A tímidez tem tratamento ? Devo procurar psicologo, psiconalista ou ps...

A timidez pode ser melhorada através de técnicas em Habilidades Sociais, é interessante trabalhar o psicológico para se readaptar as mudanças e compreender os aspectos mentais que você carrega devido a timidez, as vezes surgiram de sua criação familiar, comparações, sentimentos de incapacidade, ansiedade, entre vários outros aspectos investigados. A medicação só seria indicada em casos de maior ansiedade, fobia social ou quando a psicoterapia isolada não consegue alcançar resultados satisfatórios, pois devemos levar em consideração a biologia da pessoa, suores, tremores, taquicardia, ocasionados pela situação.
Busque primeiro trabalhar em terapia, poderá conseguir bons resultados treinando o social e psicológico.

A timidez tem tratamento sim. Tanto a timidez situacional como a timidez histórica requer alguns passos. Dentre eles podemos destacar: 1) Reconhecer a timidez em sua vida, 2)Abrir-se a um processo de transformação com mudança de crenças, 3)Permitir-se à construção hábitos, crenças e comportamentos novos. Esse processo poderá ser feito com um acompanhamento terapêutico e o uso de ferramentas do Coaching. Acredite. Você pode e merece viver com liberdade e Feliz. Um abraço. À disposição.

A timidez tem tratamento, apesar de não ser exatamente uma "doença". A terapia pode ajudar na conscientização da sua questão e ao longo do tempo entender a importância da socialização. Fazer atividades em grupo e trabalhos de oratória pode ajudar com o auxílio da terapia.

Procure um psicólogo na sua região, tenho certeza que vai se sentir melhor e o resultado vai ser transformador!

A timidez é um comportamento normal e cumpre uma série de funções importantes na vida social.

No entanto, quando a timidez começa a afetar negativamente os seus relacionamentos pessoais, as suas obrigações profissionais e/ou a sua qualidade de vida, recomendo que busque um psicólogo com competência em THS -> Treinamento de Habilidades Sociais, um método muito eficiente para enfrentar a timidez (não eliminá-la, o que não seria desejável! Apenas adequar a intensidade dessa sensação).
Boa sorte!

A timidez excessiva que prejudica o indivíduo de ser autêntico e se relacionar de forma adequada é tratável sim. Um psicólogo irá auxiliar no processo de identificação dos motivos e crenças que perpetuam esse comportamento, para que assim o sujeito possa ganhar confiança e se expressar mais tanto nos seus sentimentos quanto nas diversas áreas de relacionamento, como trabalho, amizades e relacionamentos afetivos. Na maioria das vezes o tímido se preocupa de ser avaliado ou julgado por isso evita interação. Procure um psicólogo que dê esse suporte e auxilie neste processo de mudança

A timidez é consequência de ansiedade social, de desempenho ou sensação de inadequação. A terapia ajuda a reeditar pensamentos e crenças que provocam as evitações, melhora auto-estima, permite a conscientização de suas capacidades, melhorando consideravelmente a exposição pessoal.

Olá! Timidez não se configura como uma patologia. Trata-se de uma característica de personalidade que pertence ao conjunto formador da estrutura psicológica do sujeito. Contudo, se você considera que tal característica se apresente em excesso isso pode ser considerado um sintoma.
A condição pode ser avaliada a partir da psicologia ou da psicanálise. Dependendo do diagnóstico pode ser importante o acompanhamento psiquiátrico. Um profissional ético de qualquer das áreas poderá lhe orientar.
A timidez em si não é um problema. Nem um defeito. Apenas uma característica que, se tornando uma questão incômoda é pertinente que seja levada a um profissional.

Quando se trata de questão subjetiva, treinamento ou adequação podem não bastar. Procure um psicanalista.

Ver as 27 perguntas sobre Avaliação Neuropsicológica

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Avaliação Neuropsicológica?

Nossos especialistas responderam 27 perguntas sobre Avaliação Neuropsicológica.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.