Estou me tratando de Síndrome do Pânico há um mês,com fluoxetina. Mais...

De fato é comum no começo do tratamento com os inibidores seletivos da recaptação de serotonina, classe de medicamentos da qual a fluoxetina faz parte, ocorrerem efeitos colaterais que são percebidos como uma piora do quadro. Normalmente esses efeitos são transitórios e não costumam durar tanto tempo. Além disso, sem uma avaliação clínica e um exame físico não é possível simplesmente atribuí-los a ansiedade. Sugiro procurar seu médico para uma nova avaliação.

Muitas vezes são muito ruins. Fazem parte da adaptação a medicação que alguns pacientes tem, e não são significam falha do tratamento mas indicam que você deve se orientar com seu médico e discutir com ele a melhor forma de lidar com elas ou trocar a medicação

Em alguns casos, durante a adaptação a medicação, o paciente pode perceber piora dos sintomas ansiosos. Isso se aplica ao uso da fluoxetina, mas não é esperado que esses efeitos se mantenham por tanto tempo. Sugiro que converses sobre esses sintomas com teu médico e avalie se é necessário ajuste de dose, troca de medicamento ou até revisão diagnóstica.

Ver as 90 perguntas sobre Fluoxetina

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Fluoxetina?

Nossos especialistas responderam 90 perguntas sobre Fluoxetina.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.