Perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite)

Tem perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite)?

Nossos especialistas responderam 68 perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite).

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Perguntas sobre Refluxo gastroesofágico (esofagite)

68Perguntas

103Respostas

21Especialistas de acordo

106Pacientes agradecidos

A Doença do Refluxo ocorre quando o conteúdo do suco gástrico ("ácido do estômago") sobe para o esôfago. Desta forma, elevar a cabeceira da cama dificulta esta subida diminuindo a chance de refluxo. Dormir sobre o lado esquerdo também pode diminuir o refluxo em comparação quando se dorme do lado direito, de costas ou de bruços (isso, por causa da posição do estômago).

  • 29
  • 12
  • 143

Dr. Quelson Coelho Lisboa

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Gastroenterologista

Belo Horizonte

Ver as 3 respostas

O exame inicial para diagnóstico da doença do refluxo e a endoscopia digestiva alta. A partir dela podemos avaliar a melhor estratégia de tratamento, que vai desde mudança na alimentação e medicação até cirurgia para correção do distúrbio de acordo com a causa da doença e sua INTENSIDADE.

Gabriel Gatto Gonzalez Gatto
  • 22
  • 2
  • 5

Gabriel Gatto Gonzalez Gatto

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

Nova Iguaçu

Ver as 3 respostas

Refluxo com sintoma laríngeo sim, causa tosse. Só que tosse com mais de 30 dias pode ser outras coisas também. Da mesma maneira, tuberculose, enfisema, bronquite crônica, asma cardíaca. A medicina não é uma ciência de certezas mas de probabilidades. Às vezes o refluxo é só um refluxo; outras vezes tem hérnia hiatal ou outros tipos de hérnia associado. Por isso que a avaliação do paciente como um todo é importante. Consulte um cirurgião do aparelho digestivo experiente.

Dra. Clarissa Alster Vicente
  • 288
  • 30
  • 238

Dra. Clarissa Alster Vicente

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgiã do aparelho digestivo, Cirurgiã geral

São Paulo

Ver as 3 respostas

Não. São doenças diferente. A esofagite é uma inflamação devido do refluxo gástrico-esofágico e a prisão de ventre é uma patologia do intestino grosso.

Dr. Leonardo Soares da Silva
  • 22
  • 8
  • 41

Dr. Leonardo Soares da Silva

Gastroenterologista

Manaus

Ver as 2 respostas

Provavelmente pode tratar-se de um quadro de refluxo gastroesofágico. São necessário exames como a manometria e phmetria para ajudar na elucidação. A maioria dos casos responde ao tratamento medicamentoso e medidas comportamentais. Em outros casos, o tratamento cirúrgico está indicado.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 1271
  • 207
  • 1379

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Coloproctologista

São Paulo

Ver as 2 respostas

Uma alimentação balanceada é melhor que qualquer suplemento. Procure orientação de uma nutricionista para isso. Se necessário, após uma avaliação nutricional, alguma Complementação, a ingestão de capsulas e comprimidos com pouco líquido deve dar menos refluxo que muito líquido. Prefira uma dieta fracionada em 5 a 6 vezes por dia. A vitamina D por si só, não piora o refluxo. Não deite por 2 a 3 horas após se alimentar

  • 99
  • 24
  • 122

Dr. Joao Francisco Ferrari Duch

Cirurgião geral, Coloproctologista

São Paulo

Ver as 2 respostas

Sim, pode ser a persistencia do refluxo. Um teste terapêutico pode ser realizado com medicações que diminuem a produção de ácido pelo estômago e aceleram seu esfaziamento. E exames como a manometria e phmetria esofágica são necessários para uma definição mais precisa do seu quadro.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 1271
  • 207
  • 1379

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Coloproctologista

São Paulo

Ver as 2 respostas

De maneira alguma. Se vc sente, além de dor torácica e queimação retroesternal (sintomas comuns de refluxo), irradiação dessa dor para o braço, procure urgentemente um cardiologista para afastar a possibilidade de doença cardíaca isquêmica.

Dr. Bruno de Souza Ribeiro
  • 15
  • 3
  • 14

Dr. Bruno de Souza Ribeiro

Endoscopista, Gastroenterologista

Cariacica

Ver as 2 respostas

O principal tratamento para o Refluxo gastroesofágico são as medidas comportamentais e o tratamento medicamentoso. Em apenas algumas ocasiões está indicado o tratamento cirúrgico. Somente o seu médico pode indicar o melhor tratamento no seu caso.

  • 29
  • 12
  • 143

Dr. Quelson Coelho Lisboa

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Gastroenterologista

Belo Horizonte

Ver as 2 respostas

A princípio não há relação direta. A vesícula biliar tem como função armazenar a bile que o fígado produz, para utilizá-la em determinados momentos, quando o alimento chega ao intestino. O que pode ocorrer é um refluxo duodeno-gástrico, onde o conteúdo deste seguimento intestinal, normalmente constituído em parte por bile, reflui ao estômago. Mas isto ocorre geralmente por incompetência de uma válvula que há na transição gastro-duodenal chamada de piloro.

Dr. Ricardo da Silva Lourenço
  • 1271
  • 207
  • 1379

Dr. Ricardo da Silva Lourenço

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Coloproctologista

São Paulo

Ver as 2 respostas

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia: