Transtornos Da Alimentação - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Transtornos Da Alimentação

Os especialistas falam sobre a Transtornos Da Alimentação

Tenho larga experiência e coordeno um Serviço na área de transtornos alimentares. Trato Quadros que requerem experiência na área, como Anorexia e Bulimia Nervosa, Compulsão Alimentar, obsessão por exercícios físicos e/ ou por alimentação demasiadamente natural.
Dra. Christina de Almeida
Dra. Christina de Almeida Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

Curitiba

Inicialmente, com a coleta da demanda, busco junto ao paciente a identificação de qual o tipo de transtorno da alimentação que este apresenta e quais os elementos desencadeantes destes, que são onde o tratamento será focado. São identificadas comorbidades deste transtorno e, a partir de então, as intervenções indicadas para tal. Nestes casos, podem haver intervenções junto à família também.O sigilo psicoterapeuta/paciente é respeitado em todos os atendimentos.
Marcia Kelen Moscatelli
Marcia Kelen Moscatelli Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga, Psicopedagoga

|

Sorocaba

Os transtornos da conduta alimentar compreendem um amplo grupo de distúrbios, incluindo a anorexia nervosa, bulimia nervosa e o transtorno da compulsão alimentar periódica. São classificadas como doenças psiquiátricas, desse modo o papel do médico nutrólogo é auxiliar no diagnóstico de tais doenças e no tratamento dos distúrbios nutricionais consequentes delas.
Os Transtornos Alimentares são distúrbios psiquiátricos caracterizados por alterações no comportamento alimentar que levam ao desenvolvimento de problemas físicos,psíquicos bem como estresse emocional e social. Os quadros mais comuns são a Anorexia Nervosa e a Bulimia Nervosa, além dos Transtornos Não Especificados e dos Transtorno da Compulsão Alimentar Periódica.
Alessandra Napoli

Psicóloga

|

São Paulo

Os transtornos alimentares (anorexia nervosa, bulimia nervosa, compulsão alimentar) possuem início, em geral, na adolescência, podendo levar a repercussões clínicas graves. Na anorexia pode ocorrer magreza extrema, com alto índice de óbito. Na bulimia pode haver erosão de esôfago. Na compulsão alimentar pode haver obesidade. Todos transtornos alimentares podem cursar com comorbidades psiquiátricas graves, tais como: depressão, ansiedade, uso de substâncias e transtornos de personalidade, além de estar altamente relacionado com suicídio. O diagnóstico precoce e abordagem terapêutica correta permite um desfecho desfavorável e proporciona a retomada da qualidade de vida.
Dr. Demétrius de Luna Lopes Benevides
Dr. Demétrius de Luna Lopes Benevides Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

São João del Rei

Ver mais

Tem perguntas sobre Transtornos Da Alimentação?

Nossos especialistas responderam 4 perguntas sobre Transtornos Da Alimentação.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Nutricionista é o primeiro. Depois, caso o nutricionista indique, um psicólogo. Se ele avaliar a necessidade, um psiquiatra.

  • 138
  • 60
  • 125
Dra. Milene de Mello Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Belo Horizonte

É natural que as mães se preocupem com a alimentação de seus filhos. Existem casos em que a seletividade alimentar se resolve naturalmente, com o desenvolvimento neurológico. Contudo, há que se conversar com seu pediatra para entender as peculiaridades deste caso. Se você já expos ao pediatra e não ficou satisfeita com sua devolutiva ou intervenção, procure um psicólogo para avaliação. e caso haja algo em que se possa intervir, esse profissional dará o suporte necessário, tanto para orientá-la na melhor forma de lidar com a questão, quanto para tratar tais comportamentos na criança. Grande abraço

  • 211
  • 294
  • 200
Rita K. A.Costa Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

São Paulo

Marcar consulta

Para esse tipo de transtorno é indicado um trabalho multidisciplinar com nutricionista, psicólogo e o psiquiatra. Espero ter ajudado.

  • 1
  • 3
  • 2
Lidiane Calil

Psicóloga

Rio de Janeiro

Sugiro que a sra leve a sua filha para uma consulta médica com um clínico geral, ao realizar o exame de sangue, pois, a doença possui sintomas muito variados e associados a outras doenças, por possuírem características semelhantes. Se possível, um acompanhamento nutricional e psicoterápico para ajudar a sua filha a ter uma qualidade de vida mais satisfatório. Estimo melhoras!!! Boa sorte!!! Forte abraço!!!

  • 258
  • 323
  • 322
Dra. Taisi Mousse Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Joinville

Ver as 4 perguntas sobre Transtornos Da Alimentação