Fui em um neurologista e fui diagnosticada com TAG.
Gostaria de saber se TAG tem relaçao com depressao ou são doenças distintas?
O TAG e depressão são transtornos distintos, mas há grande comorbidade entre elas (se manifestam ao mesmo tempo, com grande frequência). O curso de tratamento de ansiedade e depressão são diferentes, mas muitos dos fatores que causam um dos transtornos pode propiciar o aparecimento do outro. Em ambos os casos, psicoterapia tem mostrado resultados sólidos a longo prazo, como protocolos de ativação comportamental (padrão ouro no tratamento de depressão e também muito eficaz sobre ansiedade), ACT, FAP e técnicas de contracondicionamento. Em todos os casos é aconselhável contar com um profissional capacitado para fazer uma avaliação precisa e acompanha-lo durante esse processo, dentro do seu próprio ritmo. Abraço!

Olá!
São doenças distintas mas podem caminhar juntas que é o que chamamos de comorbidade. Sintomas de ansiedade podem levar a uma depressão, assim como sintomas de depressão podem acentuar a ansiedade a ponto de não ser controlada. No dois transtornos é importante o acompanhamento de um profissional (psiquiatra e psicoterapeuta).

Boa sorte!

 Ana Carolina de Paiva Lima
Ana Carolina de Paiva Lima
Psicólogo
Rio de Janeiro
Os colegas acima estão corretíssimos! É aconselhável que a terapia esteja atuando em conjunto com os demais acompanhamentos. A inclusão de uma atividade física à sua rotina também será uma ótima aliada para minimizar os sintomas.
Um abraço!
Cuide-se!

 João Eduardo Flôres
João Eduardo Flôres
Psicólogo
Santa Maria
Sim. TAG e Depressão são psicopatologias distintas. TAG faz parte dos Transtornos de Ansiedade e Depressão faz parte dos Transtornos do Humor. Porém, uma das características das pessoas com TAG é maximizar os aspectos negativos sobre um evento/situação, ou mesmo tempo que minimiza seus recursos para superá-los. Um exemplo bem simples: Durante um acampamento, uma pessoa com TAG pode pensar demais sobre a presença de uma cobra, e que essa cobra é venenosa e irá pica-la (maximização dos riscos), enquanto não pensa que a maioria das cobras não são venenosas e que também não atacam aleatoriamente (minimizando o risco). Mas o que isso tem haver com depressão? Pense em médio e longo prazo (anos). Pensamentos de catástrofes (que coisas ruim acontecerão) e pensamento que não irá superar, limita em muito a qualidade de vida do indivíduo, acarretando até em sintomas físicos. E isso sim, pode terminar em Depressão. A Depressão é uma comorbidade muito presente nos Transtornos de Ansiedade.

 Bruna Manoel
Bruna Manoel
Psicólogo
Rio de Janeiro
Olá. Seria interessante que além do neurologista você fizesse uma consulta com o psiquiatra, pois é o profissional mais adequado para diagnosticar e avaliar a presença ou não de algum tipo de transtorno seja de ansiedade ou humor ou outro. Caso seja necessário também ele irá prescrever o uso da medicação a fim de reduzir os sintomas caso sejam muito prejudiciais a sua qualidade de vida. TAG é um transtorno de ansiedade em que a pessoa ae preocupa demais com diversos eventos de sua rotina, ficando muito ansiosa, tensa e com dificuldade em lidar com a imprevisibilidade e ausência de controle. A depressão é um transtorno de humor em prevalece sintomas como desânimo, apatia, falta de motivação para fazer as atividades cotidianas, perda de prazer, redução da libido, pensamentos negativos dentre outros sintomas. Em alguns casos a pessoa pode apresentar os dois transtornos, em que a depressão é secundária ao TAG, pois a pessoa fica tão ansiosa que começa a se isolar e sentir cansaço. Abraços.

 Rita K. A.Costa
Rita K. A.Costa
Psicólogo
São Paulo
Na verdade o Transtorno de Ansiedade Generalizada é um dos tipos de Ansiedade, e não de Depressão.
São transtornos de humor diversos, contudo há observação da ocorrência de ambos, alternando períodos de rebaixamento do estado de ânimo, mesmo que a pessoa seja com constância mais ansiosa.
Além da compensação medicamentosa, aconselho buscar psicoterapia, para entender, e melhor controlar tais sintomas.
O comprometimento da vida como um todo é considerável no TAG, razão pela qual, o acompanhamento psicológico se faz essencialmente necessário.
Boa sorte e forte abraço

No TAG a pessoa vive a ansiedade do futuro e suas consequencias e na Depressão a pessoa vive focada no passado e as consequencias do que houve.
É comum quem vive de Ansiedade também ter problemas de depressão e vice versa, porque são sentimentos opostos e a pessoa na ansia de de manter um equilíbrio acaba por oscilar de um lado a outro, geralmente percebeem os sintomas do medo mais forte geralmente porque tem a dificuldade de se focar no presente e ser incapaz de agir com o que se tem no momento.

Olá! O TAG (Transtorno de Ansiedade Generalizada) tem como característica central a preocupação patológica o que faz a pessoa sentir-se mais cansada, tensa, frustrada e inquieta, podendo interferir em seu funcionamento diário normal.
A depressão é um transtorno do humor, mas é comum que apareça junto com a ansiedade. Vamos pensar como isso é possível? Imagine uma pessoa com TAG e sua mente sempre preocupada, com pensamentos intrusivos perturbadores e catastróficos(foco exclusivo na possibilidade de um desfecho negativo, perturbador e ameaçador) e sintomas fisiológicos (tremores, sudorese, palpitação, etc). Estes pensamentos e sintomas podem atrapalhar seus relacionamentos pessoais, familiares e de trabalho fazendo-a sentir-se inadequada, inapta e até indesejável...A partir deste raciocínio fica mais fácil de entender como a depressão com frequência aparece junto com os diversos transtornos de ansiedade. Espero ter ajudado. Abraços!

TAG e depressão são transtornos diferentes. Porém é bastante comum que um paciente que sofra de ansiedade generalizada desenvolva outras patologias em decorrência dos sintomas da ansiedade.
O TAG é um transtorno de ansiedade e a Depressão um transtorno do humor.
O tratamento com um psicólogo pode ajudar o paciente a lidar com os sintomas bem como com a compreensão do mesmo quanto ao que está acontecendo.
Atenciosamente,

Olá, a ansiedade e a depressão são psicopatologias do social. A ansiedade é efetivamente o sujeito é capturado por um objeto que ele não o identifica.A manifestação ocorre em dupla fase: psiquica e somática. Na ansiedade não há relação com o objeto. Ele próprio o sujeito pode ser o objeto.Isto no campo da psicanalise. Daí se acaba anulando a condição de sujeito. A depressão é uma falta significativa de humor.Por vários dias e até meses vontade de nada.Somos sujeito do inconsciente l, somos sedes de pulsões que nos levam a buscar objetos desejantes

Especialistas em Transtornos de Ansiedade Generalizados

João Alberto Gonçalves Salvador

João Alberto Gonçalves Salvador

Psicólogo

Jundiaí

Vanessa Martins Lopes Nuevo

Vanessa Martins Lopes Nuevo

Psicólogo

Sumaré

Ludmilla Carvalho

Ludmilla Carvalho

Psicólogo

Brasília

Giselle Regueira Costa

Giselle Regueira Costa

Psicólogo

Brasília

Vera Ribeiro

Vera Ribeiro

Psicanalista

São Paulo

Lilian Riehl

Lilian Riehl

Psicólogo

Ivoti

Perguntas relacionadas

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 185 perguntas sobre Transtornos de Ansiedade Generalizados

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Escolha a especialidade dos profissionais que podem responder sua dúvida
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.