Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Especialista em Dor, Neurocirurgião

Competência em: Controle da dor, Cirurgia Endoscópica, Cirurgia da Coluna Cervical, Cirurgia da Coluna Lombar, Cirurgia da Coluna Torácica, Dor

Número de Identificação Profissional: 141661 CRM-SP

Marcação de consultas

1

Em qual consultório você quer ser atendido?

2

Que dia e hora estão bem para você?

Consultório

1
2
3

Opiniões para Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

5

Baseado em 73 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Dr. Rodolfo de Moura Carneiro?

Opinar

O melhor: "Médico muito atencioso. Um excelente profissional. Avaliou meu caso com muito cuidado, esclareceu dúvidas e fez um relatório completo sobre a minha dor. Foi o primeiro profissional que realmente me examinou por completo para saber onde eu sentia as dores!"

Motivo da visita: Dor neuropática crônica

Paciente que marcou consulta com Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

O melhor: "Minha primeira consulta com Dr. Rodolfo e finalmente depois de um ano e meio, consegui ter as informações necessárias sobre meu problema. Excelente profissional, muito atencioso e espero que dando andamento ao tratamento recomendado por ele, estarei recuperada em breve. Equipe muito boa!"

Motivo da visita: Dores na região sacro lombar e dorsal

Paciente que marcou consulta com Dr. Rodolfo de Moura Carneiro em Clínica Coluna E Neuro

O melhor: "Meu caso foi muito bem assistido pelo Dr. Rodolfo, otimos esclarecimentos. Estou muito satisfeita com resultado da cirurgia da retida da hérnia lombar por vídeo."

Poderia melhorar: "Nada a melhorar. Recomendo a todos que tenham o mesmo problema que eu tive."

Motivo da visita: Cirurgia de hernia

Vanderleia R. marcou consulta com Dr. Rodolfo de Moura Carneiro em Clínica Coluna E Neuro

Marcou consulta na Doctoralia

O melhor: "Adorei a forma que fui recepcionada logo na primeira consulta por todos os profissionais. Todos extremamente atenciosos e preocupados com a minha situação. O que dizer do Dr. Rodolfo Carneiro? Excepcional. Depois de quase 2 anos com dor 24 horas por dia, este profissional me trouxe paz."

Poderia melhorar: "Pra mim nada. Tudo maravilhoso. Recomendo sem hesitar. Parabéns a este profissional tão delicado e humano, Dr. Rodolfo Carneiro."

Motivo da visita: Dor em região lombar

Simone . marcou consulta com Dr. Rodolfo de Moura Carneiro em Clínica Coluna E Neuro

Marcou consulta na Doctoralia

Ver as 73 opiniões sobre Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Experiência

Formação

  • Graduação em MedicinaUniversidade Federal Do Piauí2009
  • Membro da North American Spine SocietyNASS2016
  • Titulo de NeurocirurgiãoSociedade Brasileira de Neurocirurgia2016
  • Faculty of Percutaneous Endoscopic Surgery of The Lumbar and Thoracic Spine (Fully-Endoscopic)IRCAD Latin American2016
  • Fellowship em Cirurgia Endoscopia da ColunaHospital Maria-Hilf, Stadtlohn, Alemanha2016
  • Hands-on Cadaver Course in Current Techniques in Minimally Invasive Spine SurgerySpine Education and Research Center Burr Ridge, IL, Estados Unidos2017
  • Faculty of Percutaneous Endoscopic Surgery of The Lumbar and Thoracic Spine (Fully-Endoscopic)IRCARD Lantin American2017

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: 141661 CRM-SP

Compromisso: Atendimento médico humanizado e atualização médica constante para oferecer o melhor tratamento disponível.

Motivação: Paixão pela medicina e felicidade ao poder aliviar o sofrimento das pessoas. 

Trabalho: Prestar uma atenção médica integral tendo foco no paciente e não na doença.

Competência profissional do Neurocirurgião: Habilitado a diagnosticar e tratar de forma cirúrgica ou não doenças que atingem todo o sistema nervoso. Isto significa que o neurocirurgião pode atuar em enfermidades da cabeça, coluna e nervos periféricos. Minha linha de trabalho está em ajudar o paciente que necessite de cirurgia com a atenção para uma mínima agressão ao corpo.
Exemplos de doenças tratadas pelo neurocirurgião:
- traumatismos cranianos, encefálicos, espinhais e de nervos periféricos;

  • - lesões vasculares: aneurismas, mal-formações artério-venosas, hemorragia, hematoma; Coluna e crânio..
  • - tumores do encéfalo e da caixa óssea craniana, bem como tumores da coluna.
  • - hidrocefalia, meningocele, meningomielocele, coluna lombar, coluna cervical, coluna torácica.
  • - edema cerebral, abscessos, parasitoses cerebrais, cistos na coluna e crânio , etc...
  • - deformações congênitas da coluna ou crânio; afundamentos e falhas ósseas; correções na coluna;
  • - hérnia de disco na coluna lombar, estenoses na coluna, degenerações discais sintomáticas, listese vertebral, escolioses, fraturas por osteoporose, síndrome facetária na coluna cervical, lombar e torácica, profusão Discal,  compressão radicular, etc...
  • - inserir e retirar próteses diversas do crânio e coluna espinhal.

Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês

Webs


Serviços

  • Preço
    Preços aproximados para pacientes particulares (sem plano de saúde).

Artigos escritos por Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Cirurgia endoscópica da coluna vertebral

• Tratamento por Endoscopia Hérnia de disco
O paciente vai ao hospital 1h antes do procedimento
Duração 30-40min
Feito sob sedação, anestesia local e sem necessidade de anestesia geral
Introduzimos uma fina câmera pela qual passam pequenas pinças. Com imagens de altíssima qualidade podemos remover a hérnia de disco e deixar os nervos livre da compressão
Devido à via de acesso especial, o paciente tem sua dor tratada Sem agressão aos músculos, Sem retirada de ossos ou articulações da coluna e Sem a colocação de pinos ou próteses
Incisão de 7mm e apenas 01 pontos para o fechamento da pele
2 horas após o procedimento, liberado para casa Andando normalmente
Retorno ao trabalho após 48h

Cirurgia minimamente invasiva da coluna vertebral

• Vantagens do tratamento minimanente invasivo da coluna


• Internação hospitalar 1h antes do procedimento

• Curta duração dos procedimentos

• Feito sob sedação, anestesia local e sem necessidade de anestesia geral na maioria dos casos


• Mínima agressão aos músculos, ossos ou articulações da coluna

• Pequenas incisões e mínima perda sanguínea

• Procura-se tratar diretamente o ponto onde o paciente tem dor com mínima agressão aos tecidos que não estão envolvidos com a causa da dor

• Menor dor pós-operatória

• Rápido retorno ao trabalho.

Veja os 4 artigos escritos por Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Respostas de Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

65 Respostas

33 Especialistas de acordo

54 Pacientes agradecidos

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Olá! Muito difícil responder este pergunta sem examinar o paciente e os exames de imagem. Existem várias causas para lombalgia, entre elas temos os discos intervertebrais, facetas articulares, articulação sacroíliaca, músculos e compressão dos nervos (seja por hernia, ligamentos ou bico-de-papagaio). Sabendo disto nós médicos buscamos uma correlação entre a dor do paciente e os exames de imagem, isto é, precisamos saber se a dor que o paciente apresenta é compatível com a imagem da ressonância. Quando isso acontece as chances de sucesso cirúrgico são bem maiores. A falha cirúrgica pode acontecer por vários motivos e não é normal ter fortes dores no pós-operatório. Deve-se investigar se o tipo da dor mudou depois da cirurgia, onde está a dor e como estão os exames de ressonância no pós-operatório. A partir disto planeja-se um novo tratamento, seja ele medicamentoso ou algum procedimento para aliviar as dores.

à disposição

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Especialista em Dor, Neurocirurgião

São Paulo

Olá!
Nem todos os Hematomas Subdurais Crônicos são casos de cirurgia, a indicação de cirurgia vai depender do tamanho do hematoma, sintomas do paciente e uma evolução deste hematoma em tomografias. Como você refere que seu pai continua com dor de cabeça, o melhor seria voltar ao seu neurologista ou procurar um neurocirurgião.
Quando bem indicado a cirurgia, a grande maioria dos paciente tem uma melhora quase imediata dos sintomas.

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Especialista em Dor, Neurocirurgião

São Paulo

A cirurgia para tratamento da Malformação de Chiari tem como objetivo principal a descompressão da região da nuca( chamada de fossa posterior). Isso permite que as estruturas nervosas possam ficar livres e o fluxo de líquido cerebral nesta região se restabeleça. Com as técnicas mais modernas não retiramos nenhuma estrutura neurológica, apenas osso e ampliamos a dura-máter. Portanto o risco de sequelas é bem reduzido. A cirurgia se torna bem segura também quando é feita com a monitorização neurofisiológica, isto é, durante toda a cirurgia através da utilização de eletrodos no corpo do paciente é possível saber de alguma parte sistemas nervoso está sendo agredido. A maioria dos pacientes relata boa melhora dos sintomas após a cirurgia.
À disposição

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Especialista em Dor, Neurocirurgião

São Paulo

Ver as 65 perguntas respondidas por Dr. Rodolfo de Moura Carneiro

Fotos

{0}{1}