em geral, fecha após dois anos. Só se torna preocupante se persistir até a criança chegar aos cinco anos. - Hérnia incisional: ocorre em locais do abdome onde já foi realizada uma cirurgia. São resultantes da cicatrização inadequada. - Hérnia epigástrica: aparece na linha mediana do abdome. Acima ou abaixo da cicatriz umbilical. Surgem quando o paciente faz muita força com o abdome.

Quais os sintomas?

Dor, desconforto na região, vômito, náusea, prisão de ventre e inchaço estão entre os sintomas apresentados.

Como fazer o diagnóstico?

O exame clínico é capaz de detectar a presença da hérnia. O diagnóstico pode ser completado com exames de imagem como a ecografia e a ressonância magnética.

Qual o tratamento?

As hérnias só podem ser curadas com tratamento cirúrgico. Porém, em boa parte dos casos não há a necessidade da operação. O médico pode acompanhar o desenvolvimento da hérnia no caso de ela não trazer prejuízos graves ao paciente. Em períodos de crise, há a possibilidade do uso de medicamentos para diminuir a dor.

      Tem perguntas sobre Hérnia Abdominal?

      • Pergunte gratuitamente a milhares de especialistas registrados em Doctoralia.
      • Os profissionais especialistas em Hérnia Abdominal receberão sua pergunta e responderão.

      A sua pergunta se publicará de forma anônima.

      • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
      • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
      • Seja breve e conciso.
      • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
      • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

      Nossos especialistas responderam 23 perguntas sobre Hérnia Abdominal. Estas são as mais populares:

      Tenho uma hérnia epigástrica acima do umbigo já operei uma vez e ela voltou muito rápido. Sou personal trainer e faço esforço diariamente o que devo fazer??

      Resposta de Dr. Luis Gustavo Cavalcante Reinaldo: Vc deve ser operado novamente, sendo que dessa vez peça para o cirurgião utilizar uma tela para você ter um melhor resultado cirúrgico.

      um carocinho no umbigo por dentro pode ser hernia?

      Resposta de Dr. Nemer Hajar: Existe a possibilidade de que seja uma hérnia umbilical ou as vezes é somente a própria cicatriz umbilical, Para uma melhora avaliação deverá passara por uma consulta com um cirurgião geral.

      A hernia abdominal pode doer e dar febre?

      Resposta de Dr. Ricardo da Silva Lourenço: Dor sim, febre não. Mas só o fato de apresentar dor é um indicativo de que tem que procurar uma avaliação médica urgente.

      fiz uma cirurgia de hernia epigastrica com colocação de tela a 22 dias, gostaria de saber se ja posso dirigir e se tbm ja posso ingeir bebida alcoolica?

      Resposta de Dr. Ricardo da Silva Lourenço: Normalmente com este período de recuperação já pode-se dirigir. A bebida alcoólica não tem relação com a cirurgia, apenas se considerarmos o risco de embriagues seguido de uma possível queda ou esforço brusco inesperado. Além do que álcool e direção não se misturam.

      Ver as 23 perguntas sobre Hérnia Abdominal

      Tratado por

      Cirurgia Geral

      Clínica Médica

      Cirurgia do Aparelho Digestivo

      Com Doctoralia poderá encontrar especialistas em Hérnia Abdominal no Brasil