Transtornos de Ansiedade Generalizados - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Transtornos de Ansiedade Generalizados

Os especialistas falam sobre a Transtornos de Ansiedade Generalizados

Preocupação ou ansiedade excessivas, com motivos injustificáveis ou desproporcionais ao nível de ansiedade observado. O estado de ansiedade perturba a visão que a pessoa tem a respeito de si mesma e a respeito do que acontece no ambiente. Prejudica o funcionamento pessoal e provoca marcante sofrimento. Os sintomas físicos são diversos e constantes ao quadro. Técnicas de respiração ajudam em momentos de crise aguda.
Dra. Betânia Tassis
Dra. Betânia Tassis Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicóloga

|

Rio de Janeiro

O Transtorno de Ansiedade Generalizada apresenta sintomas como: ansiedade e preocupação excessivas, inquietação, fatigabilidade, dificuldade em se concentrar ou sensações de "branco" na mente, irritabilidade, tensão muscular, perturbação do sono. Os objetivos do tratamento são: normalizar a preocupação, corrigir crenças e interpretações de ameaça tendenciosas de questões preocupantes, modificar estratégias disfuncionais de controle da preocupação, melhorar a confiança na capacidade de solucionar problemas, aumentar o controle percebido sobre a preocupação, intensificar o senso de segurança e autoconfiança para lidar com desafios futuros, aumentar a tolerância para resultados incertos.
Fabrícia Vieira Santos Naves
Fabrícia Vieira Santos Naves Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

Uberlândia

O Transtorno de Ansiedade Generalizada ou simplesmente TAG, caracteriza-se, como o próprio nome já define, em episódios de ansiedade exacerbada na qual o indivíduo não é capaz de nomear o motivo pela qual essa tenha sido gerada. Normalmente, as crises são acompanhadas de sintomas físicos que facilmente podem ser confundidos com alguma patologia pré-existente. Sensações de sufocamento, taquicardia e sudorese são algumas sintomatologias relatadas pelos pacientes. Com uma avaliação criteriosa, que inclui o exame clínico de um médico capacitado e, posteriormente, de um profissional da saúde mental, é possível fechar o diagnóstico.
Laisa Trein Barbieri
Laisa Trein Barbieri Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga

|

Barueri

A ansiedade é uma reação normal do ser humano diante de situações que podem provocar medo, dúvida ou expectativa. Mas quando esse sentimento persiste por longos períodos de tempo e passa a interferir nas atividades do dia a dia, a ansiedade deixa de ser natural e passa a ser motivo de preocupação. Esse, na verdade, é o principal sintoma do Transtorno da ansiedade generalizada (TAG), um distúrbio caracterizado pela “preocupação excessiva”, de acordo com a quinta edição do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-5). Outros sintomas: Irritabilidade, fadiga, dificuldade de concentração... Se não tratada, pode durar anos ou a vida inteira. Tratamento: Psicoterapia
Renata Toribio Nunes

Psicóloga

|

Porto Alegre

É normal que um humano sinta ansiedade, ela tende a surgir quandosentimos medo, dúvida ou expectativa em relação a algo em nossas vidas. Porém quando esse sentimento persiste por longos períodos de tempo, o mesmo pode interferir significativamente no dia a dia do paciente. É nesse ponto que podemos dizer que estamos falando do que chamamos de um Transtorno da ansiedade generalizada (TAG), uma preocupação que vai além, uma preocupação excessiva no que diz respeito as expectativas de vida.
Daniel Rodrigues da Silva
Daniel Rodrigues da Silva Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicólogo

|

Araraquara

Ver mais

Tem perguntas sobre Transtornos de Ansiedade Generalizados?

Nossos especialistas responderam 91 perguntas sobre Transtornos de Ansiedade Generalizados.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Sim. O esbatimento dos sintomas são comprovados na literatura científica com a abordagem chamada Terapia Cognitivo Comportamental. Estudos novos também relacionam práticas de Mindfulness a uma melhora para Transtornos de Ansiedade em geral. As técnicas de Mindfulness são normalmente utilizadas como técnicas auxiliares tanto em Terapias Cognitivas quanto em "Terapias de terceira onda".

  • 54
  • 80
  • 49
Dr. Augusto Yumi Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicólogo

Porto Alegre

Marcar consulta

"Toda dor pode ser suportada se sobre ela puder ser contada uma história" Hannah Arendt A dor de nossa existência está marcada no corpo, ela é tão física quanto a nossa história pode contá-la. Procure novamente um profissional que possa ajudá-la nessa travessia da vida e toda a sua dor.

  • 42
  • 17
  • 43
Dra. Ana Cristina Aguiar Vilhena de Carvalho

Psicóloga

Rio de Janeiro

boa noite, o tratamento preconizado para Tag atualmente e o uso de anti-drepressivo preferencialmente em monoterapia em doses mais altas ou ate dose maxima. sendo essa titulacao de dose feita entre 3 a 4 semanas levando em consideracao o seu caso, primeiramente deve-se reavaliar junto com seu medico o diagnostico. Levando em consideracao que se mantenha o dianostico de Tag, pode ser avaliado a possibiliade de tentar um outro anti depressivo seguindo a premissa citada acima. Em caso de nova falhs, ai sim avaliar a associaca de 2 Ad. Nessea casos o uso de Esc/ imense nao e incorreto, porem devido a similRidade dos neuro trasmissores envolvidos podem nao ser a mais interessante. algumas opcao seriam bup/ imense e imense mirtazapina att

  • 16
  • 1
  • 8
Dr. Conrado Cristovam Lourenço Pires Cruz Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

São João del Rei

Marcar consulta

Em primeiro lugar, por favor, deixe de lado a sigla TAG, ou qualquer outra. Procure fazer um diagnóstico bem feito, eliminado a causa fisiológica em primeira instância com um médico. A ansiedade pode apresentar muitos sintomas diferentes, mais do que poderíamos listar aqui, de qualquer modo, só um exame médico pode descartar a hipótese de ser algo fisiológico com causa psíquica. Na ocasião de uma causalidade psíquica, o mais indicado certamente é o tratamento clínico, psicanalítico, que pode ser ou não assistido por um psiquiatra, caso haja necessidade de medicamento. Em geral ansiedade não necessita medicamento.

  • 33
  • 23
  • 20
Frederico Bernardo de Oliveira Muller Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicanalista, Psicólogo

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Ver as 91 perguntas sobre Transtornos de Ansiedade Generalizados