Tumores benignos de mama - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Tumores benignos de mama

Informação sobre Tumores benignos de mama

O que é um tumor benigno?

Em geral, consideram que tumor fixo, e da linfa são palavras com o mesmo significado, portanto, em linguagem simples, vamos nos referir a pacotes que nódulos na mama. A maioria destes nódulos não são cancerosos ou de natureza maligna. A maioria das mulheres tem nódulos mamários e muitos deles até mesmo detectados por elas mesmas, são áreas de tecido mamário normal que pode tornar-se mais visíveis ou aparentes pouco antes da regra.

Podemos distinguir muitas variedades de tumores de mama benignos, dependendo da área ou tecido em que elas surgem. Os tipos mais comuns são: fibroadenomas, cistos e doença fibrocística da mama.

Tipos de tumores benignos:

Fibroadenomas

Este tipo de tumor não é uma doença em si, mas apenas o crescimento mais elevado em algumas áreas da mama. São especialmente comuns em mulheres com menos de 30 anos, e é considerado o tumor de mama mais comum antes da menopausa. Está relacionada a alterações hormonais nas mulheres, e nenhuma relação clara com o uso de contraceptivos orais. É muito raro transformar em maligno. Eles quase nunca ferem, e seu crescimento é muitas vezes lento. Eles são muito arredondadas, muito móveis dentro do peito e pode ser diagnosticada através de uma combinação de exame clínico, mamografia, ultra-sonografia e punção aspirativa por agulha e células com agulha fina.

Fibroadenomas em mulheres nem sempre precisam ser removidos. Pelo menos um em cada três destes tumores reduz de tamanho ou desaparece por si só dentro de dois anos. Você pode escolher a sua remoção em casos de aumento rápido ou significativo no tamanho da deformidade da mama, perturbação pelo nó, ou quando a mulher está em causa e acredita que ele alguma ansiedade.

Cistos

Os cistos são nódulos suave e móveis. Em alguns casos, seu tamanho torna especialmente visível a olho nu. Eles podem ser dolorosos. Eles são mais comuns em mulheres entre 40 e 50 anos (ou seja, perto da menopausa), encontramos menos casos aos 20, 30 ou 60 anos. O desenvolvimento da mama passa por diferentes fases. Quando o desenvolvimento das mamas começa é quando os lobos são ampliadas, e podemos encontrar o fibroadenoma. As mamas doem um pouco e tem inchaço em mulheres pouco antes do período menstrual (o que corresponderia ao desenvolvimento de doença fibrocística da mama). Mais tarde, os lóbulos da mama se tornam anormais e podem levar a cistos. Cistos vem a ser uma espécie de envelhecimento dos lobos.

São diagnosticados por ultra-som mamografia, ou com uma agulha no tumor. O líquido retirado de cistos tem cores diferentes do amarelo ao azul escuro, ao verde. Estes fluidos são geralmente analisadas após a extração para verificar o tipo de cisto e benignos ou malignos.

Em seis casos de cistos em mulheres, três desenvolveram um cisto único, dois crescem para entre três e cinco ao longo de sua vida, e desenvolvem mais do que apenas um de cinco cistos. É cada vez mais necessário drenar os cistos, como eles podem ser facilmente diagnosticada com ultra-som. Para alguns médicos, as mulheres com cistos têm um risco levemente maior de câncer, embora esse risco não seja definitivamente confirmado.

Mastopatia fibrocística

É a doença mais comum no seio das mulheres pré-menopausa. Hormonais de origem e, muitas vezes apresenta sintomas: dor no peito, que pode ou não relacionadas com a menstruação, secreção mamilar, palpação de áreas mais ou menos irregulares ou mamas densas, mal definidas e, normalmente, com o sentimento de se sentir caroços pequenos. Também é uma doença benigna e seu diagnóstico, além de ser feita por exame clínico e mamografia são complementados com introdução de agulhas.

Outros tumores:

Podemos citar outros tumores ou doenças que podem aparecer como nódulos na mama, e pode ser mais ou menos benigna, papilomas, adenomas, tumor phyllodes, hamartoma, ginecomastia, lipomas, leiomiomas, hemangiomas.

O que fazer com um caroço em seu peito?

Como dissemos, nem todos os nódulos da mama vão se comportar como um câncer. Portanto, a chave é manter a calma e ir logo ao ginecologista, médico de família ou de costume. Que irá recomendar os elementos necessários para diagnóstico correto da doença. Uma vez com este diagnóstico faz-se relatório sobre o tratamento mais adequado, que às vezes pode não ser necessariamente a cirurgia.

Possui uma dúvida concreta sobre Tumores benignos de mama? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a Tumores benignos de mama

Um nódulo na mama (massa) é um espessamento ou protuberância com textura diferente do tecido mamário ao redor. Um nódulo pode ser descoberto em uma mama por acaso, durante um auto-exame do seio ou durante um exame físico de rotina por um médico. O mais importante, quando evidenciado um nódulo, é sua avaliação por um mastologista para elucidação de seu diagnóstico e comportamento. Atualmente, existem vários exames que podem ser feitos com este intuito. A ressecção cirúrgica é indicada numa pequena parcela destes casos.
Dr. Leonardo Gabeira Secco
Dr. Leonardo Gabeira Secco Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião plástico, Mastologista

|

São José dos Campos

Os tumores benignos são aqueles tumores sem capacidade de causar metástase. Seu crescimento é local.
Dr. Marcelo Barbosa
Dr. Marcelo Barbosa Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Mastologista

|

Rio de Janeiro

Nem todos os nódulos que surgem na mama estão relacionados ao câncer. A avaliação feita no consultório englobando a história do paciente, seus exames de imagem e o exame físico diferencia essas duas entidades. O tratamento indicado varia de acordo com cada caso, podendo ser conservador/expectante, ou cirúrgico.
Dra. Fernanda Gasparin Palermo Hassan
Dra. Fernanda Gasparin Palermo Hassan Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Mastologista

|

Salvador

Ver mais

Tem perguntas sobre Tumores benignos de mama?

Nossos especialistas responderam 139 perguntas sobre Tumores benignos de mama.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Ola. É importante que va a um medico mastologista ou oncologista para que o seu ultrassom seja avaliado. Ha diversos aspectos do nodulo que são levados em consideração para a diferenciação entre nódulos benignos e malignos. Tamanho, aspecto, localização, evolução associado ao exame fisico por um medico especialista que podem levar a suspeicao de um nódulo maligno. Apos avaliação, pode ser que seja necessária a complementando com outros exames ou uma biopsia, caso o medico julgue pertinente.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 262
  • 156
  • 327
Marcos Vinicius da Silva Franca Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Oncologista

Taguatinga

Olá. O fibroadenoma é um nódulo mamário benigno. O diagnóstico do fibroadenoma é histopatologico, isto é, precisa de biópsia. Por ser um nódulo benigno, tem baixo risco de malignidade e sua presença não trás nenhum risco ou dano a mama. O seguimento clínico do fibroadenoma tem.que ser realizado através de exame físico e exame de imagem ( mamografia e ultrassom) a cada 6 a 12 meses.

  • Obrigado 2
  • 1 especialista está de acordo
  • 7563
  • 2878
  • 7346
Dr. Heitor Leandro Paiva Rodrigues Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Ribeirão Preto

Se a mamografia diz características agressivas...qual o BIRADS? Qual sua historia previa de câncer e de sua família? Ha, pelo descrito neste caso, a possibilidade de ser câncer. Converse com a ginecologista/ mastologista que solicitou o exame e clarifique com elas suas duvidas, de forma clara e aberta. Abraços.

  • 589
  • 140
  • 506
Dra. Patricia Moretto Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Internista, Oncologista

Porto Alegre

Marcar consulta

Olá. Qualquer lesão mamária tem que ser avaliada a partir do exame físico do seu médico; dos exames de imagem como mamografia, ultrassom e ressonância; e biópsia se necessário. Assim, a avaliação do seu médico é importante. As microcalcificacões e saida de líquido pelas mamas não necessariamente são sinais de câncer. As calcificações podem ser classificadas em Birads 2, Birads 3 e Birads 4. Isto é, as calcificações podem ser completamente benignas e exigir seguimento anual; podem exigir apenas seguimento semestral; podem exigir a necessidade de biópsia. Converse com o seu médico. Esclareça suas dúvidas. Discuta o seu diagnóstico e tratamento.

  • 7563
  • 2878
  • 7346
Dr. Heitor Leandro Paiva Rodrigues Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Ribeirão Preto

Ver as 139 perguntas sobre Tumores benignos de mama