Fobia social - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Fobia social

Os especialistas falam sobre a Fobia social

A fobia social ou transtorno de ansiedade social consiste num conjunto de sintomas emocionais e comportamentais relacionados à exposição a situações em que a pessoa possa ser avaliada. Por exemplo, falar em público, tirar uma dúvida numa reunião, chamar uma garota ou garoto para sair ou até exemplos mais simples como fazer um pedido a um garçom. Diante dessas situações surgem pensamentos do tipo: "vou gaguejar, ele deve estar pensando que sou estranho, ele está me avaliando, o que tenho para dizer é bobagem, eu só passo vergonha". O tratamento envolve medicação e terapia cognitivo comportamental.
Dr. Caio Magno Matos de Almeida
Dr. Caio Magno Matos de Almeida Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

São Paulo

Transtorno de ansiedade social (Fobia Social) se caracteriza como medo excessivo de uma ou mais situações sociais. Situações que comumente evocam ansiedade incluem discursar, encontrar pessoas novas, discordar de outros, falar com autoridades, entre outras.⠀ Diante dessas situações, pessoas que sofrem de ansiedade social antecipam que os outros vão fazer julgamentos negativos a respeito delas. Eles temem que serão julgados por falhar em desempenhar de maneira adequada, ou simplesmente porque parecerão ansiosos. ⠀ Fonte: Leahy e outros (2012), Treatment Plans and Interventions for Depression and Anxiety Disorders.
Alexandre Romeiro
Alexandre Romeiro Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicólogo

|

Campinas

Imaginar estar sendo constantemente avaliado, criticado e vigiado são sensações nada agradáveis. Sentir-se dessa maneira pode levar pessoas a perderem oportunidades de emprego, momentos de lazer entre amigos e família, experimentar emoções negativas fortes associado a sentimentos de menos valia. A Fobia social têm afetado mais pessoas a cada ano. No entanto, a maioria delas acaba aceitando o desconforto em conviver com os sintomas imaginando fazer parte de sua personalidade e expressão de vergonha. É possível aumentar qualidade de vida entendendo o que há por traz desses pensamentos, que os fazem perpetuar este ciclo de fuga em se expor, resultando na sensação inadequada nos ambientes.
Ivile Reis de Mendonça Uchôa
Ivile Reis de Mendonça Uchôa Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga, Terapeuta alternativa

|

Rio de Janeiro

A fobia social é um transtorno que pode trazer grandes problemas na qualidade de vida do indivíduo, fazendo com que o mesmo passe a evitar qualquer contato de interação social, por medo e desconforto desencadeados pela exposição à avaliação social. Tal receio pode se tornar ainda pior se o paciente em questão for tímido ou possuir poucos relacionamentos interpessoais. Sem um tratamento adequado, a fobia social pode resultar em danos sérios à vida da pessoa, no que se refere as atividades sociais tais como: escola, trabalho, relacionamentos amorosos, amizades, entre outros.
Dalma de Almeida Machado Borges
Dalma de Almeida Machado Borges Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

Goiânia

A Fobia Social, denominada também de Transtorno de Ansiedade Social, é um termo utilizado para designar um tipo de ansiedade intensa, que ocorre em situações sociais, que acaba produzindo sofrimento e perdas de oportunidades na vida de pessoas portadoras desse transtorno mental. O tratamento consiste na reestruturação cognitiva, treinamento de habilidades sociais, técnicas de relaxamento e exposição imaginária e ao vivo.
Eloisa Bispo Nogueira da Costa
Eloisa Bispo Nogueira da Costa Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

Nova Iguaçu

Ver mais

Tem perguntas sobre Fobia social?

Nossos especialistas responderam 4 perguntas sobre Fobia social.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Oi! A resposta sobre as medicações mais indicadas você pode ter com o psiquiatra que provavelmente já realiza o acompanhamento. No entanto, normalmente a eficácia do tratamento medicamentoso aumenta se aliado a psicoterapia e é bom lembrar que em caso de fobia social o atendimento psicológico pode ser feito em domicílio. Estimo melhoras.

  • 32
  • 61
  • 18
Alânia Diógenes Holanda Saldanha Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Fortaleza

Marcar consulta

Sempre é bom avaliar todo o contexto. Nesse caso a consulta e avaliação feita por um psicólogo poderá definir uma linha de tratamento. A Terapia Cognitivo Comportamental (TCC) é bastante indicada nos casos de fobia social, onde as habilidades sociais poderá ser ensinada e treinada melhorando a comunicação, relacionamentos e a qualidade de vida.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 35
  • 27
  • 17
Claudia Santos Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Salvador

Marcar consulta

Olá. O tratamento de transtornos psiquiátricos durante a gravidez podem ser realizados com psicoterapia, sem a necessidade de medicações. Existem diversas medicações para fobia social. O uso deverá ser em comum acordo entre seu psiquiatra e seu obstetra. Converse com o seus médicos. Eles farão o melhor por você. Faça o seguimento pré-natal adequado.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 2087
  • 1136
  • 1203
Dr. Heitor Leandro Paiva Rodrigues Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Ribeirão Preto

Entendo que o tratamento medicamentoso quando receitado por um psiquiatra de confiança pode ser de grande valor no alívio dos sintomas daquele que sofre de Fobia Social, contudo o tratamento em si tem sua bases na Psicoterapia de forma a buscarem o par, psicólogo e paciente, a compreensão de todo o contexto que esta imerso o paciente e juntos descobrirem formas saudáveis de lidar com estes medos, assim são grandes as chances de se retomar a qualidade de vida. Não abra mão de contar com o apoio de um psicólogo nesta empreitada, boa sorte e conte comigo se precisar.

  • Obrigado 2
  • 1 especialista está de acordo
  • 41
  • 21
  • 18
Daniela Abarca Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicóloga

São Paulo

Marcar consulta

Ver as 4 perguntas sobre Fobia social