Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Psicóloga, Terapeuta complementar

Competência em: Fobias, Depressão, Psicologia Clínica e da Saúde, Terapia Cognitivo-Comportamental, Psicoterapia de Casal

Número de Identificação Profissional: 02/16223

Consultório

1

Opiniões para Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

5

Baseado em 5 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista?

Opinar

O melhor: "Gostei da profissional, passou tranquilidade, confiança, sentimentos positivos. Fiquei otimista nas resoluções dos problemas que abordei. Esperançosa."

Paciente que marcou consulta com Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista em Rua Paulo Bitencourt, 147 Sala:102 Derby

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista respondeu a esta opinião

Obrigada.

O melhor: "Gostei muito do acolhimento, transmite confiança e credibilidade."

Motivo da visita: Psicoterapia de casal

Paciente que marcou consulta com Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista em Rua Paulo Bitencourt, 147 Sala:102 Derby

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista respondeu a esta opinião

É gratificante saber posso contribuir para saúde mental das pessoas que acolho em meu consultório. Obrigada.

O melhor: "Atenção, simpatia e empatia."

Poderia melhorar: "Atendimento pela Unimed"

Motivo da visita: Depressão

Paciente que marcou consulta com Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista em Rua Paulo Bitencourt, 147 Sala:102 Derby

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista respondeu a esta opinião

Obrigada.

O melhor: "Do tratamento especializado, da competência da Dra Lúcia, do relacionamento."

Poderia melhorar: "Nada a declarar"

Paciente que marcou consulta com Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista em Rua Paulo Bitencourt, 147 Sala:102 Derby

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista respondeu a esta opinião

Obrigada pela confiança.

Ver as 5 opiniões sobre Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Experiência

Formação

  • Psicologia ClínicaFaculdade de Ciências Humanas. ESUDA2007
  • Capacitação na Prevenção das DSTS e AIDS com Adolescentes e JovensUFRPE2014
  • Terapia Cognitiva ComportamentalFAFIRE2017

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: 02/16223

Trabalho com a Terapia Cognitiva Comportamental TCC,  na Neurociência. O o objetivo da Terapia, sempre é Focal, no sentido dos problemas trazidos, podemos citar alguns transtornos comportamentais que abordamos com eficácia são eles: transtorno do humor depressivo, transtorno da ansiedade, transtorno do pânico, TOC, TDAH, autismo, transtorno Borderline, relacionamento conjugal. Um trabalho acolhedor dos sofrimentos psíquicos dos seres humanos.  Atendo crianças, jovens, adultos e casais. Aceitamos todos os cartões de crédito e débito. Tenho Especialização Terapia Cognitiva Comportamental -TCC. 





Experiência em

Idiomas

  • Português

Webs


Serviços

  • Preço
    Preços aproximados para pacientes particulares (sem plano de saúde).
    Dados fornecidos em: maio 2018

Respostas de Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

26 Respostas

9 Especialistas de acordo

12 Pacientes agradecidos

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Aos 87 anos a perda de memória é normal, porém quando passa a não reconhecer as pessoas mais próximas do seu convívio já é preocupante. Oriento buscar ajuda de especialistas neurologista, geriatra, Psicológa. É bom solicitar exame de sangue para verificar as taxas das vitaminas. Independente da idade da pessoa a carência da vitamina D, provoca déficit na memória, pouco de depressão, e outros sintomas.
Foi um prazer ajudar.
Um abraço.

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga, Terapeuta complementar

Recife

É importante um acompanhamento com um psiquiatra e um psicólogo. E que os familiares recebam um acompanhamento psicológico e orientações pertinentes a esse distúrbio.

  • Obrigado 3
  • 1 especialista está de acordo
Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga, Terapeuta complementar

Recife

As dúvidas que você tem é sobre seu diagnóstico não ser TAG, reconhece que tem melhorado com o tratamento medicamentoso. Então o psiquiatra tem acertado no tratamento.Porém tem pesquisado outros distúrbios. Pense será que essa dúvida também não é um sintoma do TAG, atrelado algumas crenças comportamentais? chamamos na Terapia Cognitiva Comportamental TCC, de pensamentos automáticos e disfuncionais. A outra questão é buscar uma relação de confiança com psiquiatra que já vem lhe acompanhado, um psicólogo para ajuda-la nesse processo terapêutico, para dá conta das dúvidas, incertezas e outros sentimentos.
Um abraço.
Lúcia Pinto.

  • Obrigado 2
  • 1 especialista está de acordo
Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicóloga, Terapeuta complementar

Recife

Ver as 26 perguntas respondidas por Dra. Lúcia Maria Pinto Evangelista

Fotos

{0}{1}