Transtornos Da Personalidade - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Transtornos Da Personalidade

Os especialistas falam sobre a Transtornos Da Personalidade

Os sinais e sintomas variam muito de acordo com o tipo de transtorno de personalidade. No entanto, todos eles têm alguns pontos em comum. Em geral, os transtornos de personalidade constituem um padrão de sentimentos, pensamentos e comportamentos que não se adaptam a situações diversas. Esse padrão geralmente começa na adolescência e pode causar inúmeros problemas em situações sociais e profissionais. Esses distúrbios comprometem seriamente a qualidade de vida dos pacientes, que sentem enorme dificuldade em adaptar-se a determinadas situações e que, por isso, causam sofrimento e incômodo a eles próprios e aos que estão por perto.
Dra. Betânia Tassis
Dra. Betânia Tassis Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicóloga

|

Rio de Janeiro

No tratamento psiquiátrico precisamos ajudar em duas partes: na parte química da doença onde entra a medicação adequada que promove um equilíbrio nas substâncias cerebrais; e na parte que envolve a personalidade da pessoa, pois as manifestações de cada doença depende de como cada ser humano é. Aqui entra ajudar a pessoa a lidar melhor com as frustrações, entender melhor suas próprias limitações e a forma de enxergar o mundo. Só assim teremos um tratamento completo e eficaz. As pessoas que possuem algum tipo de transtorno mental precisam e muito de compreensão, ajuda e respeito! A melhor forma de ajudar é oferecendo apoio! 1 pessoa a cada 4 precisará de ajuda psiquiátrica em algum momento.
Vanessa Leal
Vanessa Leal Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

Palhoça

Tem perguntas sobre Transtornos Da Personalidade?

Nossos especialistas responderam 13 perguntas sobre Transtornos Da Personalidade.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Olá! Penso que a primeira coisa seria passar por uma consulta psiquiátrica e uma Avaliação Neuropsicológica. Somente após essas providências será possível dizer o que realmente está acontecendo e qual será a linha de tratamento a ser seguida. O mais importante você já tem! É o reconhecimento de que algo não está bem! Fico a disposição. Abs, Sandra Romao

  • 36
  • 32
  • 27
Sandra Romão Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

São Paulo

Marcar consulta

Olá! Felizmente ou infelizmente não. Ou ao menos não totalmente. Por mais que um filho não concorde com algumas atitudes e valores dos pais e de outras pessoas, o desenvolvimento humano é influenciado pelo ambiente. E vivemos num sistema: qualquer ação implica em uma reação, mesmo que imperceptível. Até o que não gostamos nos outros nos influencia a tomar algumas atitudes. Mesmo que contrárias. O que faz a diferença, nisso tudo, é a consciência individual sobre essas influências. Se você fizer o exercício contínuo de se questionar e de se observar, pensando se tais influências são boas ou ruins para você, poderá decidir e acolher aquilo que faz sentido para você. O autoconhecimento é muito importante para isso. Assim, você poderá ser protagonista da sua vida. E não um "figurante".

  • 9
  • 15
  • 5
Mariana Gressler Volante Balardin

Psicóloga

Porto Alegre

Há várias hipóteses para essa mudança de humor e de comportamento, desde uso de drogas até transtornos de personalidade, não descartando a possibilidade de problemas emocionais. Para cada um desses casos, um encaminhamento diferente. Por isso a avaliação psicológica bem feita é tão importante. Somente uma avaliação criteriosa poderá apontar as melhores soluções.

  • 38
  • 28
  • 18
Elaine Viola Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Sem dúvida, buscar ajuda psicológica será essencial. Seu relato é curto, mas traz algumas questões que merecem atenção (oscilação de humor, distorção do pensamento ao dizer que todos querem lhe fazer mal e os sinais fisiológicos, como a taquicardia) o que pode sugerir um transtorno de humor e/ou déficit de habilidades sociais. Evidemente, precisariam ser levantadas mais informações para um diagnóstico correto. Além disso, independente deste aspecto é importante receber o suporte que precisa, pois percebo que há sofrimento importante e uma vontade de mudar. Espero que essas considerações o (a) ajudem.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 22
  • 8
  • 14
Adna Rabelo Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Rio de Janeiro

Ver as 13 perguntas sobre Transtornos Da Personalidade