Allan Pereira, Oncologista Brasília

Dr. Allan Pereira

Oncologista mais

Número de registro: CRM: 25317 - DF RQE Nº: 16433
3 opiniões

Salvar

69 visitas ao perfil nos últimos 30 dias
Tempo estimado de resposta:

Consultórios (2)

SGAS 613 – Asa Sul, Asa Sul, Brasília
Hospital Sírio Libanês - Brasília Asa Sul


Atende: adultos
(61) 3044..... Mostrar número

SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Setor Hab Ind Sul, Brasília
Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul


(61) 3044..... Mostrar número


Experiência

Sobre mim

- Oncologista clínico titular do Hospital Sírio-Libanês. - Chefe da oncologia clínica do Hospital de Base do DF. - Ex-fellow em tumores gastrointes...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Cancerologista Clinico

Tratar condições médicas

  • Câncer colorretal
  • Câncer de estômago
  • Câncer de esôfago
Mostrar mais doenças

Formação

  • Medicina na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
  • Residência em clínica médica na Santa Casa de São Paulo (ISCMSP)
  • Residência em Oncologia Clínica, Hospital Sírio-Libanês, 2013
Veja mais


Vídeos


Idiomas

Inglês, Português

Serviços e preços

Os preços são para pacientes sem convênio médico

Serviços populares


SGAS 613 – Asa Sul, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Asa Sul


SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul



SGAS 613 – Asa Sul, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Asa Sul


SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul

Outros serviços


SGAS 613 – Asa Sul, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Asa Sul


SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul



SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul



SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul



SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul



SHIS QI 15, CONJ G, LOTE O, Brasília

Saiba mais

Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul

5

Classificação geral
3 opiniões

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
Todas as opiniões são importantes, por isso os especialistas não podem pagar para alterar ou excluir uma opinião. Saiba mais.
D
Local: outro lugar Outro

Uma benção na minha vida . Passa segurança e esperança no tratamento. Um dos melhores médicos que já consultei


H
Paciente verificado
Consulta marcada na doctoralia.com.br Local: Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul Consulta Oncologista

Profissional competente, extremamente cuidadoso/atencioso; Humano; acertivo.
Traz leveza a um momento de dificuldade.

Dr. Allan Pereira

Muito obrigado pelo carinho, Nadia!


E
Paciente verificado
Consulta marcada na doctoralia.com.br Local: Hospital Sírio Libanês - Brasília Lago Sul Consulta Oncologista

Excelente profissional! Possui domínio do assunto é muito competente. Serei eternamente grata a este anjo que está salvando minha vida! Ele não deixa eu me sentir doente e sim em tratamento. Profissional nota 1.000.

Dr. Allan Pereira

Eu que agradeço pela energia positiva de toda consulta! Um abraço!


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

66 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia


  • Pergunta sobre Biopsia

    Fiz cirurgia e a biopsia deu neoplasia mucinosa de apêndice de baixo grau, mucina acelular invade a subserosa mas não se estende a superficie serosa, sem depósito de tumores descontínueos e sem invasão perineural, é grave?.

    Muito geralmente não é grave. Veja: A neoplasia mucinosa de apêndice de baixo grau (no inglês: low-grade appendiceal mucinous neoplasm (LAMN)) é um dos tipos de tumores mucinosos que nascem do apêndice. As células desse tumor não invadem todas as camadas do apêndice, mas a mucina que ela produz pode sair dissecando essas camadas (só a mucina, nenhuma célula, por isso o tempo "acelular"), e no seu caso parou na subserosa (a serosa é a última). Alguns casos pode passar da serosa, causando ruptura, o que aumenta a chance de se espalhar por dentro do abdome (podendo levar ao estado chamado pseudomixoma peritoneal, que não parece ser o seu caso). O tratamento curativo consiste em cirurgia com retirada completa do tumor sem perfurá-lo e com margens livres (na sua postagem, você não fez menção às margens, se livres ou comprometidas). Se uma LAMN que não invade a serosa (como no seu caso) for removida sem violar/perfurar o tumor ou derramar mucina na cavidade abdominal, e não houver células ou mucina fora do apêndice na amostra de patologia (no resultado do estudo anatomopalógico - o que muitos pacientes chama de "resultado da biopsia", sendo que nesse caso não é de uma biopsia e sim de uma cirurgia), em teoria não há risco de recorrência (do tumor voltar), sendo o paciente assim considerado curado. Espero ter ajudado.

    Dr. Allan Pereira

  • Em um melanoma extensivo superficial, Clark 4, Breslow de 3 mm, em fase de crescimento vertical, índice mitótico 3/mm2, infiltrado inflamatório linfocitário peritumoral leve e focal, sem ulceração, sem invasão vascular, perineural e microssatélites ausentes. O risco de metástase é grande nesse caso??

    Você forneceu mais informações que o usual que encontramos aqui, mas mesmo assim não está completo. Veja, o seu caso há indicação de checar se o primeiro linfonodo a receber a drenagem linfática da região onde estava o melanoma está acometido de células malignas de melanoma ou não, ou seja, se o linfonodo sentinela é positivo ou não. Caso negativo, o tratamento é com cirurgia com margens adequadas. Caso positivo, além poderá ser necessário tratamento adicional com terapia-alvo ou imunoterapia para aumentar as chances de cura. Considerando linfonodo sentinela negativo, a imensa maioria de pacientes assim serão curados com cirurgia apenas.

    Dr. Allan Pereira

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência

Sobre mim

- Oncologista clínico titular do Hospital Sírio-Libanês. - Chefe da oncologia clínica do Hospital de Base do DF. - Ex-fellow em tumores gastrointes...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Cancerologista Clinico

Tratar condições médicas

  • Câncer colorretal
  • Câncer de estômago
  • Câncer de esôfago
Mostrar mais doenças

Formação

  • Medicina na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
  • Residência em clínica médica na Santa Casa de São Paulo (ISCMSP)
  • Residência em Oncologia Clínica, Hospital Sírio-Libanês, 2013
Veja mais

Experiências Profissionais

  • Médico do Serviço de Oncologia Clínica do grupo de tumores da Mama, Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, Universidade de São Paulo (2013 – 2015)
  • Médico do Serviço de Oncologia Clínica do grupo de tumores Gastrointestinais, Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, Universidade de São Paulo (2015 – 2016)
  • Oncologista assistente o Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês, São Paulo (2013-2015)



Vídeos


Idiomas

Inglês, Português

Prêmios

  • Travel Grant, 37th ESMO Congress 2012, European Society for Medical Oncology (ESMO) (2012)
  • Fellowship Grant Recipient - Long-term International Fellowship award, The Conquer Cancer Foundation of American Society of Clinical Oncology (2016).
  • 2nd Best Oral Abstract Presentation – “Professor Carlos Inacio de Paula” award; Goiania Breast Cancer Symposium (Goiania, Brasil - 2017).
Veja mais

Redes sociais


Publicações

Publicações (11)

Pesquisas relacionadas