Há uns meses comecei a sentir falta de ar,que se alterna. Ora sinto pra não.Como se a respiração tivesse limitada. Fiz exames coração pulmão hemograma e todos deram normais. Será algo psicológico?
 Clarice Lopes Gentilli
Clarice Lopes Gentilli
Psicanalista, Psicólogo
São Paulo
Olá! Se você já procurou um clínico, que afastou a possibilidade da falta de ar ser uma doença orgânica, é provável que seja emocional. Busque uma psicóloga, ou psiquiatra. Ajudará no diagnóstico, que só pode ser feito pessoalmente, além de iniciar um tratamento para você se sentir melhor.

Boa tarde, muito provavelmente você pode estar sofrendo com problemas psicossomáticos, que nada mais é, do que alguma questão mal resolvida psicologicamente e que atinge o corpo em forma de sintoma. Aconselho-a a buscar ajuda psicológica para entender quais questões devem ser trabalhadas no intuito de buscar seu bem estar e qualidade de vida. Espero ter ajudado. Um forte abraço, Magali.

Oi ! Após descartar causa orgânica, o próximo passo é realizar uma avaliação psicológica e/ou psiquiátrica, pois so assim você terá um tratamento e acompanhamento ideal.
Se cuide !

Por trás desses sintomas podem estar escondidos questões conflituosas ou traumáticas não resolvida. Pesquise sobre a terapia emdr e brainspotting que são pontuais nesses casos.

 Kênia Marjori Cunha Dickow
Kênia Marjori Cunha Dickow
Psicólogo, Terapeuta complementar
Curitiba
Oi, concordo com os especialistas...se você já fiz os exames clínicos e já foi descartado algumaproblema orgânico. Seria importante você fazer um avaliação com um psicólogo. Obrigada.

Parabéns por ter procurado ajuda!!!
Veja com carinho a possibilidade de procurar um psicólogo ou psiquiatra para verificar esses sintomas Ansiedade. Grande abraço - Josué Wesley

Dra. Vanessa Marques Martins
Dra. Vanessa Marques Martins
Psicólogo
Goiânia
Boa noite. Pode ser Síndrome do Pânico.
Oriento uma avaliação psiquiátrica e uma avaliação psicológica.

Concordo com as colegas e acrescento que os sintomas vêm para dizer que precisa olhar para dentro, que alguma coisa, alguma situação não está sendo tratada da forma ideal. Você pode estar negligenciando algo, popularmente dizendo; “colocando alguma coisa para debaixo do tapete”.
Já que foi afastado causa orgânica, precisa buscar ajuda psicológica.


Se existem sintomas e não aparecem entre aspas em exames clínicos, isso não exclue a realidade do que você está sentindo. Acredito que chegou o momento de encontrar um psicólogo para acompanhá-lo. Pense e considere essa possibilidade e com certeza você irá experimentar a melhora dos teus sintomas.
Grande abraço!

Olá, possivelmente sim. Então é bom você cuidar do seu emocional com um psicólogo, se necessário ele te falará para consultar um psiquiatra.
Melhoras!

Dra. Valeria Abatemarco
Dra. Valeria Abatemarco
Psicólogo, Psicanalista
São Paulo
Se vc já fez todos os exames e nada acusou, com certeza sim, psicológico relacionado com ansiedade provavelmente. Procure um psicólogo e ele lhe dirá o que fazer, como resolver. Sugiro uma boa psicoterapia onde poderá falar e descobrir o que lhe tira o ar.
Convidamo-lo para uma consulta: - R$ 200
Pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão Reservar uma consulta.

 Mariana Montes
Mariana Montes
Psicólogo
Rio de Janeiro
Olá. Como seus exames estão todos normais, é possível que seja algo psicológico sim. Sugiro que busque um psicólogo e um psiquiatra pra avaliar sua situação.

Olá, esse tipo de reação é muito comum na ansiedade.
Penso que junto à investigação clinica onde se descarta possibilidades de doença física, é produtivo buscar acompanhamento psicológico.

 Mauricio Cardoso
Mauricio Cardoso
Psicólogo
Recife
Olá! Esses sintomas que foram relatados se assemelham com uma crise de ansiedade. Se causas orgânicas foram descartadas por exames clínicos, seria legal você procurar um psicólogo para que possa organizar sua vida emocional, ele poderá te conduzir a resolução de determinada situação que possa estar causando esses sintomas.
Fique bem.
Mauricio Cardoso

 Virginia Fernandes
Virginia Fernandes
Psicólogo, Terapeuta complementar
Santo André
Olá. Então se vc já descartou problemas físicos pode ser sim de ordem emocional o ideal é ir em busca de um psicólogo e fazer uma avaliação mais de perto....sou do ABC me deixou a disposição.

Possivelmente sim, uma vez que possíveis alterações foram descartadas. Sugiro buscar ajuda psicológica para identificação de gatilhos que disparam efeitos fisiológicos conforme voce citou. Apos tratamento e devidos encaminhamentos , se necessário, ficara bem. Melhoras pra voce!

Olá! Algum profissional falou com você sobre hiperventilação? Ela muitas vezes é causada pela ansiedade/stresse. Conforme os colegas acima já falaram, uma consulta com psicólogo pode te ajudar a cuidar das causas. Um exercício simples que recomendo para estes momentos é inspirar pelo nariz e soltar o ar lentamente pela boca contando até 10, repetindo o exercício por 10 vezes. Não deixe de procurar ajuda! Melhoras!

Dra. Viviane Peba L. Tatagiba
Dra. Viviane Peba L. Tatagiba
Psicólogo, Terapeuta complementar, Psicanalista
Nova Iguaçu
Bom dia. Se já procurou médico e fez exames clínicos que não atestaram anormalidade fisiológica, muito provavelmente é emocional. Para um diagnóstico preciso procure um psicólogo ou psiquiatra para confirmação do quadro e tratamento.

O excesso de ansiedade, estresse, angustia pode gerar muitos tipos de doenca e mal estar. Um dos mais famosos cientistas do estresse diz que cada pessoa tem um orgao de choque que adoece quando existe excesso de ansiedade. Mas existe cura. Procure um profissional competente na area de Psicologia, com especialidade em Psicoterapia.

Sintomas acima descrito, após descartado hipóteses médicas, entendo como algo de ordem psicossomática , como crise de ansiedade. Buscar ajuda de um psicólogo para uma melhor avaliação do quadro.

Muito provável que sejam sintomas de ansiedade. Procure ajuda psicológica, pois estes sintomas podem ser Tratados para que não aumentem de intensidade , podendo trazer prejuízos em seu trabalho e desenvolvimento pessoal. Um bom profissional saberá fazer um psicodiagnóstico específico, pois cada tipo de ansiedade pode ter um protocolo adequado . Transtornos de ansiedade aumentaram muito na população atualmente, são transtornos leves mas precisam ser atendidos prontamente.Abraços

Concordo com a Dra Celia , è possível que esteja tendo um Transtorno de ansiedade , uma Síndrome do Pânico pois está com sintomas bem pertinentes ao quadro.
Procure por Psiquiatria è Psicólogo, os ajudarão a minimizar seu sofrimento.
Abraços

Prezada Boa Tarde!
Uma vez descartada a parte física, vale a pena investir na parte psicológica. Independente desse sintoma a terapia é boa para qualquer pessoa, infelizmente na maioria das vezes a pessoa busca num momento sempre muito difícil.
Esse sintoma que se apresenta provavelmente é de fundo emocional, e ele quer lhe dizer algo. O que será? O que será que você está limitando na vida?
Reflita e sucesso!
Abraços
Maria Consolata Pappacena

Dr. Dorival Alonso Junior
Dr. Dorival Alonso Junior
Psicólogo
São José do Rio Preto
Quando a boca cala, o corpo grita. Os sintomas normalmente são gritos da alma através do corpo. Procure ajuda, pare de ficar jogando seus problemas para debaixo do tapete. É hora de entrar em contato com seu sentimento. A hora é Agora. Pense nisso. Abraço.

Olá!
Se os exames médicos não indicaram doença orgânica é bem provável que esta falta de ar tenha origem psicológica.
Falta de ar é um sintoma muito comum nos quadros de ansiedade.
Você diz que é "como se a respiração estivesse limitada", que é outra sensação bastante comum nos quadros de ansiedade.
Pessoas ansiosas tendem a ter a respiração curta e superficial, o que me parece ser a causa desta " respiração limitada" que sente e isto se torna muito mais intenso nas crises.
Aconselho que procure um psicólogo para uma avaliação e posterior tratamento.
Boa sorte!

Olá! você já procurou por especialistas médicos, agora busque por especialistas em Psicologia. Cognitivo comportamental e Hipnoterapia. Paz e bem!

 Adriana Penna
Adriana Penna
Psicanalista, Psicólogo
Rio de Janeiro
Sim, pode ser uma questão emocional que esteja lhe afetando. Talvez tenha algo que esteja lhe deixando ansiosa ou até angustiada, e em alguns momentos então surge a falta de ar. Por que será que o que você sente é falta de ar? Procurar um psicólogo para que você possa falar sobre isso, e associar com outras questões da sua vida, seria importante nesse momento.

Se você já fez todos os exames clínicos e estão todos normais, possivelmente deva ser algo psicológico sim. Você pode estar ansiosa por algum motivo é não está percebendo ou está com algum problema é está angustiada, o ideal é procurar um terapeuta para expor melhor esses sintomas para descobrir a causa desse mal estar

Varis colegas psicoterapeutas responderam sobre a necessidade de incluir na tua cura a psicoterapia não confie somente aos medicamentos, ter consciência do que acontece conosco e entender o que nos irrita ou nos descontrola é de suma importância para que a cura se torne mais eficaz e tenha um melhor beneficio.

Boa noite. Ansiedade, síndrome do panico são algumas possibilidades, que podem provocar esses sintomas, mas fica muito arriscado dar um diagnostico somente com essa informação, seria muito melhor se você procurasse um psicologo, que no atendimento poderá avaliar melhor o seu caso. Não demore a procurar ajudar para que seus sintomas não tragam maiores dificuldades no seu dia a dia.

 Kelly Fernandes
Kelly Fernandes
Psicólogo, Psicanalista
Santo André
Boa tarde! Ao não se ocupar com a saúde mental, os sintomas físicos podem se apresentar como um sinal de alerta.
Sugiro, avaliar a possibilidade, de iniciar uma análise pessoal e individual, com uma psicóloga (o) de sua escolha e confiança.
Espero ter auxiliado.
À disposição.

Olá!
Descartadas as causas físicas, o seu sintoma de falta de ar provavelmente está ligado a aspectos emocionais.
Do ponto de vista psicológico parece que você está passando por um transtorno ansioso. Na ansiedade, o individuo interpreta qualquer estímulo como ameaça (sendo ela real ou não), e em reposta o corpo se prepara para "lutar, fugir, ou congelar", gerando alterações físicas, comportamentais e do pensamento.
O corpo, na presença da "ameaça", ativa sistemas defensivos (lutar, fugir, ou congelar) que conduzem a uma ativação fisiológica gerando um aumento de tensão muscular, alterações da respiração, da taxa cardíaca, e da pressão sanguínea. Dessa forma a alteração da respiração que voce sente está relacionada ao quadro ansioso. Procure a ajuda de um profissional, médico psiquiatra e de tratamento psicológico focado em terapia cognitivo comportamental, mais indicado nesses casos.

Boa tarde! Tudo bem ? Como você já passou por avaliação médica e não foi identificado qualquer questão física, é possível que esteja sofrendo de ansiedade e quanto antes buscar ajuda psicólogica mais fácil será seu tratamento. Entre em contato para marcar um horário.

Especialistas em Transtornos de Ansiedade

Simone Pinto DiMeglio

Simone Pinto DiMeglio

Psiquiatra

Varginha

Walker Cunha

Walker Cunha

Psiquiatra

São Paulo

Aline Quintal

Aline Quintal

Psiquiatra

Cuiabá

Rodrigo Bernini de Brito

Rodrigo Bernini de Brito

Psiquiatra

Goiânia

Antonio Aragão

Antonio Aragão

Psiquiatra

Aracaju

Sylvana Lustosa Barros Melo

Sylvana Lustosa Barros Melo

Psiquiatra

Brasília

Perguntas relacionadas

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 259 perguntas sobre Transtornos de Ansiedade

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Escolha a especialidade dos profissionais que podem responder sua dúvida
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.