Meu irmao teve herpes zoster, ja acabou o tratamento de acicrovir e pa...

Olá, esse sintoma é corriqueiro e tratável. Procure o dermatologista pra cuidar dele. Disponha.

O herpes zóster é tratado com aciclovir ou valaciclovir oral. O paco é útil para alívio da dor associada. O prurido pode representar um sintoma de neuralgia pos herpética, que pode ocorrer após o quadro agudo do zóster. Sugiro avaliacao médica adequada para confirmação do diagnóstico. A principal forma de prevenção é o início do tratamento do zóster até 72 horas. Há opções terapêuticas para neuralgia também.

A coceira ou prurido, pode aparecer como parte dos sintomas neuropaticos (que significa lesão de nervo). Neste caso, corticoide e anti-histamínicos ajudam muito. Mas, o diagnóstico deve estar confirmado com dermatologista ou neurologista. Ok?

O prurido (coceira) faz parte do processo de cicatrização. No caso do herpes zóster, inicia-se com surgimento das crostas (casquinhas). Hidratar a pele ajuda muito a diminuir o prurido, se não resolver, pode ser necessário o uso de um anti-histamínico.

Sugiro ir ao dermatologista para confirmar se o diagnóstico está correto ! Um abraço

Zoster se trata com aciclovir ou valaciclovir ,por via oral, podendo ser usado aciclovir tópico. Dor e prurido são associados `a neuralgia post-herpética. Amitriptilina e antidepressivos podem ajudar.

O prurido na herpes-zóster é uma queixa muito comum, mesmo após o desaparecimento das lesões; esse prurido pode representar um sintoma da neuralgia pós- herpética que é uma complicação que pode ocorrer após episódio agudo de herpes-zoster, podendo persistir por muitos meses... ocorre principalmente se o tratamento foi iniciado tardiamente. Existe Tratamento para tais complicações! Procure um Dermatologista para um tratamento eficaz.
Disponha

Ver as 174 perguntas sobre Herpes Zoster

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Herpes Zoster?

Nossos especialistas responderam 174 perguntas sobre Herpes Zoster.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.