Compulsão alimentar - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Compulsão alimentar

Os especialistas falam sobre a Compulsão alimentar

Trato compulsão alimentar, uma das principais causas de obesidade, de forma segura, efetiva e duradouro , através de tratamentos modernos e inovadores.
Dra. Christina de Almeida
Dra. Christina de Almeida Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

Curitiba

Compulsão alimentar é um transtorno alimentar caracterizado pela ingestão de alimentos em grande quantidade e sem controle. A pessoa com compulsão alimentar nem sempre está com fome ou sem se alimentar por muito tempo, a consequência disso é o aumento de peso que pode ser prejudicial à saúde. As causas principais desse transtorno são fatores genéticos, sociais e culturais, como depressão, ansiedade, valorização de um padrão estético corporal idealizado etc. O tratamento baseia-se em acompanhamento psicológico, psiquiátrico e nutricional.
Sueli Cabral Midlej
Sueli Cabral Midlej Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

Salvador

Para o tratamento de compulsão alimentar as sessões são realizadas para diagnosticar quais são as emoções, situações e comportamentos voltados a compulsão alimentar, fazendo com que o paciente reflita sobre a sua alimentação e lide com seus problemas reais e não o abuso da comida. A prática da hipnose também é realizada para auxiliar no tratamento.
Jéssica Moura Piovan
Jéssica Moura Piovan Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

São Paulo

As compulsões alimentares são maneiras que as pessoas encontram para resolver certos conflitos em suas vidas com os quais elas não conseguem lidar bem. É comum ouvir relatos de pessoas que "descontam tudo na comida": ansiedade, frustrações e angústias. Para não ter que lidar com a dificuldade na resolução dos conflitos, varias pessoas encontram na compulsão alimentar uma maneira de fugir deles, buscando um conforto na comida. No entanto essa é uma "solução" que custa caro: as modificações corporais e psíquicas do excesso de comida também causam ansiedade e podem levar à depressão. O tratamento consiste em identificar e solucionar os conflitos que causam a compulsão.
Bernardo Caldeira
Bernardo Caldeira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicólogo

|

Belo Horizonte

As compulsões alimentares fazem parte das consequências de uma ansiedade desgovernada ou de alguns problemas mais sérios de responsabilidade da medicina, o psicólogo pode ajudar esse paciente a entender o que está levando ele a um descontrole nas questões alimentares e assim identificar pontos importantes para se pensar e trabalhar. É na sala de um psicólogo que muitas vezes encontramos "a raiz" dos nossos problemas e por fim é ali que decidimos o que fazer com essa descoberta, afinal, pensar no que se come é poder entender que devemos comer bem para viver bem, ou seja, colocar a boa alimentação como necessidade básica para boa parte da felicidade em nossas vidas.
Daniel Rodrigues da Silva
Daniel Rodrigues da Silva Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicólogo

|

Araraquara

Ver mais

Tem perguntas sobre Compulsão alimentar?

Nossos especialistas responderam 11 perguntas sobre Compulsão alimentar.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Recomendo um tratamento de abordagem psicanalítica, que possibilitará uma investigação profunda das causas desse comportamento recorrente. As compulsões podem estar relacionadas às memórias infantis e dificuldades em lidar com frustrações e exigências do mundo adulto levando à busca de satisfação imediata.

  • 3
  • 5
  • 5
Mônica Nogari Damaceno

Psicanalista, Psicóloga

O tratamento para compulsão alimentar, deve envolver também o tratamento com Nutricionista para desenvolvimento de atividades de educação nutricional e equilíbrio nutricional em conjunto com a terapia psicológica/psiquiátrica.

  • 51
  • 57
  • 66
Dra. Juliana Vidal Vieira Guerra

Nutricionista

Niterói

Olá! Existem boas evidências científicas sobre a terapia interpessoal e a terapia cognitivo-comportamental no tratamento da compulsão alimentar. Sem efeitos colaterais de medicações assim! Um abraço

  • 11
  • 17
  • 6
Dr. Gustavo Coutinho de Faria Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Belo Horizonte

Marcar consulta

Você menciona três sintomas importantes : ansiedade, ataques de pânico e compulsão alimentar, os quais precisam ser avaliados para que possamos entender melhor o que vem sofrendo. Sugiro que, inicialmente você procure um (a) psicólogo (a) para maiores esclarecimentos sobre suas queixas. Um abraço!

  • 7
  • 15
  • 5
Geanne Christinne Santos

Psicóloga

Rio de Janeiro

Ver as 11 perguntas sobre Compulsão alimentar