HPV - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre HPV

Informação sobre HPV

Nomes alternativos: Infecções Por Papillomavirus, Vírus do papiloma humano.

 

O HPV é um vírus localizado no trato genital com vários sorotipos. Alguns deles são produtores de verrugas e outros responsáveis ​​por lesões pré-malignas e malignas.

Possui uma dúvida concreta sobre HPV? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a HPV

O HPV Papiloma vírus humano é o agente causador de uma importante DST (Doença Sexualmente Transmissível) conhecida como condiloma acuminado, condilomatose. Doença verrucosa da região genital/sexual popularmente chamada de “crista de galo”. Existem 2 grupos de vírus HPV com relação ao risco potencial de câncer. Grupo A, de baixo risco e grupo B de alto risco (oncogênicos), onde estão incluídos os vírus 16 e 18, responsáveis por 70% dos casos de câncer do colo do útero. Esta infecção pode causar a formação de verrugas na pele/mucosa da genital externa na mulher e no homem. Na grande maioria dos casos a evolução é benigna e a cura espontânea. Poderá também causar alterações e lesões - neoplasia
Dr. Roberto Buenfil de Faria
Dr. Roberto Buenfil de Faria Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

|

São Paulo

A infecção por HPV é atualmente a DST mais frequente no consultório. Os pacientes são encaminhados pelas parceiras que contrairam o virus, ou porque observaram o surgimento de verrugas genitais. Se não tratado o HPV pode causar câncer, inclusive com a necessidade de amputação do membro. O exame fisico e exames complementares irao determinar o melhor tratamento, inclusive diminuindo a chance de recidiva, oque é bastante frequente nos pacientes.
Dr. Leonardo de Souza Alves
Dr. Leonardo de Souza Alves Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Urologista

|

Belo Horizonte

Trata-se de uma das doenças sexualmente transmissíveis (DST). Ela é passada durante a relação sexual que é feita sem camisinha. O papolimavírus, atinge cerca de 75% da população sexualmente ativa que é exposta ao vírus. Os homens são os principais transmissores dessa doença que é caracterizada pelo aparecimento de verrugas que causa incômodo e dor. Elas aparecem no escroto, pênis, ânus e na boca. Muitas pessoas com HPV não desenvolvem nenhum sintoma, mas ainda podem infectar outros indivíduos pelo contato sexual. É vital que assim que os sintomas da doença se tornem presentes no homem, ele procure um atendimento médico. O diagnóstico precoce da doença evita o seu agravamento.
Dr. Jesus Pires
Dr. Jesus Pires Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Urologista

|

São Caetano do Sul

O HPV é um vírus que vive na pele e nas mucosas genitais, tais como vulva, vagina, colo de útero e pênis. O tratamento a laser de Co2 tem como vantagem a destruição das células onde se aloja o vírus do HPV com o mínimo de dano residual e sem afetar a qualidade da pele, estimulando, melhorando e aumentando as mitoses (processo de divisão celular).
Dra. Christiane Curci Regis
Dra. Christiane Curci Regis Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

|

São Paulo

O HPV (papilomavírus humano) é um vírus que infecta o ser humano e que pertence a uma grande família. Até o momento, já foram identificados mais de 120 diferentes tipos. Este vírus, após o contágio, pode permanecer “adormecido” (sem causar lesões), provocar o aparecimento de verrugas (mãos, pés, genitais ou outras localizações) ou induzir o desenvolvimento de câncer.
Dra. Janaina Harfush
Dra. Janaina Harfush Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

|

Rio de Janeiro

Ver mais

Tem perguntas sobre HPV?

Nossos especialistas responderam 630 perguntas sobre HPV.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Você deve procurar um urologista para ele avaliar essas lesões e te propor a melhor forma de tratamento. Não postergue!

  • 75
  • 28
  • 111
Guilherme Philomeno Padovani Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Urologista

São Paulo

Marcar consulta

Oi, tudo bom? O organismo, em geral, consegue eliminar o virus do HPV em até 2 anos, processo que chamamos de clareamento. Como e' um virus prevalente, acabamos nos recontaminando novamente. As chances de transmissão aumentam quando você apresenta lesão, como verrugas na vulva. As lesões tem tratamento com elevadas taxas de sucesso, e sempre orientanos um seguimento com um especialista após.

  • Obrigado 9
  • 1 especialista está de acordo
  • 596
  • 411
  • 1115
Mariana de Sousa Ribeiro de Carvalho Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Belém

Boa tarde. Após a cauterização com ATA, é comum a formação de uma úlcera no local ( tipo uma "feridinha"!), que pode ser dolorosa. O ideal , seria esperar a resolução do problema... ou seja, esperar a cicatrização do local. Até mesmo porque, a relação sexual, pode ficar incômoda por causa das lesões. Algumas vezes, pode ser necessário uma nova aplicação de ATA. Sempre bom lembrar, que deve se usar preservativo para prevenção de DSTs.

  • Obrigado 0
  • 1 especialista está de acordo
  • 46
  • 5
  • 14
Dra. Renata Santos Neiva Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Belo Horizonte

Marcar consulta

Olá. Sempre siga as orientações do seu médico. Agende a sua consulta de reavaliação e esclareça suas dúvidas. A sua avaliação clínica através da historia clinica, suas queixas e exame físico é fundamental para o diagnóstico e tratamento corretos. Apenas a sua descrição não é suficiente para o diagnóstico correto. A biópsia pode ser necessária em alguns casos. O HPV pode provocar lesões condilomatosas planas, mas tenha cuidado especial com as neoplasias intraepiteliais vaginais ou NIVa. Essas lesões podem ser precursoras de câncer de vagina. O HPV está associado a câncer de colo uterino, vagina, vulva, reto, ânus, pênis e orofaringe. Solicite ao seu médico exames para descartar as outras infecções sexualmente como HIV, hepatite B e C e sífilis. Oriente todos os seus parceiros sexuais precisam procurar atendimento médico. Eles podem ter o vírus e lesões pelo HPV. Converse com o seu médico. Esclareça suas dúvidas.

  • 8132
  • 3030
  • 8085
Dr. Heitor Leandro Paiva Rodrigues Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Ribeirão Preto

Marcar consulta

Ver as 630 perguntas sobre HPV