Jeneson Cruz

Jeneson Cruz

Psicanalista, Psicólogo

Competência em: Psicanálise com Adolescentes, Psicanálise com Adultos, Sexualidades, Lacaniana, Psicopatologia, Dependências, Neuroses, Psicologia do Luto e do Enlutamento

Número de Identificação Profissional: 17208 PR

Consultório

1

Opiniões para Jeneson Cruz

5

Baseado em 7 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Jeneson Cruz?

Opinar

O melhor: "Encontrei o doutor pelo site e estou adorando. Me sinto muito a vontade com ele e sei que posso contar com ele para me ajudar, o que já percebi muita melhora só em poder falar com alguém preparado para isso."

Motivo da visita: sexualidade

Raphael B. marcou consulta com Jeneson Cruz em Avenida Cândido de Abreu, 660. (Sala 505)

Jeneson Cruz respondeu a esta opinião

Grato pela confiança. Abraço cordial

O melhor: "Busquei o doutor por causa de problemas com sexo. Fiquei muito contente com o atendimento e até confortável para falar de coisa tão pessoal que não tinha coragem de falar com ninguém."

Motivo da visita: Sexo

Alberto S. marcou consulta com Jeneson Cruz em Avenida Cândido de Abreu, 660. (Sala 505)

Jeneson Cruz respondeu a esta opinião

Obrigado pela atenção e confiança. Abraço cordial

O melhor: "doutor Jeneson é fantástico, estou podendo perceber coisas minhas que não tinha noção.Indiquei para muitos amigos e amigas do trabalho também. Estão amando e antes todos achavam estranho fazer terapia."

Motivo da visita: Depressão

Luana G. marcou consulta com Jeneson Cruz em Avenida Cândido de Abreu, 660. (Sala 505)

Jeneson Cruz respondeu a esta opinião

Grato pela confiança. Abraço cordial

O melhor: "Me senti muito acolhida. O doutor é ótimo e muito querido e o consultório é muito bem localizado e lindo também."

Motivo da visita: Depressão

Suellen D. marcou consulta com Jeneson Cruz em Avenida Cândido de Abreu, 660. (Sala 505)

Jeneson Cruz respondeu a esta opinião

Grato pela confiança e atenção. Abraço cordial

Ver as 7 opiniões sobre Jeneson Cruz

Experiência

Formação

  • Graduação Licenciatura Filosofia Universidade Federal de Sergipe2001
  • Graduação Bacharelado em PsicologiaFDB2011
  • Especialização Saúde Mental, Psicopatologia e PsicanálisePUCPR2013

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: 17208 PR

Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês

Serviços

  • Retorno de consultas Psicanálise
  • Primeira consulta Psicologia
  • Retorno de consultas Psicologia
  • Psicanálise
  • Psicoterapia Psicanalítica
  • Aconselhamento psicológico para portadores de HIV
  • Análise da escolha profissional
  • Atendimento em assédio moral
  • Atendimento em crise suicida
  • Atendimento em Psico-Oncologia
  • Atendimento psicológico à mulheres em situação de violência doméstica
  • Atitude Frente à Dor
  • Consulta psicológica do adolescente
  • Consulta psicológica do adulto
  • Consulta psicológica do idoso
  • Dificuldade em comunicação
  • Orientação Vocacional
  • Palestrante
  • Pré-natal psicológico
  • Preparação para aposentadoria
  • Preparação para o puerpério
  • Preparação para parto natural
  • Psicologia Aplicada à Saúde
  • Psicologia da Personalidade
  • Psicologia do Desenvolvimento
  • Psicoterapia
  • Psicoterapia Adulto
  • Psicoterapia somática
  • Terapia do Luto
  • Terapia sexual
  • Tratamento Adicção
  • Tratamento da ansiedade
  • Tratamento do transtorno de estresse pôs traumático
  • Tratamento para relacionamento abusivo
  • Tratamento psicanalítico para adultos
  • Tratamento psicanalítico para crianças e adolescentes
  • Tratamento terapeutico de emagrecimento

Artigos escritos por Jeneson Cruz

Psicoterapia

O tratamento em psicoterapia ou psicanálise é uma busca para sair da zona de des-conforto. É muito comum a resistência em buscar tratamento, e nisso se dão várias desculpas: sem tempo, sem dinheiro, disso eu resolvo sozinho, não acho que vai melhorar, não quero encher a cabeça do meu terapeuta... Só quando se abre mão dessa resistência é que percebe o quão bem uma análise lhe faz, e também para todos que o cercam. O primeiro passo em direção à "cura" é a quebra narcísica.

Aconselhamento psicológico para portadores de HIV

O vírus da imunodeficiência ou a doença AIDS, atualiza dois temas ou tabus culturais, o sexo e a morte. A morte como sendo algo inevitável, mas da qual também não se fala ou evita falar, e o sexo, como sendo uma resposta da vida. É como se através desta doença ou apenas do diagnóstico, pela via do sexo, o amor leva à morte. Todavia, o que está em jogo é a pluralidade dos desejos sexuais, sobre os quais a cultura nos interdita. Pacientes soropositivos se vêem com uma espécie de "certidão de óbito" no momento do diagnóstico. Mas há muita vida para se trabalhar e estas são questões muito importantes num tratamento psicanalítico e psicológico.

Veja os 11 artigos escritos por Jeneson Cruz

Respostas de Jeneson Cruz

23 Respostas

24 Especialistas de acordo

14 Pacientes agradecidos

Jeneson Cruz está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

A sexualidade é algo que vai se construindo desde bem cedo mas geralmente pensamos que se define até a puberdade. Claro, que muitas vezes o adulto vai se deparar com desejos que antes poderiam estar lá e se permite a tal, ou não. Por isso, há casos de pessoas de orientação sexual heterossexual e depois se vêem com desejos por pessoas do mesmo sexo.

Jeneson Cruz

Jeneson Cruz

Psicanalista, Psicólogo

Curitiba

É comum a diminuição de libido quando está em tratamento alguns antidepressivos, mas antes de pensar em ver uma outra substância para tratar disso, é mais sensato ver com seu médico antes. E também, é claro, ver um psicólogo ou psicanalista para tratar dessa questão.
Estimo melhoras.

Jeneson Cruz

Jeneson Cruz

Psicanalista, Psicólogo

Curitiba

Pois bem. É realmente algo que não podemos afirmar, mas se ele foi posto em liberdade, provavelmente fora exigido o tratamento e acompanhamento contínuo com psiquiatras, psicólogos e outros. O melhor a se fazer é acompanhar para que exista adesão ao tratamento, e os familiares também recebem apoio nas mesmas instituições. Ainda se desejar, pode procurar um profissional particular para ti também, já que pelo visto a situação está bem angustiante.
Cordialmente,
Jeneson Cruz

Jeneson Cruz

Jeneson Cruz

Psicanalista, Psicólogo

Curitiba

Ver as 23 perguntas respondidas por Jeneson Cruz

{0}{1}