Afasia Primária Progressiva - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Afasia Primária Progressiva

Tem perguntas sobre Afasia Primária Progressiva?

Nossos especialistas responderam 11 perguntas sobre Afasia Primária Progressiva.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

A afasia progressiva primária é uma das formas de apresentação clínica da degeneração lobar frontotemporal. O tempo médio de vida depende de muitas variáveis.

  • 325
  • 149
  • 955
Dr. Igor Silvestre Bruscky Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Neurologista

Recife

Trata-se da perda lenta e progressiva das habilidades linguísticas causada por uma doença neurodegenerativa. Na maioria dos casos inicia-se entre os 50 e 70 anos de idade. A Afasia Primária Progressiva é classificada em fluente e não fluente; com o passar do tempo evolui para o mutismo e, em muitos casos, desenvolve demência. A APP afeta habilidades como a compreensão da linguagem, a capacidade de formar frases corretamente, a pronúncia das palavras (articulação), a melodia da fala (prosódia), a leitura e a escrita. Os sinais mais comuns são: dificuldade de lembrar os nomes de pessoas e objetos e de compreender o significado de palavras conhecidas, problemas na expressão oral e escrita, dificuldades no processamento de outras informações da linguagem (fluência, prosódia, entonação). O tratamento fonoaudiológico auxilia o indivíduo e sua família a aprenderem a utilizar diferentes recursos e estratégias de comunicação.

  • 4
  • 12
  • 1
Dra. Arnete Almeida Faria

Fonoaudióloga

Rio de Janeiro

Os familiares podem colaborar com o tratamento através de atividades até mesmo algumas do cotidiano, porém é importante uma avaliação fonoaudiológica para saber quais as áreas da comunicação estão afetadas e quais as atividades devem ser realizadas.

  • 3
  • 2
  • 2
Cláudia Gonçalves

Fonoaudióloga

Hortolândia

Afasia Progressiva Primária (APP), não pode ser curada, entretanto a inexistência de um tratamento medicamentoso e/ou cirúrgico, não significa que a doença é intratável. Cuidar é tratar. As terapias com fonoaudiólogo podem trazer mais qualidade de vida ao paciente, pois o auxilia na adaptação e/ou compensação quando as funções vão se reduzindo, mantendo as habilidades funcionais pelo maior tempo possível.

  • 5
  • 11
  • 1
Eliane Ildebrando de Oliveira

Fonoaudióloga

Florianópolis

Ver as 11 perguntas sobre Afasia Primária Progressiva