Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral

Informação sobre Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral

O que é?

A endarterectomia é um procedimento cirúrgico. Seu objetivo é remover as placas que bloqueiam as artérias impedindo seu funcionamento normal. Trata-se de um procedimento invasivo no qual é inserida uma ponte (bypass) que permite a melhor circulação do sangue. As paredes das artérias são, em sua condição ideal, lisas e elásticas. Abrem-se e fecham-se permitindo a circulação do sangue para todo o corpo. Com o passar dos anos, no entanto, elas vão sendo obstruídas, o que compromete a circulação. A técnica da endarterectomia é mais comum nas artérias carótidas que ficam localizadas no pescoço e são responsáveis por conduzir o sangue até o cérebro. O procedimento consiste em um corte na pele para expor a artéria comprometida. Ela é pinçada interrompendo o fluxo de sangue. Durante esse período, o cirurgião remove a obstrução e também o revestimento interno da parede arterial. Depois, faz um enxerto com material sintético para alargar a artéria. Ao final da cirurgia, o fluxo de sangue é liberado. O paciente fica internado por até dois dias e, se não houver qualquer complicação, pode deixar o hospital. Por ser considerada mais eficaz, durável, segura e barata, a endarterectomia da carótida tem sido utilizada desde os anos 50. Recentemente, todavia, sua utilização tem sido contestada especialmente nos Estados Unidos onde o número de procedimentos desse tipo tem diminuído significativamente.

Qual é a causa?

O envelhecimento é a causa principal do entupimento das artérias. Com o passar dos anos substâncias como cálcio e placas de colesterol vão se acumulando em suas paredes e comprometendo seu funcionamento. Há outros fatores de risco: diabetes, hábito de fumar, sedentarismo, colesterol elevado e hereditariedade. Quais os sintomas? Em muitos casos não há sintomas até que aconteça um AVC (Acidente Vascular Cerebral). Nesse caso, o paciente tem fraqueza, dormência de um dos lados do corpo, incapacidade de movimentar perna ou braço, perda temporária da visão, perde a capacidade de falar com clareza, não entende o que as outras pessoas falam, tem tonturas e sofre confusão mental. Na maioria das vezes esses sintomas passam depois de algumas horas. Todavia, alguns podem permanecer pelo resto da vida.

Como fazer o diagnóstico?

É possível realizar o diagnóstico antes do acontecimento de um AVC. O cardiologista pode pedir exames de ultrassom para pacientes com mais de 60 anos para monitorar a formação de placas nas artérias.

Qual o tratamento?

O tratamento varia de acordo com o grau de entupimento das artérias. Se essa obstrução for detectada no início, a mudança do estilo de vida do paciente pode ser suficiente ou mesmo o uso de medicamentos. Quando o entupimento for muito grande, a cirurgia vira a única opção.

Possui uma dúvida concreta sobre Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral? Pergunte aos nossos especialistas.

Os especialistas falam sobre a Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral

A endarterectomia carotídea é realizada há décadas como forma de prevenir o Acidente Vascular Cerebral. Trata-se de uma cirurgia aberta, com incisão no pescoço, onde é realizada a abertura direta da artéria carótida e a remoção da sua placa de ateroma. É a cirurgia mais delicada da especialidade, e deve ser realizada apenas por profissionais com grande experiência e preparo. Mesmo com o aparecimento da angioplastia com stent como técnica alternativa, a endarterectomia ainda persiste como a técnica com melhores resultados e menores taxas de AVC pós-operatório. Deve ser realizada quando a placa de ateroma causar sintomas (AVC, AIT) ou quando o grau de obstrução for importante.
Dr. Breno França Vieira
Dr. Breno França Vieira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

|

Niterói

Tratamento cirúrgico da estenose carotídea, estreitamento do vaso do pescoço (artéria carótida) que leva sangue bombeado pelo coração do peito para a cabeça, que irriga o nosso cérebro, na maioria das vezes causado por aterosclerose ("placa de gordura"), podendo entupir ou mesmo soltar pedaços de placa, trazendo falta de circulação cerebral e derrames, com risco de sequelas ou até de morte.
Dr. Alexandre De Arruda Martins
Dr. Alexandre De Arruda Martins Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

|

São Paulo

Tem perguntas sobre Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral?

Nossos especialistas responderam 2 perguntas sobre Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Olá, É importante que vocês saibam que o tratamento para doença oclusIva cérebro vascular é, antes de tudo, um procedimento profilático. Algumas coisas têm que ser levadas em consideração; o paciente é sintomático? Uma estenose de 80% é importante! É bilateral? Não há comprometimento das carótidas também? A equipe tem mais habilidade com endarterectomia e/ou angioplastia? O paciente possui um arco aórtico apropriado para abordagem endovascular? Todas essas perguntas e outras precisam ser respondidas para indicar o melhor procedimento. A angioplastia é uma boa opção, porém nem todos os pacientes se adequam ao procedimento, assim conversem com a equipe, sem dúvida procurarão a melhor alternativa.

  • 80
  • 54
  • 374
Dr. Jefferson Kleber Forti Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

Belo Horizonte

Marcar consulta

Olá, O processo cicatricial é bastante variável e alguns fatores podem favorecer o processo normal, assim como retardar o mesmo. Com o tempo os tecidos vão se reoganizando, havendo absorção dos fios de sutura, podendo ocorrer fibrose local (endurecimento) que por ser variável. Recomendo que você consulte o seu cirurgião vascular e ele sem dúvida lhe trará novas informações.

  • 80
  • 54
  • 374
Dr. Jefferson Kleber Forti Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Angiologista, Cirurgião vascular

Belo Horizonte

Marcar consulta

Ver as 2 perguntas sobre Bypass Ou Endarterectomia Da Carotida Ou Vertebral