Lara Beatriz Fuck

Lara Beatriz Fuck

Psicóloga

Especialista em: Depressão, Psicologia Clínica, Orientação Profissional, Psicologia Clínica e da Saúde

Número de Identificação Profissional: 12/01342

Consultório

1
2
3

Opiniões para Lara Beatriz Fuck

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a avaliar Lara Beatriz Fuck

Experiência

Formação

  • PsicologiaUniversidade Federal de Santa Catarina1994
  • Especialização em Psicologia Científica ExistencialistaNUCA1997
  • Mestrado em EducaçãoUniversidade Federal de Santa Catarina2010

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: 12/01342

Experiência em

Serviços

  • Primeira consulta Psicologia
  • Consulta domiciliar Psicologia
  • Avaliação Psicológica
  • Avaliação Psicopedagógica
  • Orientação Escolar
  • Orientação Vocacional
  • Psicologia da Personalidade
  • Psicologia do Desenvolvimento
  • Psicologia Educativa
  • Psicoterapia
  • Terapia de Casal
  • Terapia de Família
  • Terapia Familiar
  • Terapia sexual

Respostas de Lara Beatriz Fuck

26 Respostas

2 Especialistas de acordo

9 Pacientes agradecidos

Lara Beatriz Fuck está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

O paciente que sofre com ansiedade, padece um conjunto de ocorrências emocionais, as quais são definidas como sintomas, tais como palpitações, mãos geladas, pressão no peito, falta de ar, náusea, precipitação de pensamentos, dissonia (insônia, intermitência, pesadelos, etc), estado de alerta, entre outras. Assim, não é um sintoma isoladamente que caracteriza ou define o quadro de ansiedade, mas o conjunto articulado destas ocorrências. Por isso o problema de escutar barulhos durante o sono, precisa ser visto considerando o conjunto de ocorrências envolvidas. Ou seja, esta ocorrência que você menciona, ocorre isoladamente? Ou faz parte de um conjunto de ocorrências padecidas por você?
Além disso, pode haver convergência de fatores médicos e psicológicos, tais como auditivos ou neurológicos, e por isso para um diagnóstico adequado será necessário uma articulação interdisciplinar entre a medicina e a psicologia.

  • Obrigado 0
  • 1 especialista está de acordo
Lara Beatriz Fuck

Lara Beatriz Fuck

Psicóloga

Florianópolis

Prezado,
Quando você menciona que é uma pessoa muito explosiva e nervosa, e que isto acaba trazendo consequências para as suas relações interpessoais, com brigas, isso objetiva uma situação de padecimento emocional nas relações interpessoais. Seguramente, nestas situações há uma série de ocorrências psicofísicas presentes, como tensão, palpitação, falta de ar, pressão no peito, etc. entre tantas outras. Para a definição diagnóstico do padecimento emocional, é necessário a identificação rigorosa do conjunto destas ocorrências, a freqüência e duração. Além disso, é fundamental, identificar quais impasses de relações interpessoais provocam o nervosismo e explosão, e se esta explosão é reativa aos impasses, ou potencializados por aspectos de sua personalidade (função do passado no presente)
Apenas verificando este conjunto é possível estabelecer um diagnóstico e tratamento..

  • Obrigado 0
  • 1 especialista está de acordo
Lara Beatriz Fuck

Lara Beatriz Fuck

Psicóloga

Florianópolis

Bom dia,

A ansiedade envolve um conjunto de ocorrências-sintomas, tais como palpitações, falta de ar, tremor/tremedeira, sudorese, sensação de desmaio, náusea, entre tantos outros. Como toda emoção, a ansiedade é um fenômeno neuro-sociológico ou neuro-antropológico: ou seja, de um lado envolve o sistema nervoso e de outro a vida de relações do sujeito.
Assim, a maneira mais eficaz de enfrentar o transtorno de ansiedade é um trabalho interdisciplinar, com a articulação entre medicina e psicologia.
Da parte da medicina a avaliação criteriosa da necessidade de uma medicação como bengala química, e da parte da psicoterapia a intervenção nos impasses da vida de relações sociológicas e antropológicas geradoras da ansiedade.
Na psicoterapia se verifica se o problema de ansiedade sofrido pelo paciente é reativo (produzido em uma circunstância específica da vida), ou constitucional de sua personalidade (devido a experiências desde a sua infância), e trabalha em ambos para a solução.

Lara Beatriz Fuck

Lara Beatriz Fuck

Psicóloga

Florianópolis

Ver as 26 perguntas respondidas por Lara Beatriz Fuck

{0}{1}