Dra. Jacqueline Segre

Dra. Jacqueline Segre

Psiquiatra

Competência em: Psiquiatria Ambulatorial, Psiquiatria Forense, Emergências Psiquiátricas, Psiquiatria Hospitalar

Número de Identificação Profissional: CRM-SP: 163628

Consultório

1

Opiniões para Dra. Jacqueline Segre

5

Baseado em 9 opiniões

Pontualidade

Atenção

Instalações

Você foi atendido/a por Dra. Jacqueline Segre?

Opinar

O melhor: "Profissionalismo. Jovem, atenciosa e atualizada. Não podia esperar melhor"

Motivo da visita: Segunda opinião profissional

Paciente que marcou consulta com Dra. Jacqueline Segre em Alameda Franca, 1332, casa 07

O melhor: "Doutora pontual e atenciosa. Ajustou meus medicamentos de maneira etica, correta, profissional e precisa. Acompanho a cada 15/15dias e teria outra vida se não fosse ela, só tenho a elogiar e agradecer."

Motivo da visita: toc e bipolar

Paciente que marcou consulta com Dra. Jacqueline Segre em Alameda Franca, 1332, casa 07

O melhor: "Sou médico e uma colega me indicou a Dra Jacqueline. Extremamente simpática e competente. Estou sem fumar há 6 meses e estável da depressao que me afastou da profissão por 3 meses. Estou bem joje e devo muito a Jaqueline."

Motivo da visita: Tagismo Ansiedade e depressão

Paciente que marcou consulta com Dra. Jacqueline Segre em Alameda Franca, 1332, casa 07

O melhor: "A doutora é muito inteligente, atualizada e atende perfeitamente seus pacientes. Faço tratamento por depressão já resolvida mas sigo acompanhando. Ela me explicou detalhadamente sobre meu tratamento, efeitos colaterais e sempre se mostrou muito disponível. Extremamente competente."

Poderia melhorar: "Nada. Tudo perfeito."

Motivo da visita: Depressão Grave

Paciente que marcou consulta com Dra. Jacqueline Segre em Alameda Franca, 1332, casa 07

Ver as 9 opiniões sobre Dra. Jacqueline Segre

Experiência

Formação

  • Título de especialista em Psiquiatria Santa Casa de Misericórdia de São Paulo 2017
  • Psiquiatria ForenseUniversidade de São Paulo - USP2017

Sobre mim

Número de Identificação Profissional: CRM-SP: 163628

Experiência em

Idiomas

  • Português
  • Inglês
  • Espanhol

Serviços

  • Primeira consulta Psiquiatria
  • Retorno de consultas Psiquiatria
  • Consulta domiciliar Psiquiatria
  • Assistência técnica em Psiquiatria Forense
  • Atestado de saúde mental para fins de adoção
  • Emergência Psiquiátrica
  • Formulação de quesitos
  • Interconsulta Psiquiátrica
  • Internação domiciliar
  • Laudo de sanidade mental para concurso
  • Laudo Pericial
  • Parecer psiquiátrico
  • Pareceres e psiquiatria hospitalar
  • Preparação para aposentadoria
  • Segunda opinião em psiquiatria
  • Tratamento Adicção
  • Tratamento da ansiedade
  • Tratamento da depressão
  • Tratamento da insônia
  • Tratamento de alcoolismo
  • Tratamento de transtorno afetivo bipolar
  • Tratamento de transtorno de personalidade borderline
  • Tratamento Em Psiquiatria Em Hospital Geral
  • Tratamento em transtornos de personalidade
  • Tratamento para parar de fumar
  • Tratamento Psiquiatrico Em Hospital Especializado - B Nivel I
  • Tratamento Psiquiatrico em Regime de Hospital-Dia

Respostas de Dra. Jacqueline Segre

31 Respostas

9 Especialistas de acordo

104 Pacientes agradecidos

Dra. Jacqueline Segre está respondendo perguntas que os usuários enviam à Doctoralia.
Descubra mais

As perguntas se enviam das páginas sobre doenças, exames médicos ou medicamentos.

Todos os especialistas da Doctoralia podem responder as perguntas que enviam os usuários.

Não é possível fazer uma pergunta a um médico em concreto.

Bom dia. Costumo sempre orientar meus pacientes que esse nome "antidepressivo" é um nome muito infeliz para essa classe de medicações, uma vez que eles não tratam apenas a depressão, fazendo essa confusão na cabeça de quem escuta.
O tratamento para transtornos de ansiedade em geral incluem algum antidepressivo, pois eles controlam muito bem os sintomas ansiosos a médio/longo prazo. Além dos antidepressivos, pode ser necessário também a associação com outro ansiolítico que age em crises por exemplo, como no caso do transtorno de pânico.
Tanto o transtorno de pânico, como a ansiedade generalizada são transtornos de ansiedade, mas com apresentações diferentes e por isso o tratamento também pode diferir um pouco. Mas o importante mesmo é você ter claro que sim, antidepressivos são as medicações corretamente indicadas para tratar transtornos de ansiedade e seguir as orientações que seu psiquiatra lhe fornecer a respeito do uso delas.
Espero ter ajudado.

Dra. Jacqueline Segre

Dra. Jacqueline Segre

Psiquiatra

São Paulo

Quais reações exatamente você se refere?
Muito importante ressaltar que o uso da fluoxetina nunca deve ser por apenas 2 dias, a não ser, claro, devido efeitos colaterais graves e aí seria substituído por alguma outra medicação. Porém, mesmo tendo uma meia vida longa (em torno de uma semana), dificilmente surgirá algum efeito colateral novo após a suspensão dela neste período. Porém se você já estava com essas reações é possível que elas se prolonguem um pouco, mas não excedendo por um período muito longo. Se assim for o caso, é importante procura avaliação médica para excluir outras possíveis causas.
Espero ter ajudado
À disposição
Dra Jacqueline Segre

  • Obrigado 40
  • 1 especialista está de acordo
Dra. Jacqueline Segre

Dra. Jacqueline Segre

Psiquiatra

São Paulo

Olá,
Os sintomas do transtorno de ansiedade generalizada, uma vez tratados corretamente, devem desaparecer por completo. Inclusive os sintomas físicos que você menciona.
Então duas coisas devem ser feitas separadamente: investigar seu alguma alteração clínica justifica as alterações que você citou (formigamento, espasmos no pescoço,etc). O correto seria passar por uma avaliação pelo Clínico Geral. Eventualmente estando tudo sem alterações, muito provavelmente você ainda não chegou na sua dose terapêutica da medicação, precisando possivelmente de um ajuste de dose.
Espero ter ajudado,
Atenciosamente, Dra Jacqueline Segre

  • Obrigado 8
  • 1 especialista está de acordo
Dra. Jacqueline Segre

Dra. Jacqueline Segre

Psiquiatra

São Paulo

Ver as 31 perguntas respondidas por Dra. Jacqueline Segre

{0}{1}