Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Psiquiatra

Competência em: Psiquiatria Ambulatorial, Emergências Psiquiátricas, Psiquiatria Biológica

Consultório

1

Opiniões para Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

5

Baseado em 2 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira?

Opinar

O melhor: "Um dos melhores médicos que já fui. Recomendado por professores da UFTM. Excelente atendimento, atencioso, atendeu as minhas expectativas. Ouviu toda a história de vida que possuo e ouviu minhas opiniões sobre o tratamento. A medicação surtiu efeito no tratamento, substituindo 5 de outro médico."

Poderia melhorar: "As instalações da sala de espera são um pouco apertadas."

Motivo da visita: Transtorno Depressivo Maior

Paciente que marcou consulta com Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira em rua Coronel Sampaio 62

O melhor: "Muito bom. Atencioso.. paciente ... um Excelente profissional. Sabe ouvir e superou todas as minhas expectativas... Recomendo!"

Motivo da visita: S.P

Juliane S. marcou consulta com Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira em rua Coronel Sampaio 62

Experiência

Formação

  • Formado em Medicina Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP)2010
  • Especialista em PsiquiatriaFaculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP) 2013
  • Mestrando em Educação em SaúdeFaculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP)2017
  • Docente/ProfessorUniversidade Federal do Triângulo Mineiro2017

Sobre mim

    Muita gente tem medo de psiquiatra, e parte deste preconceito é de responsabilidade dos próprios médicos. Sou contra consultas rápidas de 15 minutos, contra postura autoritária do médico e contra uso excessivo de medicações deixando os atendidos dopados. 
   Acredito que o atendimento a qualquer ser humano deva ser  HUMANIZADO. Tem que existir espaço para que a pessoa possa falar e ser ouvida de verdade. Considero importante explicar o que é o diagnóstico e dar espaço para perguntas. Busco esclarecer e decidir JUNTO com o paciente sobre as possibilidades de tratamentos. Acredito no tratamento multiprofissional e no envolvimento da família. 
   Meu primeiro atendimento tem duração de uma hora. Atendo crianças, adolescentes, adultos e idosos. Posso fazer atendimento domiciliar em caso de dificuldades de locomoção. Faço atendimento hospitalar se necessário. Busco me manter acessível para quem está em tratamento. Sou formado em medicina e especialista em psiquiatria pela Universidade de São Paulo (USP- Ribeirão Preto), uma das melhores faculdades do Brasil. 
   Nunca tenha medo de buscar ajuda!

Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês

Webs

Serviços

  • Preço
    Preços aproximados para pacientes particulares (sem plano de saúde).
    Dados fornecidos em: setembro 2018

Artigos escritos por Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Depressão

Dificuldade de se alegrar, tristeza na maior parte do tempo, alterações de sono e apetite, cansaço, baixa auto estima e pensamentos de morte são sinais de que você pode estar passando por uma depressão.
Conversaremos com tempo e calma sobre tudo o que tem sentido, quais dificuldades que tem enfrentado, o que já aconteceu em sua vida e o que pode ser feito para que volta a ser quem era antes!
Sempre busco usar mínimo possível de medicações. Para mim é inaceitável deixar alguém se sentindo dopado ou dependente de remédios.
Acredito no trabalho multiprofissional e em tomar decisões em conjunto com o cliente, sem impor ou obrigar nada.

Ansiedade

Preocupações excessivas, dificuldade de relaxar, insônia, tensão muscular, irritabilidade, dificuldade de concentração são alguns dos sinais que mostram que você merece uma qualidade de vida melhor.
Há várias formas de se lidar com a ansiedade excessiva: atividade física, psicoterapia, acupuntura, mudanças no estilo de vida, meditação, etc.
Quando as coisas fogem do controle, pode ser necessário o uso de alguma medicação. Sempre busco usar o mínimo possível de medicação e pelo menor tempo possível.
Vamos conversar com tem e calma e decidir juntos qual a melhor abordagem para o seu problema.

Respostas de Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

834 Respostas

844 Especialistas de acordo

2132 Pacientes agradecidos

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Não, não serve. O diagnóstico de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade é clínico, realizado pela avaliação dos sintomas presentes no paciente, o quanto eles trazem prejuízo, entrevista com os pais, escalas de gravidade de sintomas, relatórios da escola e de outros educadores, dentre outros.
Não há exames complementares que realizem o diagnóstico de TDAH. Tomografia, ressonância, eletroencefalograma, etc podem ser solicitados para se descartar outras causas para as alterações de comportamento, mas não para firmar diagnóstico.

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Uberaba

Ambos profissionais realizam tratamento para depressão e ansiedade de forma complementar um ao outro. Se forem sensatos, o psicólogo irá encaminhar para o psiquiatra nos casos graves, assim como o psiquiatra encaminhará para o psicólogo quando há indicação de psicoterapia.
Quando se trata de casos leves a moderados, a psicoterapia é a linha de tratamento mais indicada. Já em casos graves (por exemplo quando há ideação suicida ou sintomas psicóticos), é necessária avaliação psiquiátrica, uso de medicação e solicitação de exames complementares.

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Uberaba

Prezada, antes de mais nada não aconselho retirar medicamentos por conta própria, exceto em situações excepcionais. Busque um novo atendimento com teu médico(a) e relate os efeitos que sentiu com as medicações assim como esclarecimento sobre o diagnóstico.
Sobre a retirada abrupta, há efeitos diferentes de cada uma dessas medicações. O depakote (ác. valpróico), dependendo da dosagem e do tempo de uso pode provocar convulsões com a suspensão abrupta.
Já a retirada abrupta do donaren (trazodona), dependendo a dose e do tempo de uso pode causar sintomas como insônia, agitação, ansiedade, irritabilidade, cefaléia, mal estar, dentre outros.

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Uberaba

Ver as 834 perguntas respondidas por Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira

Fotos

{0}{1}