Transtornos De Estresse - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Transtornos De Estresse

Informação sobre Transtornos De Estresse

O que é?

O Transtorno do Estresse Pós Traumático (TEPT) ou Transtorno de Estresse Agudo é uma perturbação psíquica decorrente de uma situação ameaçadora.

Qual é a causa?

A participação do indivíduo em uma situação de violência seja como vítima ou mesmo como testemunha. Normalmente os principais causadores desse quadro são os casos de violência urbana como agressão, atos de terrorismo, abuso sexual e catástrofes naturais, por exemplo.

Quais os sintomas?

O principal sintoma desse quadro é a pessoa reviver através de sonhos ou pensamentos a situação causadora do trauma. O paciente também evita conversas e até mesmo objetos que possam relembrar o evento. Essas lembranças podem ser o gatilho para o disparo de sensações de ansiedade e desconforto. Para evitar essas situações e com medo de evento se repetir, o paciente tende a se isolar. Também são percebidos sintomas como: - diminuição no interesse em realizar as atividades cotidianas - dificuldade em dar e receber afeto- hiperatividade- problemas para dormir - dificuldade de concentração- irritabilidade

Como fazer o diagnóstico?

O primeiro ponto para fazer o diagnóstico do Transtorno de Estresse é a confirmação da existência de um evento traumatizante. Ele precisa ser suficientemente marcante para que a pessoa desenvolva os sintomas apresentados acima. Isso pode ser detectado através de uma entrevista com o paciente. Não há necessidade da utilização de exames laboratoriais ou de imagens.

Qual o tratamento?

É recomendada a psicoterapia acompanhada de medicamentos para controlar os sintomas.

Possui uma dúvida concreta sobre Transtornos De Estresse? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a Transtornos De Estresse

Tendo como linha psicológica a Fenomenológico-Existencial, a escuta diferenciada e acolhimento são oque conduzirão a sessão. As questões existenciais, vivenciais e afetivas são o norte para identificação dos desencadeadores do transtorno e direcionamento para as intervenções adequadas a partir do conteúdo coletado durante as sessões. Podem haver intervenções junto à família, caso haja permissão do paciente. O sigilo psicoterapeuta/paciente é respeitado em todos os atendimentos.
Marcia Kelen Moscatelli
Marcia Kelen Moscatelli Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga, Psicopedagoga

|

Sorocaba

Resulta do acúmulo de pequenos problemas que se repetem todos os dias. Caracterizado por sensações de medo, desconforto, preocupação, irritação, frustração, indignação, nervoso, e pode ser causado por diversos motivos. O organismo não reage convenientemente diante dos problemas e começa a dar sinais de cansaço que podem afetar os sistemas imunológico, endócrino, nervoso e o comportamento do dia a dia. A continuidade dessa situação afeta a pessoa, exaurindo suas forças e ela cai num estado de exaustão, de estresse propriamente dito.
Dra. Betânia Tassis
Dra. Betânia Tassis Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicóloga

|

Rio de Janeiro

Existem vários fatores que geram o Estresse, um deles é a nossa péssima mania de comparar, competir e disputar. Toda vez que nos comparamos, estamos entrando na porta do inferno. Notamos que algumas religiões pregam a ideia das pessoas se compararem com os menos afortunados. No entanto, quando uma pessoa cria o habito de se comparar, não consegue mais escolher o alvo, e acaba se comparando com os menos e os mais afortunados também. Isto gera muito estresse, além de ser algo injusto, uma vez que cada pessoa é única e singular, não há comparação. Portanto, uma via para diminuir o Transtorno de Estresse, é desenvolver esta consciência e libertar-se da comparação, competição e disputa.
Dra. Léa Michaan
Dra. Léa Michaan Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicóloga

|

São Paulo

A partir do momento que você acorda cansado, passa o dia sem ânimo, com dificuldades para trabalhar, não dorme um sono reparador, não consegue se desligar nos finais de semana, além de se sentir muitas vezes irritado, deprimido, chegando a afetar seus relacionamentos interpessoais...Você está com alguns Sintomas importantes de Stress...É na psicoterapia, onde você terá a chance de perceber o quanto você está vivendo no piloto automático deixando de viver realmente o que você gostaria de viver... Não perca a chance de encontrar sua paz e felicidade, através do autoconhecimento e autocontrole ...
Rose Nassif
Rose Nassif Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

Jundiaí

Como anda você no meio dessa loucura do dia-a-dia? Olhar pra dentro, enxergar suas reais necessidades, o que te leva a fazer o que está fazendo e quais estratégias para ter a vida que deseja em um futuro próximo, são um dos temas abordados nas sessões. Como você está se relacionando com as coisas que acontecem no cotidiano? O seu estresse está a serviço de que, na sua vida? Ter um espaço para pensar em você é muito importante para dar conta das emoções que estão transbordando. A vida pode ser encarada de maneiras diferentes, mas no momento você pode não estar encontrando outros olhares. É nisso que posso lhe ajudar.
Danilo Firmino da Costa

Psicólogo

|

São Paulo

Ver mais

Tem perguntas sobre Transtornos De Estresse?

Nossos especialistas responderam à seguinte pergunta sobre Transtornos De Estresse:

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Um Transtorno Ansioso não está diretamente relacionado à causa da Labirintite, porém, uma pessoa com Labirintite pode apresentar maior sintomatologia ansiosa. É aí que as pessoas costumam confundir "causa" e "consequência". Porém, existe grande confusão de uso do termo Labirintite, que pode ser empregado como queixa a uma "vertigem", a um "zumbido de força intensa no ouvido", "uma náusea intensa", etc. Basicamente, o diagnóstico de Labirintite deve ser fechado por um médico (normalmente, um especialista) que irá pelas seguintes possibilidades causais: 1) Questões relacionadas à alergias 2) Questões relacionadas ao uso de determinado medicamento 3) Vírus/Bactérias/Lesões Outra coisa, o "Stress" como conhecemos, está dentro de Transtornos de Ansiedade. Espero ter auxiliado

  • 41
  • 85
  • 85
Prof. Luis Anunciação

Psicólogo

Rio de Janeiro