Transtornos De Alimentação Na Infância - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Transtornos De Alimentação Na Infância

Tem perguntas sobre Transtornos De Alimentação Na Infância?

Nossos especialistas responderam 5 perguntas sobre Transtornos De Alimentação Na Infância.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Além dos fatores já mencionados acima, tem que se considerar como é a alimentação dos demais familiares. Há algum exemplo de aversão aos alimentos? O horário das refeições é tranquilo? Todos têm o hábito de sentar-se à mesa e desfrutar tranquilamente das refeições, que seja uma vez na semana? A criança tem alguma intolerância a algum componente alimentar? Converse com pediatra e também com um terapeuta familiar - como foi dito, a criança ainda não tem idade suficiente para um atendimento individual, mas os pais podem ser orientados e esclarecidos. Espero ter ajudado.

  • 66
  • 100
  • 140
Cristiane Yumi Suzuki Da Silva

Psicóloga

São Paulo

Avalie junto ao pediatra se existe alguma causa orgânica que justifique a falta de apetite. Caso não haja, busque ajuda de uma nutricionista ou uma avaliação psicológica para avaliar se é um transtorno de origem emocional.

  • Obrigado 0
  • 1 especialista está de acordo
  • 179
  • 251
  • 224
Dra. Gissela Risnic Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicóloga

São Paulo

Marcar consulta

Olá! Seu bebê ainda se encontra na fase de amamentação, para orientação quanto à introdução alimentar recomendo o auxílio do pediatra. Quanto à recusa aos novos bicos de mamadeira, é absolutamente normal que o bebê recuse, visto que esta habituado à amamentação no seio. Esta fase na qual você relata, do seu retorno ao trabalho também é absolutamente nova depois do nascimento de seu bebê,é válido uma percepção à esta nova fase de adaptação entre vocês, visto que ela demanda novas habilidades e inquietações. Para o momento, sugiro o auxílio de um pediatra ao bebê e quanto à sua nova fase de vida na maternidade, um psicólogo pode auxiliá-la. Um abraço!

  • 6
  • 4
  • 1
Camilla Lins Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Curitiba

Marcar consulta

Olá, você já levou seu filho em um gastroenterologista, para descartar a possibilidade de algo físico, tal como doença celíaca ou alguma intolerância alimentar que justificaria a recusa alimentar? Caso já, ele esta com um peso adequado para idade. Também há a possibilidade de procurar outros especialistas, tais como nutricionista e psicólogos para melhor te orientar. Qualquer dúvida estou a disposição.

  • 1
  • 0
  • 1
Priscila De Avelar Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

Curitiba

Ver as 5 perguntas sobre Transtornos De Alimentação Na Infância