Perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite)

Tem perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite)?

  • Pergunte gratuitamente a milhares de especialistas registrados em Doctoralia.
  • Os profissionais especialistas em Refluxo gastroesofágico (esofagite) receberão sua pergunta e responderão.

A sua pergunta se publicará de forma anônima.

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite)

42Perguntas

57Respostas

10Especialistas de acordo

45Pacientes agradecidos

A Doença do Refluxo ocorre quando o conteúdo do suco gástrico ("ácido do estômago") sobe para o esôfago. Desta forma, elevar a cabeceira da cama dificulta esta subida diminuindo a chance de refluxo. Dormir sobre o lado esquerdo também pode diminuir o refluxo em comparação quando se dorme do lado direito, de costas ou de bruços (isso, por causa da posição do estômago).

Dr. Quelson Coelho Lisboa
  • 28
  • 5
  • 54

Dr. Quelson Coelho Lisboa

Gastroenterologista

Belo Horizonte

Ver as 3 respostas

Um achado endoscópico normal não quer dizer necessariamente que você não tenha doença do refluxo. Um exame complementar que poderia auxiliar seriam a pHmetria e manometria esofágica, que poderiam acusar refluxo e justificar os seus sintomas, embora outras causas devem ser excluídas. Não deixe de continuar o seu seguimento com um bom gastroenterologista!

Dr. Fabricio Medeiros de Oliveira Almeida
  • 5
  • 2
  • 7

Dr. Fabricio Medeiros de Oliveira Almeida

Cirurgião do Aparelho Digestivo, Cirurgião Geral

Vila Velha

Ver as 2 respostas

Primeiramente, somente o resultado da endoscopia não é suficiente para averiguar a gravidade do seu caso. Há de se definir qual a doença que você possa apresentar e, a partir daí, determinar a gravidade do caso com o exame já em mãos. Espero ter ajudado. Um grande abraço!

Dr. Rafael Lima Kahwage
  • 137
  • 21
  • 107

Dr. Rafael Lima Kahwage

Endoscopista, Gastroenterologista, Médico clínico

Ribeirão Preto

Ver as 2 respostas

É preciso confirmar a sua tese, de que seus sinais e sintomas estão relacionados com refluxo gástrico; então, é necessário consulta médica, exame físico e exames complementares; Quanto à dor em região posterior e que está desencadeando arroto, pode sim estar inter-relacionados; volta a orientar a necessidade da avaliação médica. Este tipo de dor ser compatível com patologias pulmonar, cardíaca, muscular, vascular e outros.

Dr. Gustavo Safatle Barros
  • 3
  • 1
  • 2

Dr. Gustavo Safatle Barros

Médico clínico

Goiânia

Ver as 2 respostas

De maneira alguma. Se vc sente, além de dor torácica e queimação retroesternal (sintomas comuns de refluxo), irradiação dessa dor para o braço, procure urgentemente um cardiologista para afastar a possibilidade de doença cardíaca isquêmica.

Dr. Bruno de Souza Ribeiro
  • 15
  • 2
  • 5

Dr. Bruno de Souza Ribeiro

Endoscopista, Gastroenterologista

Vitoria

Ver as 2 respostas

Os sintomas mais comuns são a azia, dor para engolir e dor no peito, mas pode ser completamente assintomática. Além disso, pode ser causada pelo refluxo gastroesofágico, infecções ou medicamentos.

Leonardo da Cruz Peixoto
  • 7
  • 0
  • 5

Leonardo da Cruz Peixoto

Gastroenterologista, Médico clínico

Rio de Janeiro

Ver as 2 respostas

Sim, pode ser a persistencia do refluxo. Um teste terapêutico pode ser realizado com medicações que diminuem a produção de ácido pelo estômago e aceleram seu esfaziamento. E exames como a manometria e phmetria esofágica são necessários para uma definição mais precisa do seu quadro.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 449
  • 27
  • 173

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Cirurgião do Aparelho Digestivo, Cirurgião Geral, Gastroenterologista

Mogi Das Cruzes

Ver as 2 respostas

Você precisa realizar alguns exames como a manometria e phmetria esofágica, pois há casos onde o tratamento cirúrgico é o mais efetivo.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 449
  • 27
  • 173

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Cirurgião do Aparelho Digestivo, Cirurgião Geral, Gastroenterologista

Mogi Das Cruzes

Ver as 2 respostas

Sim, estes sintomas podem corresponder à esofagite.
Muitas vezes confunde-se com dor de origem cardíaca, o que parece ser o seu caso. Deve-se algumas vezes complementar a investigação com phmetria e manometria esofágica. Mas os casos de hérnia hiatal sintomáticos respondem bem à cirurgia.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 449
  • 27
  • 173

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Cirurgião do Aparelho Digestivo, Cirurgião Geral, Gastroenterologista

Mogi Das Cruzes

Ver as 2 respostas

Medicações como o sucralfato ajudam bastante. Mas você precisa passar por uma avaliação e acompanhamento médico, pois estes refluxos não podem persistirem. O uso de medicações podem aliviar os sintomas mas não a agressão inicial. Dependendo do resultado de sua endoscopia digestiva alta, manometria e phmetria esofágica, e conforme sua resposta às medicações, pode haver indicação de tratamento cirúrgico.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 449
  • 27
  • 173

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Cirurgião do Aparelho Digestivo, Cirurgião Geral, Gastroenterologista

Mogi Das Cruzes

Ver as 2 respostas

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia: