Dra. Karen Gonçalves

Dra. Karen Gonçalves

Psiquiatra

Número de Identificação Profissional: 89648 SP

Consultório

1

Opiniões para Dra. Karen Gonçalves

4,0

Baseado em 32 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Dra. Karen Gonçalves?

Opinar

O melhor: "Muito bem recebido pelas secretarias, a Dr é muito atenciosa em todos detalhes em que passamos a ela, remédios foram ótimos..."

Poderia melhorar: "Não tem o que melhorar .
Continuem assim."

Paciente que marcou consulta com Dra. Karen Gonçalves em Rua Pará, 260

O melhor: "Ótimo atendimento...mto cuidado ao administrar o tratamento...feito na própria clínica da dr Karen...monitorado o tempo inteiro por enfermeira. Parabéns."

Poderia melhorar: "Nada"

Motivo da visita: Infusão de cetamina

Paciente que marcou consulta com Dra. Karen Gonçalves em Rua Pará, 260

O melhor: "Atendimento muito bom. A Doutora foi mioto atenciosa e o medicamento que ela receitou foi ótimo."

Motivo da visita: Ansiedade

Paciente que marcou consulta com Dra. Karen Gonçalves em Rua Pará, 260

O melhor: "Trato com a Dra Karen a anos, e gosto muito da forma como ela atende. A dois meses comecei um novo tratamento com ela, infusão de ketamina, estou muito melhor. A secretária e a enfermeira são uns amores sempre me trataram muito bem."

Poderia melhorar: "Não tem o que melhorar"

Motivo da visita: Depressão crônica

Paciente que marcou consulta com Dra. Karen Gonçalves em Rua Pará, 260

Ver as 32 opiniões sobre Dra. Karen Gonçalves

Experiência

Formação

  • MédicaPontifícia Universidade Católica - PUC Sorocaba1996
  • Psiquiatria InfantilHôpitaux Universitaires Est Paris - Lille, França1997
  • PsiquiatriaPontifícia Universidade Católica - PUC Campinas1999

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: 89648 SP

Formada em 1996 em Medicina pela Pontifícia Universidade Católica - PUC - Sorocaba, SP, com Especialização em Psiquiatria e duas Residências Médicas na Pontifícia Universidade Católica - PUC - Campinas, SP, e na Pontifícia Universidade Católica - PUC - Sorocaba, SP.

Atuei como Médica Psiquiatra no Hospital Regional de Sorocaba durante dez anos consecutivos e, desde o ano de 2.000, atendo no meu próprio Consultório Pacientes particulares e também Pacientes usuários dos seguintes Planos de Saúde: UNIMED; Saúde BRADESCO; Porto Seguro SaúdeSaúde Caixa; Rede CareVale Saúde JequitiMediservice Fenix.

Também estagiei na área de Psiquiatria em Lille, cidade do norte da França, no Hôpital Saint-Antoine, pertencente à Assistance Publique-Hôpitaux de Paris (AP-HP) e filiado à rede Hôpitaux Universitaires Est Paris.

Atendemos apenas pacientes maiores de 16 anos de idade.

Somos a primeira Clínica no interior do Estado de São Paulo a oferecer o revolucionário Tratamento para Depressão e Ansiedade com a infusão venosa de Cetamina, substância também conhecida como "Ketamina" e "Quetamina".

Para saber mais, por favor acesse a minha página no Facebook e visite o meu site

 https://www.facebook.com/DoutoraKarenPsiquiatra

http://doutorakaren.med.br/


Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês
  • Francês

Webs


Serviços

  • Preço
    Preços aproximados para pacientes particulares (sem plano de saúde).
    Dados fornecidos em: março 2018
  • Primeira consulta Psiquiatria R$ 300
  • Tratamento da depressão resistente com infusões de cetamina A partir de R$ 200Solicitar preço

Artigos escritos por Dra. Karen Gonçalves

Tratamento da depressão resistente com infusões de cetamina

O tratamento é feito através de uma infusão intravenosa que dura quarenta minutos.
É como se o paciente estivesse tomando soro intravenoso. Todo o procedimento é feito em um ambiente controlado com assistência de uma enfermeira. Durante a aplicação alguns efeitos colaterais podem ser sentidos, como náuseas, sonolência e, em certos casos, sintomas dissociativos – alterações na percepção. A maior parte dos pacientes sentem um bem estar imediato, como se tivessem tomado uma injeção de alegria.
Os sintomas Depressivos costumam desaparecer antes mesmo do término da infusão.
Somente pessoas com problemas cardíacos graves são contraindicadas à esse tratamento.

Respostas de Dra. Karen Gonçalves

4 Respostas

4 Especialistas de acordo

24 Pacientes agradecidos

Dra. Karen Gonçalves está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Embora haja avanços nos diagnósticos por neuroimagem, esta realidade ainda se atem às áreas de pesquisa e estudos acadêmicos, não sendo, portanto, algo usual no dia a dia clínico.
Diante disso, acredito que a consulta entre o paciente e os profissionais de saúde desta área (vide Psquiatras e Psicólogos) ainda é o meio mais adequado para se estabelecer o diagnóstico correto de Borderline. Portanto, concordo com os colegas profissionais que admitem o tratamento farmacológico em conjunto com terapias cognitivas.

Dra. Karen Gonçalves

Dra. Karen Gonçalves

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Sorocaba

Como já foi dito, ambos são neurolépticos, mas o Neozine possui um potencial hipnótico maior. Se houver esta mudança, provavelmente o seu médico irá indicar um outro hipnótico para complementar a ação do Neuleptil.
De qualquer forma, somente o seu médico poderá avaliar esta necessidade. Em hipótese alguma pratique auto-medicação!

Dra. Karen Gonçalves

Dra. Karen Gonçalves

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Sorocaba

Os dois são eficazes, mas o Citalopran é mais "fraco", já que 10mg de Escitalopran equivalem a 50mg de Citalopran. Quanto aos efeitos colaterais, ambos são idênticos.

Dra. Karen Gonçalves

Dra. Karen Gonçalves

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Sorocaba

Ver as 4 perguntas respondidas por Dra. Karen Gonçalves

Fotos

{0}{1}