Formas exageradas de pensamentos negativos e pessimistas podem ser ta...

Esses podem ser sintomas de diversos quadros psiquiátricos. É fundamental uma melhor anamnese e escuta desse sujeito por profissionais qualificados para entender o que esta acontecendo.

Olá! Esses pensamentos negativos podem ser uma característica do transtorno bipolar e não a sua causa. Pode se tratar de um caso de depressão "leve", em que a pessoa vive a vida sem alegria, mas consegue manter uma rotina comum a vida de um adulto, no que se refere a trabalho, família, laços sociais, etc.

Podem ser, como também não ser.
Nos dias atuais há uma tendência a classificar o que acontece para justificar comportamentos, o que acaba por banalizar a real seriedade das doenças psicológicas.
Acredito que nesses casos, a primeira observação deve ser feita acerca da vida da pessoa em questão, às vezes, circunstâncias da própria vida ou dos que o circundam proporcionam sentimentos de tristeza, perdas, fracassos, dificuldades financeiras e familiares, entre outros, gerando pensamentos pessimistas e negativos, deixando a pessoa deprimista e triste, o que não significa que está em depressão ou possua outro tipo de transtorno.
É importante que nesses casos se trabalhe através da psicoterapia visando ajudar o paciente a atravessar as dificuldades buscando formas criativas para resolução dos problemas.
Depois dessa observação passível a conclusão que existem questões para além da tristeza e das dificuldades do paciente, deve-se seguir em busca das demais possibilidades psicológicas.

Como as colegas disseram, esses podem ser sintomas do transtorno bipolar, assim como de alguns outros.

Transtornos de humor costumam ter origem genética, mas os fatores do ambiente, assim como o tipo de personalidade da pessoa podem ter forte influência na evolução do transtorno. Uma pessoa que tenha uma personalidade mais pessimista pode agravar ainda mais o quadro.

Isso aponta para a necessidade de um acompanhamento com psicológo em conjunto com o tratamento psiquiátrico.

Ver as 450 perguntas sobre Transtorno bipolar

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Transtorno bipolar?

Nossos especialistas responderam 450 perguntas sobre Transtorno bipolar.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.