Rodrigo Rezende

Rodrigo Rezende

Psicólogo

Competência em: Terapia de Casal, Depressão, Transtornos de Ansiedade, Psicologia Humanista, Problemas de Relacionamento

Número de Identificação Profissional: 04/26970

Marcação de consultas

Endereço do consultório

Av. Getúlio Vargas 54 sala 1303 30112-020 Funcionários Belo Horizonte

Que dia e hora estão bem para você?

Consultório

1

Opiniões para Rodrigo Rezende

4,8

Baseado em 63 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Rodrigo Rezende?

Opinar

O melhor: "Atendimento"

Poderia melhorar: "Nada"

Wellington B. marcou consulta com Rodrigo Rezende em Av. Getúlio Vargas 54 sala 1303

Marcou consulta na Doctoralia

O melhor: "Profissional atencioso e prestativo"

Flavia C. marcou consulta com Rodrigo Rezende em Av. Getúlio Vargas 54 sala 1303

Marcou consulta na Doctoralia

O melhor: "super atencioso!"

Poderia melhorar: "Nada para acrescentar"

Mariana . marcou consulta com Rodrigo Rezende em Av. Getúlio Vargas 54 sala 1303

Marcou consulta na Doctoralia

O melhor: "Tudo de bom. Profissional como poucos. Pontual, educado, seriedade, clareza, segurança , confiança. Pessoa muito bacana. Belo profissional."

Motivo da visita: Ansiedade

Paciente que marcou consulta com Rodrigo Rezende em Av. Getúlio Vargas 54 sala 1303

Ver as 63 opiniões sobre Rodrigo Rezende

Experiência

Formação

  • Graduação em PsicologiaPUC-MG2007
  • Pós Graduação em PsicosomáticaEscola de Medicina da UFMG2009
  • Formação de PsicoterapeutaInstituto Humanista de Psicoterapia2011
  • Formação em Psicoterapia Centrada na ClienteCentro de Psicologia Humanista2013
  • Especialista em Psicologia ClínicaConcurso Conselho Federal de Psicologia2014

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: 04/26970

Profissional Especialista em Psicologia Clínica oferece Psicoterapia Individual para Jovens e Adultos, para Casal e Família e Orientação Psicológica Online (via internet - veja site: www.rodrigorezende.psc.br ).

Trabalhamos o desenvolvimento emocional e comportamental e auto-controle através da Abordagem Centrada na Pessoa para pessoas com baixa auto-estima, depressão, ansiedade, transtornos do humor, dificuldade de relacionamento pessoal, crises conjugais, familiares e existenciais, dificuldades estudantis e profissionais, e suporte para tomada de decisões.

 Atendimento como Psicólogo Clínico:
Consultório particular (desde 2007)
Centro de Psicologia Humanista (Belo Horizonte) 2012-13 
Instituto Humanista de Psicoterapia (Belo Horizonte) (2010-12)
Instituto de Atendimento Bio-Psico-Pegagógico - IABPP (2009-10)
Instituto Milton Erickson de Belo Horizonte (2005-08).

Artigos Publicados: (veja no site: rodrigorezende.psc.br)
O homem, o sofrimento e a psicoterapia
O amigo e o psicoterapeuta
A psicologia e a alimentação
A prevenção da depressão pela psicoterapia
A concepção holística e a psicoterapia
A Abordagem Centrada na Pessoa

 

Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês
  • Espanhol

Webs

Serviços

  • Preço
    Preços aproximados para pacientes particulares (sem plano de saúde).

Respostas de Rodrigo Rezende

3 Respostas

4 Especialistas de acordo

52 Pacientes agradecidos

Rodrigo Rezende está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Cada vez mais, notícias sobre o crescimento explosivo da depressão no mundo são publicadas em jornais e outros meios de comunicação. Inclusive, a Organização Mundial de Saúde (OMS) prevê que, até 2020, a depressão se transforme na segunda maior causa de incapacitação da população mundial, perdendo somente para as doenças cardiovasculares. Estudiosos assinalam como causas para o aumento exacerbado da depressão no mundo, fatores econômicos, sociais e psicológicos, como: crescimento das exigências no mercado de trabalho, crescimento da solidão e do isolamento e diminuição do contato humano, diminuição as fontes de prazer, excesso de trabalho e obrigações, diminuição da espiritualidade ou religiosidade como fone de apoio. Sendo assim, agora sou eu que pergunto: SÓ REMÉDIOS DARÃO CONTA DE TUDO ISSO?

Rodrigo Rezende

Rodrigo Rezende

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicólogo

Belo Horizonte

No meu entendimento, a pessoa que suspeita que possa sofrer do que é chamado de Transtorno de Ansiedade pode procurar tanto um psicólogo como um psiquiatra e ambos deveriam ajudá-lo no entendimento da sua questão e dos possíveis tratamentos, se fosse o caso. E se fosse o caso e os sintomas mais intensos e perdas na qualidade de vida, um tratamento medicamentoso através do médico psiquiatra seria muito recomendado, entretanto a conjugação com a psicoterapia poderia ajudar muito principalmente na recuperação de médio e longo prazo. Agora, se os sintomas são mais leves e suportáveis pela possa sem maiores perdas, a psicoterapia poderia ser suficiente para o restabelecimento do bem-estar e da saúde esperável.

  • Obrigado 16
  • 1 especialista está de acordo
Rodrigo Rezende

Rodrigo Rezende

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicólogo

Belo Horizonte

A psicoterapia de casal, no meu entendimento, é basicamente um meio de possibilitar ou ampliar a comunicação do que cada um está entendendo e sentindo em relação à vida e em relação ao outro. Visa ampliar as possibilidade de cada um entender, compreender e até conhecer melhor o outro. Objetiva facilitar que cada um seja mais empático com o outro, o que significa compreender atitudes e sentimentos do ponto de vista do outro e não somente do seu próprio. Costumo dizer que quando isso acontece, as tendências podem ser contrárias, ou seja, aumentar ou diminuir a admiração, a vontade de estar junto e a paixão. Assim, o resultado da psicoterapia pode ser o favorecer tanto a união quanto a separação. Entendo que, independentemente do resultado, a psicoterapia de casal pode valer a pena porque os envolvidos terão melhor condição de ter mais clareza sobre o que fundamentou suas decisões e, assim, deliberações deixam de ser tomadas muito emocionalmente ou no impulso.

Rodrigo Rezende

Rodrigo Rezende

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psicólogo

Belo Horizonte

Fotos

{0}{1}