Trombose - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Trombose

Informação sobre Trombose

É chamado um trombo ao coágulo que retém os glóbulos vermelhos e obstrui os vasos sanguíneos. Quando a inflamação começa a ser grave, é chamada de trombose venosa profunda. Apenas 10% afeta os membros superiores, ou seja, 90% podem afetar as veias abdominais (do umbigo à virilha) e membros inferiores (da virilha até o tornozelo). A trombose é uma das causas de infarte do miocárdio agudo. Existem várias causas da trombose, tais como diabetes, obesidade, histórico da família, pacientes com varizes ou problemas de coagulação do sangue após a gravidez, ficar mais de quatro horas sentado sem movimentação (trabalho, avião), pacientes com quimioterapia ou pacientes dependentes e acamados. Tipos de trombose : trombose por precipitação, coagulação e trombose por hialina.

Possui uma dúvida concreta sobre Trombose? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a Trombose

Em casos extremos pode ser recomendado a cirurgia para a retirada do coágulo, mas para casos menos complicados é comum as injeções de Heparina e de remédios anticoagulantes via oral.
Dr. Clayton de Paula
Dr. Clayton de Paula Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião vascular

|

Osasco

Portadores de Varizes têm maior risco de ter Trombose ? Sim. As Varizes dos membros inferiores constituem-se em fator de risco independente de Trombose Venosa Profunda (TVP). Calcula-se que o risco seja duas vezes maior em relação aos não portadores. Porém, a incidência de TVP relacionada com varizes diminui com a idade, ou seja, quanto mais velho o indivíduo, menor a ocorrência de trombose associada a veias varicosas. É importante lembrar do diagnóstico de Trombose em todo paciente que se apresentar com queixas de dor e edema (“inchaço”) nas pernas. Na dúvida, sempre procure o angiologista para orientações adequadas!
Dra. Marina Fonseca
Dra. Marina Fonseca Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgiã vascular

|

Belo Horizonte

A trombose é o sangue coagulado obstruindo a passagem do sangue pelo vaso. O quadro clínico é totalmente distinto a depender do vaso acometido: 1) A trombose arterial impede a irrigação do tecido (o sangue não chega com os nutrientes e oxigênio) e o tecido morre levando à gangrena distalmente ao local da obstrução. 2) A trombose venosa o sangue coagula dentro da veia (obstrui a drenagem de retorno ao coração) e o membro incha, neste caso o risco é de deslocamento súbito do coágulo que vai para o coração e pulmão levando à embolia pulmonar que pode ser fatal a depender do tamanho do coágulo, este caso é de internação para anticoagulação e estabilização do trombo.
Dra. Maira Souza
Dra. Maira Souza Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgiã vascular

|

Aracaju

A Trombose Venosa Profunda (TVP) é uma doença potencialmente grave causada pela formação de coágulos (trombos) no interior das veias profundas. Na maior parte das vezes, o trombo se forma na panturrilha, ou batata da perna, mas pode também instalar-se nas coxas e, ocasionalmente nos membros superiores. A TVP pode ser uma causa de inchaço nas pernas e outros sintomas crônicos, podendo ser grave em sua fase aguda. O desprendimento do coágulo pode deslocar-se até o pulmão e obstruir uma artéria. Esse episódio é chamado de embolia pulmonar e, conforme o tamanho do coágulo pode ser muito grave.
Andre Pinotti
Andre Pinotti Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

|

Campinas

Ver mais

Tem perguntas sobre Trombose?

Nossos especialistas responderam 97 perguntas sobre Trombose.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Como já bem descrito, o risco que existe nesta fase é fundamentalmente relacionado a um possível sangramento por trauma. O risco de sangramento se relaciona com a intensidade de sua atividade. Com cautela, evitando abusos, é possível sim retomar sua rotina esportiva. Lembre-se de seguir as orientações de seu médico. É ele quem lhe conhece bem e pode dar as informações mais precisas, sempre.

  • 51
  • 17
  • 32
Dr. Gustavo Messinger Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

Campos Dos Goytacazes

Marcar consulta

Não é o ideal! A meia elástica é uma parte importante do tratamento, muito eficaz no controle dos sintomas e do edema (inchaço) que você mencionou. Converse com o seu angiologista, e ele irá te orientar bem no uso da meia. Boa sorte!

  • 104
  • 70
  • 87
Dr. Leonardo Teixeira de Almeida Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Olá. A trombose venosa profunda em indivíduos jovens como seu filho e acometendo V cava e V Ilíaca - deve ser investigada para a presença de trombofilias. O fato de já apresentar uma recanalização precoce é um bom sinal em relação principalmente em relação a melhora dos sintomas porém um novo exame ao término do tratamento deverá ser feito. O uso da meia elástica deverá fazer parte da rotina diária do seu filho para evitar complicações futuras (como varizes e úlceras nas pernas). Mantenha o acompanhamento com o cirurgião vascular para pesquisar as causas da trombose.

  • 55
  • 4
  • 106
Dr. Luiz Felipe Gannam De Almeida Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo

Dor pós operatório pode ocorrer, mas não deve ser muito intensa e nem associado a grandes inchaços, principal se for em um membro. Quando isso ocorrer temos que descartar a trombose venosa profunda , que é diagnosticada através do exame EcoDoppler venoso. Pelo tratamento instituído pelo seu médico, acredito que ele deve ter realizado esse exame e dado o diagnóstico de trombose.. isso infelizmente pode ocorrer assim como a infecção! Mantenha sempre contato com seu cirurgião vascular assistente.

  • 22
  • 9
  • 77
Luciano Caridade Cotta Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

Vitória

Ver as 97 perguntas sobre Trombose