Diabetes Tipo 2 - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Diabetes Tipo 2

Os especialistas falam sobre a Diabetes Tipo 2

Trata-se de resistência à ação da insulina nos tecidos levando ao aumento da glicose (açúcar) no sangue. Geralmente se desenvolve na vigência de alimentação inadequada, excesso de peso e sedentarismo. O tratamento inicial consiste em dieta e atividade física, mas pode necessitar de tratamento medicamentoso oral (comprimidos). A longo prazo pode necessitar de medicamentos injetáveis e insulina.
Dalva Castro de Oliveira
Dalva Castro de Oliveira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Endocrinologista pediátrica, Pediatra

|

São Paulo

- É uma doença caracterizada pela quantidade excessiva de açúcar (glicose) no sangue. - Ocorre pois o organismo tem má sensibilidade ao hormônio insulina. - Perda de peso, dieta, exercícios e estilo de vida saudável são pilares para que a doença regrida.
Dr. Renan Mancio

Nutricionista

|

Guarulhos

A longevidade e a qualidade de vida resultam da alimentação equilibrada, saudável e pelas escolhas corretas que fazemos no decorrer da vida. É sabido que fatores hormonais e hábitos de vida influenciam diretamente no processo de envelhecimento. Portanto, um acompanhamento precoce se torna útil como forma de prevenção. Fazemos também acompanhamento de pacientes em pré e pós operatório, com doenças crônicas degenerativas e que necessitam de outros cuidados especiais.
Dr. Guilherme Ferreira Mattos
Dr. Guilherme Ferreira Mattos Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Médico clínico geral, Nutrólogo

|

Belo Horizonte

Diabetes é uma doença crônica na qual o corpo não produz insulina ou não consegue empregar adequadamente a insulina que produz. Mas o que é insulina? É um hormônio que controla a quantidade de glicose no sangue. O corpo precisa desse hormônio para utilizar a glicose, que obtemos por meio dos alimentos, como fonte de energia. Quando a pessoa tem diabetes, no entanto, o organismo não fabrica insulina e não consegue utilizar a glicose adequadamente. O nível de glicose no sangue fica alto - a famosa hiperglicemia. Se esse quadro permanecer por longos períodos, poderá haver danos em órgãos, vasos sanguíneos e nervos.
Dr. Cássio Pena
Dr. Cássio Pena Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Endocrinologista

|

Rio de Janeiro

É o tipo de diabetes que ocorre principalmente em adultos porém tem aumentado muitos casos em crianças e adolescentes, também. O tipo 2 tem influência genética e ambiental. A obesidade, sendentarismo e alimentação hipercalórico, principalmente em carboidratos, são fatores que tem gerado doenças na população em geral, incluindo o diabetes. O seu tratamento requer 3 pilares iniciais que é: alimentação adequada, atividade física regular e medicação. Os exames devem ser realizados periodicamente porque não basta tomar o remédio para dizer que está bem tratado. É preciso comprovar através de exames porque em muitos casos a doença não dá sintomas, aumentando os riscos de complicações.
Dr. Victor França de Almeida

Endocrinologista, Nutrólogo

|

Salvador

Ver mais

Tem perguntas sobre Diabetes Tipo 2?

Nossos especialistas responderam 56 perguntas sobre Diabetes Tipo 2.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Sim. Os peixes com em ômega 3, como o linguado, truta, salmão namorado, atum, sardinha, também ajudam no controle da glicose, comer sempre esse tipo de carne ´e fundamental, são importantes para o ganho e a preservação da massa muscular já que fornecem proteínas. Escolha os tipos mais magros ao invés das mais gordurosas.

  • Obrigado 5
  • 1 especialista está de acordo
  • 12
  • 3
  • 15
Dra. Welica Primão Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Nutricionista

Guarulhos

Marcar consulta

A tapioca está na moda porque não contêm glúten, sendo então indicada para quem tem intolerância ao mesmo. No entanto, ela é rica em carboidratos e pobre em fibras, devendo ser consumida com muita moderação por quem tem diabetes e dentro de um planejamento alimentar balanceado e acompanhado por um nutricionista para que os níveis de açúcar no sangue fiquem sob controle.

  • 67
  • 73
  • 146
Dra. Carolina Oliboni

Nutricionista

São Paulo

Procure um Nutricionista para fazer um plano alimentar que adeque ao seus costumes e gostos para que você possa se aderir a uma alimentação saudável com mais facilidade.Ele irá te auxiliar em uma reeducação alimentar, ensinando quanto de carboidratos e quais você deve priorizar. Com uma redução de 10% do seu peso atual você já começará a apresentar melhoras em seus níveis glicêmicos. Mas de maneira geral, você pode evitar industrializado, diminuir o consumo de carboidratos, dar preferência para gorduras boas como abacate, azeite, oleaginosas, incluir mais fibras, frutas são saudáveis mas não ultrapassar 3 porções ao dia. Mas o ideal é realmente procurar um Nutricionista pois cada pessoa tem necessidades diferentes.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 7
  • 4
  • 16
Fernanda Brito Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Nutricionista

Balneário Camboriú

Amilase e Lipase são exames que não devem ser utilizados para acompanhamento do funcionamento do pâncreas no DM2, somente para outras situações como diagnóstico de pancreatite aguda. Já o peptídeo C, se utilizado com a dosagem de glicemia na mesma amostra, em jejum, pode nos dar informações sobre a reserva pancreática no DM2. Em geral o valor de referência do peptídeo C é de 1.1-4.4, considerando glicemia normal no momento da dosagem.

  • 3
  • 1
  • 2
Dra. Marcella Menezes Andrade Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Endocrinologista, Médica clínica geral

Belo Horizonte

Ver as 56 perguntas sobre Diabetes Tipo 2