Hemorróidas - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Hemorróidas

Informação sobre Hemorróidas

O que são hemorróidas?

Hemorróidas são nódulos localizados na borda do ânus devido à dilatação das veias e congestão de sangue. Inicialmente localizada no interior do ânus (hemorróidas internas), mas mais tarde pode exteriorizar (hemorróidas externas). Eles não são perigosos, mas podem se tornar muito desagradáveis.

Prisão de ventre habitual e o esforço do intestino contribuem para a formação de hemorróidas aumentando a pressão nas veias do ânus.

Quais são os sintomas das hemorróidas?

  • Prurido anal e irritação, que pode chegar a dor.
  • Sangramento, geralmente escassos, especialmente após as evacuações. Ocasionalmente, o sangramento é grave e pode levar à anemia.
  • Hemorróidas mais avançadas se projetam para fora do ânus. Em casos extremos, essa inflamação é permanente e não pode ser empurrada para dentro do ânus (prolapso de hemorróidas).
  • Você pode ter um coágulo de sangue na dilatação da veia anal. Isso cria uma imagem de hemorróidas trombosadas, caracterizada por dor intensa, inchaço e roxo na borda do ânus.

Como são diagnosticados hemorróidas?

Se tiver os sintomas acima, você precisa ir ao consultório médico. A maioria dos registros  de hemorragia são devido a hemorróidas, mas pode ser um sintoma de doenças mais graves, por isso é sempre necessário para o diagnóstico.

Simples inspeção e palpação do ânus são os melhores métodos para determinar a presença de hemorróidas. A anoscope pode examinar o interior do ânus na mesma consulta.

Em algumas ocasiões, e sempre que houver sangramento anal, a endoscopia é necessária ou um enema de bário. Endoscopia envolve a inserção de um tubo de visualização para ver o interior do reto, sigmóide, ou todo o cólon (sigmoidoscopia colonoscopia, ou colonoscopia). O enema de bário, exige a introdução de contraste através do ânus para preencher todo o cólon, por uma série de radiografias.

Como são tratadas as hemorróidas?

  • Siga uma dieta rica em fibras (frutas, legumes, cereais, pão integral) e muita ingestão de líquidos (8-10 copos por dia) para prevenir a constipação. Ocasionalmente ser necessário tomar um laxante suave num curto período de tempo.
  • Deve evitar o álcool e alimentos picantes ou especiarias.
  • Maximizar a higiene da área, por banhos de assento (de água quente no bidé por 5-10 minutos). É aconselhável não usar papel higiênico após a evacuação, mas um assento de banho ou toalhetes lubrificados.

Quando houver uma inflamação aguda da crise hemorroidária, pode complementar as medidas acima:

  • Aplicação de anti-inflamatórios esteróides pomadas anal por 3-5 dias.
  • Aplicação local de um bloco de gelo envolto em uma toalha por 10 minutos várias vezes ao dia. O gelo nunca deve estar em contato direto com a pele.

Quando as hemorróidas são muito sintomáticos ou sangram você deve ir ao consultório médico, existem várias opções de tratamento intervencionista:

Esclerose de hemorróidas:

por injeção local de substâncias que curam. Esta técnica é indicada em pacientes ambulatoriais com pequeno sangramento interno nas hemorróidas.

A ligadura elástica:

Aplicada em nível ambulatorial irá interromper o fluxo sanguíneo para as hemorróidas, que são secas e depois retiradas. Esta técnica é indicada em pequenas e médias hemorróidas internas.

A remoção cirúrgica de hemorróidas:

Requer anestesia regional (peridural ou raquidiana) e pode ser realizada como cirurgia ambulatorial ou de curta duração. Técnica é preferível quando as hemorróidas se exteriorizam através do ânus ou hemorróidas externas são grandes.

Qual é o resultado da cirurgia?

  Durante a primeira semana pós-operatória são necessários banhos freqüentes de assento, um laxante suave e analgésicos. O resultado geralmente é bom e os sintomas desaparecem. Podem surgir pequenas bolsas de pele anal que podem ser removidas por uma pequena operação se causar desconforto. É importante evitar constipação e seguir o estilo de vida acima mencionado para evitar novos problemas de hemorróidas ou intercurso anal.

Possui uma dúvida concreta sobre Hemorróidas? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a Hemorróidas

As patologias hemorroidarias hoje em dia são tratáveis. Cada vez mais com terapia conservadora como medicamentos e ligadura elástica que são realizadas em consultório. E nunca esqueceremos dos exames p excluir doenças graves.
Dr. Paulo Machado do Couto Soares
Dr. Paulo Machado do Couto Soares Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Coloproctologista, Endoscopista

|

Nova Iguaçu

Confundida com "varizes do ânus e do reto", as hemorroidas são estruturas que aumentam de tamanho como resultado da dilatação de vasos sanguíneos. As paredes se afinam e o sangramento ocorre. O esforço evacuatório contribui para o enfraquecimento desses vasos. Hemorroidas externas e internas estão relacionadas à localização delas no ânus. As hemorroidas externas se formam externamente ao ânus e são cobertas por uma pele sensível. Elas geralmente são indolentes a menos que se forme um coágulo de sangue no seu interior (trombose). As hemorroidas internas se formam dentro do ânus. Esforço evacuatório continuo propicia a hemorragia e a exteriorização que são os sintomas mais comuns.
Dr. Paulo de Azeredo Passos Candelaria
Dr. Paulo de Azeredo Passos Candelaria Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião geral, Coloproctologista

|

São Paulo

Procedimentos mais recentes para tratamento de Hemorroidas, por tecnicas de Grampeamento e ultrassonografia doppler, que proporcionam menor desconforto e dor no pos operatorio e menor tempo para retorno as atividades rotineiras.
Dr. Marison Koji Uratani
Dr. Marison Koji Uratani Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião geral, Coloproctologista

|

Londrina

Hemorroidas são veias dilatadas na região anal que manifestam sintomas e por isto é melhor referir como doença hemorroidária. É um problema frequente na população geral. Os sintomas mais comuns ocorrem durante a defecação: dor, sangramento vermelho vivo, prolapso. Algumas vezes, o prolapso é redutível (volta sozinho para dentro após a evacuação). Outras vezes é necessário empurrá-las para dentro. Os principais fatores de risco são: defecação difícil, uso crônico de laxativos, longos períodos sentado no banheiro, gravidez, além de rotinas profissionais ou esportivas e hereditariedade. O tratamento varia desde correção dos hábitos alimentares, ligadura elástica até a cirurgia.
Dr. Rodrigo Rego Lins
Dr. Rodrigo Rego Lins Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Coloproctologista

|

Rio de Janeiro

Ligadura elástica no tratamento das hemorroidas? A maioria das pessoas já ouviu falar de medicamentos e da cirurgia para hemorroidas, todavia nem todos conhecem um tratamento ambulatorial, que pode ser realizado no consultório, e que pode resolver as queixas em até 80% dos casos, a ligadura elástica. A ligadura elástica envolve a aspiração de parte do tecido doente com aparelhagem própria, que dispara um elástico especial, que prende o tecido e corta a circulação de sangue. Isto promove a diminuição da nutrição da hemorroida, com consequente destruição do tecido doente que será eliminado pelo ânus e fibrose local que fixa a hemorroida na parede do reto, diminuindo a exteriorização pelo ânus.
Bruno Giusti Werneck Cortes
Bruno Giusti Werneck Cortes Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Coloproctologista, Endoscopista

|

Belo Horizonte

Ver mais

Tem perguntas sobre Hemorróidas?

Nossos especialistas responderam 227 perguntas sobre Hemorróidas.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

O especialista que cuida dessa doença é o médico coloproctologista.

  • 10
  • 11
  • 96
Angela Essinger Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Coloproctologista

Rio de Janeiro

Marcar consulta

O ideal eh esperar o termino da gestacao para correcao.

  • 18
  • 6
  • 56
Dr. Mohamed Kamar

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

Cabo Frio

A cirurgia para hemorroidas externas pode ser realizada da forma tradicional, com excisão (retirada) do mamilo hemorroidario e sutura (pontos) ou por laser. Os plicomas são retirados através do corte do excesso de pele. O laser não é indicado para os plicomas. A dor no pós operatório , em geral, é mais intensa no pós operatório da retirada das hemorroidas.

  • 156
  • 32
  • 108
Carolina Chacon Cosentino Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Coloproctologista

Rio de Janeiro

Marcar consulta

O edema, próprio do procedimento cirúrgico, pode se apresentar desta forma. É um processo inflamatório esperado. Oriento seguir as orientações pós-operatórias prescritas pelo médico assistente. Caso a dor apresente-se insuportável, tenha sangramento volumoso ou o edema seja muito grande, procurar atendimento médico de urgência.

  • 2
  • 0
  • 4
Dr. Henrique Aragão Silveira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Coloproctologista

Brasília

Marcar consulta

Ver as 227 perguntas sobre Hemorróidas