Rosácea - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Rosácea

Os especialistas falam sobre a Rosácea

Os primeiros sinais da rosácea são crises de vermelhidão na face. Estas podem começar cedo na vida, mas dificilmente a doença se manifesta antes dos 30 anos. As crises vão ficando cada vez mais frequentes e duradouras. Com o tempo, algumas áreas do rosto, principalmente bochechas, nariz, centro da testa e queixo, podem ficar avermelhadas, com presença de vasos sanguíneos visíveis, inchadas e com lesões parecidas com acne. Os fatores mais comuns a causar as crises de vermelhidão são: banho quente, mudanças bruscas de temperatura, exercícios, bebidas ou alimentos muito quentes ou apimentados, bebidas alcoólicas e fatores emocionais. Sou portador de rosácea e sei bem como tratá-la.
Dr. Andre Lauth
Dr. Andre Lauth Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

|

Curitiba

Avaliação detalhada da pele, condições associadas, escolha dos produtos mais adequados para cada tipo de pele. Associação de medicações por via oral como antioxidantes para auxiliar no controle da Rosácea. Em consultório uso de laser Nd Yag 1064 (Genesis) , Luz Pulsada, com aplicação de medicações tópicas em seguida ao procedimento para melhor penetração. Uso do Biolux para tratamento de lesões inflamatorias .
Dra. Ana Cristina Trench
Dra. Ana Cristina Trench Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

|

São Paulo

Rosácea é uma doença inflamatória crônica da pele que se manifesta principalmente nas bochechas, nariz, testa e queixo. É mais prevalente nos adultos entre 30 e 50 anos e apesar das mulheres serem mais suscetíveis, os homens desenvolvem as formas mais graves da doença. As principais causas são: predisposição genética, alterações emocionais e hormonais, mudanças bruscas de temperatura, exposição solar, uso de bebidas alcoólicas, medicamentos vasodilatadores ou fotossensibilizantes, ingestão de alimentos muito quentes. O diagnóstico é clínico e o tratamento pode ser tópico, oral, associado ou não a sessões de laser ou dermoabrasão, de acordo com o grau de evolução da rosácea.
Dra. Viviane Chehin Curi Assi
Dra. Viviane Chehin Curi Assi Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

|

São Paulo

Trata-se de uma doença crônica da pele, que acomente principalmente o rosto de mulheres entre 30 e 40 anos de idade. É caracterizada por vermelhidão (eritema), vasos sanguíneos (telangiectasias) e lesões inflamatórias (pápulas e pústulas), que lembram espinhas. Pode haver ardor e sensação de queimação. Em alguns casos, além da pele, pode haver acometimento ocular. Alguns fatores podem agravar a rosácea, como o sol, calor, vento, alimentos quentes ou codimentados, bebidas alcoólicas e estresse emocional.
Dra. Vivian Barzi Loureiro
Dra. Vivian Barzi Loureiro Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

|

São Paulo

A rosácea pode ter diferentes tipos de manifestações: vermelhidão; aumento do número de vasinhos; pápulas e pústulas (bolinhas vermelhas e com pus); aumento de volume e alteração da textura de algumas regiões, sendo o nariz a mais comum. Esses sinais ocorrem predominantemente na área central da face, e podem causar grande desconforto aos pacientes. É importante a avaliação do dermatologista, pois a rosácea frequentemente é confundida com outras doenças da pele. Os tratamentos variam de acordo com o tipo de rosácea do paciente, podendo ser empregadas medicações tópicas e orais, luz intensa pulsada, laser e até mesmo procedimentos cirúrgicos.
Dra. Lahis Leão
Dra. Lahis Leão Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

|

Goiânia

Ver mais

Tem perguntas sobre Rosácea?

Nossos especialistas responderam 78 perguntas sobre Rosácea.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

A rosacea é uma doença inflamatória que pode ser, em alguns casos, confundida c a acne por cursar com lesões pustulosas e, em outros casos, ela se confunde com lupus pq pode piorar com a exposição ao sol e apresenta apenas uma vermelhidão no centro da face. Existe a rosacea ocular, que parece uma conjuntivite e a rosacea granulomatosa, que lembra uma doença mais chata, como a sarcoidose. Ainda temos a rosacea fimatosa, mais comum em homens, que apresenta aumento e distorção do volume do nariz, por exemplo. Trata-se de uma doença complexa de diagnosticar, sobretudo para quem não é especialista porque possui muitas nuances. Quanto aos tratamentos, há varios, sendo que muitos deles nao constam a rosacea em bula. É uma doença para o dermatologista manejar e deve haver muita parceria entre o medico e o paciente. Sugiro procurar outro profissional, se nao sentiu firmeza em quem te atendeu, ou conversar melhor c a sua medica ok? Espero ter ajudado!

  • 145
  • 31
  • 63
Tatiana Gabbi Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

São Paulo

Marcar consulta

Olá, não é um creme indicado para quem tem rosácea. Mas ele desencadear a rosácea já é uma questão improvável. Ja a péssima indicação de usá-lo no rosto pode ter contribuído para desenvolver uma "irritação". Disponha.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 549
  • 108
  • 439
Dr. Danilo Talarico Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista, Especialista em Medicina Estética

Campinas

Marcar consulta

Boa dia! A bebida alcoólica pode reduzir o efeito da medicação, porém não precisa se preocupar com o comprometimento em relação ao seu tratamento já que isso ocorreu apenas 1 vez. Qualquer dúvida estou a disposição. Grata, Dra Monisa Nóbrega

  • 5
  • 0
  • 1
Dra. Monisa Martins Nóbrega Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

São Paulo

Existem vários tipos de Rosácea descritos, e a rosácea pode apresentar um padrão vascular e um padrão inflamatório. O antibiotico vai agir na parte inflamatória enquanto o componente vascular tem melhor resultado com a aplicação de tecnologias de luz e laser. A avaliação adequada e o tratamento certeiro ira levar a melhora do quadro ativo da rosácea. É importante ressaltar a necessidade de acompanhamento com médico dermatologista por toda a vida pois a rosácea tem controle e não cura.

  • 30
  • 5
  • 16
Dr. Moyses Costa Lemos Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Dermatologista

São Carlos

Marcar consulta

Ver as 78 perguntas sobre Rosácea