Menopausa Precoce - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Menopausa Precoce

Os especialistas falam sobre a Menopausa Precoce

A Insuficiência Ovariana Prematura (também chamada de menopausa precoce) é a interrupção da função ovariana antes dos 40 anos e geralmente leva a uma ausência completa dos ciclos menstruais, além de sintomas relacionados à menopausa como fogachos (ondas de calor) e ressecamento vaginal. Suas causas ainda não estão bem estabelecidas, porém, algumas alterações genéticas como a síndrome do X-frágil, tratamentos oncológicos com quimioterapia e/ou radioterapia são causas conhecidas. Outra causa possível é a retirada cirúrgica de ambos os ovários antes dos 40 anos. É importante realizar o tratamento com reposição hormonal pelo risco aumentado de doenças cardiovasculares e osteoporose.
Dr. Alberto Tavares de Araujo Freitas
Dr. Alberto Tavares de Araujo Freitas Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

|

Rio de Janeiro

Você não precisa sofrer na Menopausa, pois a terapia de reposição com hormônios age nas suas células preservando a função das mesmas, mantendo sua saúde física e mental.
Dra. Vanderlea Maria Coelho Ribeiro
Dra. Vanderlea Maria Coelho Ribeiro Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista, Mastologista

|

São Paulo

A idade esperada para o início da falência dos ovários é à partir dos 40 anos de idade, e a média da idade de menopausa, que é a última menstruação, indicando total falência ovariana, em torno dos 50 anos. Quando a menopausa acontece antes dos 40 anos, temos um quadro patológico que pode implicar profundamente a história de vida da mulher, pois impacta em sua fertilidade e qualidade de vida, e pode aumentar a incidência de doenças crônicas mais precocemente (doença cardiovascular, osteooporose e câncer). Toda mulher com menos de 40 anos que tem irregularidade menstrual associada a ondas de calor, secura vaginal, alterações de humor, pode ter uma falência ovariana precoce e necessita ajuda.

Ver mais

Tem perguntas sobre Menopausa Precoce?

Nossos especialistas responderam 24 perguntas sobre Menopausa Precoce.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Não. A reposição só deve ser feita em caso de sintomas acentuados associados a menopausa estejam atrapalhando a sua qualidade de vida. Outra causa de reposição hormonal seria para tratar um quadro de osteoporose.

  • 844
  • 199
  • 8590
Dr. Fabiano Malzac Franco

Ginecologista

Rio de Janeiro

Converse com seu ginecologista se houver um problema hormonal ele lhe encaminhará para o endócrino.

  • 70
  • 110
  • 54
Denise Prado Teixeira de Carvalho

Psicóloga

São Paulo

Olá, ambos medicamentos são muito bons, a escolha depende de muitos fatores. Com diagnóstico de menopausa precoce a reposição de estrogênio está recomendada com estreva, angelic ou outros, mas caso você tenha útero ideal é o uso de progesterona associado ao estreva durante algum período de tempo, tipo 14 dias no mÊs, de 3/3 meses, etc. Converse com seu médico que ele esclarecerá tudo, inclusive o motivo para troca.

  • 37
  • 7
  • 17
Dra. Ines Katerina D. Cavallo Cruzeiro Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Belo Horizonte

Marcar consulta

A falência ovariana (menopausa) precoce não possui um tratamento para sua reversão, apesar de existirem casos descritos nos quais houve melhora espontânea do quadro, esses são uma exceção. Porém existe necessidade de reposição hormonal nos casos em que não existe contra-indicação principalmente para prevenção de osteoporose e controle de sintomas.

  • 252
  • 105
  • 191
Dr. Daniel Pereira Mandarino Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Curitiba

Marcar consulta

Ver as 24 perguntas sobre Menopausa Precoce