Erica Viana

Erica Viana

Psicóloga

Experiência em: Psicoterapia, Psicologia Infantil, Terapia Familiar, Aconselhamento e Orientação aos Pais, Psicologia Clínica

Número de Identificação Profissional: CRP 06/82070

Marcação de consultas

Endereço do consultório

Rua Maria Tereza Dias da Silva 400 13083-820 Cidade Universitária - Barão Geraldo Campinas

Que dia e hora estão bem para você?

Consultório

1

Opiniões para Erica Viana

Não há comentários ainda. Seja o primeiro a avaliar Erica Viana

Experiência

Formação

  • PsicologiaPUC Campinas2005
  • Psicologia HospitalarInstituto Pieron2007
  • Psicologia HumanistaAssociação Paulista da Abordagem Centrada na Pessoa2010
  • Psicologia TranspessoalAssociação Luso-Brasileira de Transpessoal - Alubrat2019

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: CRP 06/82070

A Psicoterapia é um caminho de crescimento e desenvolvimento de potencialidades, uma oportunidade de experienciar a si mesmo de forma mais integrada e verdadeira. É trilhar pela aceitação e provocar mudanças construtivas.

O processo terapêutico consiste num trabalho de cooperação entre o psicólogo e a pessoa atendida, para possibilitar uma relação autêntica e promover a ampliação da autoestima e da autoconfiança, incentivando o amadurecimento psíquico de cada um.

Experiência em

Idiomas

  • Português

Webs


Serviços

  • Preço
    Preços aproximados para pacientes particulares (sem plano de saúde).

Artigos escritos por Erica Viana

Terapia Rogeriana

A Abordagem Centrada na Pessoa – ACP é uma abordagem psicológica desenvolvida pelo pensador, psicólogo e psicopedagogo Carl Ransom Rogers (1902-1987).
Em contraposição à ideia de que todo ser humano possuía uma neurose básica – desordem mental que, apesar de causar tensão, não interfere no pensamento racional ou na capacidade funcional da pessoa – Rogers defendeu que o núcleo básico da personalidade tende à Saúde e ao Bem Estar.
Desta maneira, ao invés de direcionar a Psicologia à doença mental, aborda-se a Psicologia em direção à Saúde Mental.

Psicoterapia Criança

A criança tem parâmetros diferenciados do mundo adulto, seja em seu desenvolvimento ou forma de comunicação. A psicoterapia infantil exige a disponibilidade para uma comunicação lúdica, que envolva o mundo de experiências da criança.
A Ludoterapia traz ao consultório psicológico as brincadeiras, os bonecos, os objetos, as histórias, cores e possibilidades pela qual a criança pode falar por si mesma, se reconhecer e se integrar.
O processo terapêutico permite a construção criativa, do faz de conta e da fantasia para que a criança represente e elabore suas vivências.

Veja os 4 artigos escritos por Erica Viana

Respostas de Erica Viana

14 Respostas

8 Especialistas de acordo

5 Pacientes agradecidos

Erica Viana está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

O médico psiquiatra deverá avaliar a necessidade de medicação adequada, sendo que homeopatia não seria o tratamento mais adequado (apesar de alguns profissionais da saúde recomendarem de forma complementar).

Erica Viana

Erica Viana

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Campinas

Procure avaliação de médico urologista com urgência. Algumas alterações de formação do trato urinário podem causar escapes involuntários de urina. Descartado causas orgânicas, existe medicação que auxilia em casos de enurese que poderão ser avaliados por um médico psiquiatra.

Erica Viana

Erica Viana

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Campinas

Apesar de não existir possibilidade de cura, existem intervenções para ajudar os portadores da Síndrome de Asperger a lidarem melhor com algumas características desta condição. Uma intervenção precoce também é importante para que a pessoa tenha mais qualidade de vida. O foco do tratamento seria no sentido de desenvolver habilidades sociais, competências de linguagem e autonomia para que a pessoa desenvolva independência e funcionalidade pessoal e social. O plano de tratamento abrange as competências do médico neurologista, psicólogos, fisioterapeutas, educadores. O acompanhamento psicoterapêutico e de orientação abrange a família/cuidadores da pessoa com a síndrome, já que a dinâmica do grupo familiar ou de cuidadores é diretamente ligada a qualidade do tratamento proposto..

Erica Viana

Erica Viana

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Campinas

Ver as 14 perguntas respondidas por Erica Viana

Fotos

{0}{1}