Granuloma Piogênico - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Granuloma Piogênico

Tem perguntas sobre Granuloma Piogênico?

Nossos especialistas responderam 7 perguntas sobre Granuloma Piogênico.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

O granuloma piogênico é uma lesão hiperplásica, bem vascularizada, e de forma nodular. Ela se desenvolve, quando na boca, por diversos fatores, como por exemplo, falta de higiene, traumas, ou mesmo por disturbios hormonais em mulheres grávidas. Seu tratamento depende do agente causador e quando está pedunculado, a sua remoção cirúrgica é indicada. Esta remoção pode ser feita por laser de alta potência, quando se tem o aparelho, pois o pós operatorio se torna bem mais simples e sem grande incômodo para o paciente. O dentista é o profissional indicado para seu tratamento.

  • 219
  • 105
  • 213
Dra. Andrea De Avilez Calmon Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dentista

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Trauma local é a causa mais frequente .

  • 216
  • 51
  • 157
Dra. Eleonora Dantas Dias Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

Manaus

Marcar consulta

Isso é bastante variável, mas em geral é necessário mais de uma sessão. Caso não melhore com a primeira cauterização, aconselho a procurar novamente o seu médico. Abraços e a disposição

  • 155
  • 41
  • 74
Tatiana Gabbi Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

São Paulo

Marcar consulta

O granuloma piogênico é um tumor benigno de vasos sanguíneos que surge após pequenos traumas, mas também pode ser espontâneo. O tratamento pode ser através de retirada cirúrgica, eletrocoagulação, cauterização química com ácido ou crioterapia com nitrogênio líquido. Ele não costuma disseminar para locais vizinhos, pois não é um vírus ou infecção.

  • 101
  • 14
  • 70
Dra Nelisa Maciel Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

Piracicaba

Ver as 7 perguntas sobre Granuloma Piogênico