Elisângela Ferreira Lima

Elisângela Ferreira Lima

Psicóloga

Experiência em: Neuropsicologia, Terapia Cognitivo-Comportamental, Psicologia Hospitalar

Número de Identificação Profissional: CRP11/5115

Consultório

1

Opiniões para Elisângela Ferreira Lima

5

Baseado em 2 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Elisângela Ferreira Lima?

Opinar

O melhor: "Uma profissional muito competente, atenciosa e humana."

Paciente que marcou consulta com Elisângela Ferreira Lima em Rua Visconde de Mauá, 2600 - Dionísio Torres

O melhor: "Muito atenciosa, excelente profissional. Recomendo muito!"

Paciente que marcou consulta com Elisângela Ferreira Lima em Rua Visconde de Mauá, 2600 - Dionísio Torres

Experiência

Formação

  • Formação em Arte TerapiaInstituto Aquilae2007
  • Graduação em PsicologiaUniversidade Federal do Ceará2008
  • Residência em Psicologia HospitalarUniversidade Federal do Ceará - UFC2011
  • Especialista em Terapia Cognitivo ComportamentalFaculdade Christus2014

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: CRP11/5115

Olá! Sou Elisângela Lima, psicóloga formada pela UFC, CRP 11/5115. Trabalho com Terapia Cognitivo Comportamental, que tem sido cada vez mais recomendada por psiquiatras e neurologistas do mundo todo por sua resolutividade e por conseguir resultados em um tempo mais breve. O foco é na modificação de pensamentos e de comportamentos. Agende uma sessão e conheça na prática! 

Atendo crianças (incluindo orientação para os pais), adolescentes, adultos e idosos. Tenho uma larga experiência em atendimentos de clientes com transtornos de ansiedade (Transtorno de Pânico, Transtorno de Ansiedade Generalizada, dentre outros), TOC, Fobias, Depressão, Transtorno Bipolar, TDAH, Esquizofrenia, Transtornos Alimentares, etc. Além disso, trabalho com Orientação Profissional e Preparação para Aposentadoria.

Trabalho também com Avaliação Neuropsicológica. Trata-se da aplicação de uma série de testes psicológicos e entrevistas que servem para avaliar como está o funcionamento cerebral, avaliando funções como memória, atenção, linguagem, praxia, etc. Serve para ajudar no diagnóstico de algum comprometimento cognitivo pós-AVC ou traumatismo cranianos, demência, TDAH, dentre outras patologias, além de servir também para comparar o desempenho da pessoa com o dela mesma, ao longo do tempo.

Se tiver alguma dúvida, não hesite em me ligar. Até breve.
 



Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês
  • Italiano

Serviços

  • Primeira consulta Psicologia
  • Atendimento em Psico-Oncologia
  • Avaliação Neuropsicológica
  • Orientação Vocacional
  • Terapia Cognitivo-Comportamental

Respostas de Elisângela Ferreira Lima

20 Respostas

20 Especialistas de acordo

11 Pacientes agradecidos

Elisângela Ferreira Lima está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Sim. Na realidade, além da psicanálise, há vários tipos d psicoterapia que poderiam ajudá-lo nesse processo. O importante é que você procure uma teoria e um profissional com quem você se identifique. Há várias teorias, conhecidas como abordagens psicológicas, tais como a Terapia Cognitivo Comportamental (TCC), Gestalt Terapia, Psicodrama, Abordagem Centrada na Pessoa (ACP), dentre outras... Então essa é a dica: realmente procurar uma abordagem e um profissional com quem você se identifique! E vá mesmo! A terapia pode ajudá-lo bastante nisso!

Elisângela Ferreira Lima

Elisângela Ferreira Lima

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Fortaleza

Como já citado anteriormente, é fundamental verificar fatores orgânicos que podem estar levando a isto. Daí a importância de buscar um urologista.

Encontrando causas orgânicas, ainda sim, é necessário buscar um acompanhamento psicológico para ajudá-lo(a) a enfrentar esse desconforto da melhor forma possível, inclusive com técnicas cognitivas e comportamentais que auxiliem nesse processo.

Entretanto, também existe a possibilidade de enurese noturna relacionada apenas com fatores psicológicos. Então é imprescindível a procura por um psicólogo que possa auxiliá-lo para identificar as causas, testar junto com você hipóteses, além de utilizar técnicas cognitivas e comportamentais focando em possíveis soluções e na melhora da sua qualidade de vida. (Convém lembrar que há várias teorias que fundamentam a prática dos psicólogos, podendo haver outras propostas de tratamento).

Elisângela Ferreira Lima

Elisângela Ferreira Lima

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Fortaleza

Olá! A falta de libido pode ter muitas causas relacionadas, que podem ser percebidas de forma consciente ou não. Além da possibilidade da fluoxetina estar causando essa diminuição, vale a pena lembrar que a própria depressão pode levar a uma diminuição da libido, assim como, problemas com o companheiro, problemas ambientais, etc. Então é fundamental procurar um profissional e avaliarem juntos as reais causas dessa diminuição da libido, para poderem intervir de forma mais eficaz. Caso fique claro que é realmente um efeito colateral da medicação, converse com o psiquiatra para ver se há outra medicação que possa substituir o uso da fluoxetina e traga menos efeitos colaterais. A psicoterapia também pode ajudá-la bastante. Procure psicólogos com domínio sobre terapia sexual.

Elisângela Ferreira Lima

Elisângela Ferreira Lima

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Fortaleza

Ver as 20 perguntas respondidas por Elisângela Ferreira Lima

Fotos

{0}{1}