1.560 RQE
INSTITUTO DE SAÚDE MENTAL DE PALMAS - (ISMEP) - Avenida Teotônio Segurado Quadra 401 Sul Conjunto 01 Lote 01 (Sala 707) (Edifíco Espaço Médico Empresarial) (Plano Diretor Sul). 77015550 Palmas, Tocantins TO
Web Ver todos os detalhes de contato
Ampliar

Consultório

INSTITUTO DE SAÚDE MENTAL DE PALMAS - (ISMEP) - Avenida Teotônio Segurado Quadra 401 Sul Conjunto 01 Lote 01 (Sala 707) (Edifíco Espaço Médico Empresarial) (Plano Diretor Sul)
77015550 Palmas, Tocantins TO (mapa)

Fone:63 3... Mostrar número completo
Fone:63 8... Mostrar número completo
Qua/Qui/Sex 8:00 - 12:00
Hospital Geral de Palmas Doutor Francisco Aires
Unidade de Saúde Mental
Serviço de Psiquiatria Clínica

201 Sul Ns 01 Conjunto 02 Lote, 01 (Centro)
77015-202 Palmas, Tocantins TO (mapa)

Fone no centro:63 3... Mostrar número completo
Fone:(63)... Mostrar número completo
Segunda-Feira 8:00-12:00

Opiniões para Dr. Wordney Carvalho Camarço

Adicionar opinião

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a avaliar Dr. Wordney Carvalho Camarço

Respostas de Dr. Wordney Carvalho Camarço

Dr. Wordney Carvalho Camarço está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Mais informação

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.
Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.
Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

    • 1
    • Respostas
    • 1
    • Especialistas de acordo
    • 2
    • Pacientes agradecidos
Existe algum remédio para curar o alcoolismo?

Pergunta sobre Alcoolismo

  • Dr. Wordney Carvalho Camarço
    Dr. Wordney Carvalho Camarço
  • como já foi dito, o termo "cura" não é adequado para denominarmos o estado de controle e abstinência sustentada dos etílicos.
    Porém, como a pergunta que foi feita questiona sobre os medicamentos, temos no Brasil duas drogas que são diferenciadas e que atuam na questão da "vontade" de beber, que são a naltrexona e o acamprosato. Além disso, se o paciente ingere bebida alcoólica fazendo uso de uma dessas medicações citadas, não vai acontecer aquela forte reação "anti-abuse" que observamos com o dissulfiram. O acamprosato e a naltrexona também, de certa forma, impedem que o alcoolista "enfie o pé na jaca", caso apresente uma recaída.

    • 1 especialista está de acordo