Gastroplastia - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Gastroplastia

Os especialistas falam sobre a Gastroplastia

Trata-se da cirurgia para tratamento da obesidade mórbida, a cirurgia bariátrica. As principais técnicas cirúrgicas regulamentadas realizadas no Brasil são a Gastrectomia Vertical ou Sleeve (que só retira uma parte do estômago ) e o By-pass gástrico (além da redução do estômago também consiste em desvio do trânsito intestinal), ambas realizadas por videolaparoscopia. A escolha do tipo de cirurgia é feita pelo cirurgião seguindo rigorosos critérios caso a caso.
Dr. Diogo Stinguel Thomazini
Dr. Diogo Stinguel Thomazini Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

|

Vila Velha

A Gastroplastia ou Cirurgia Bariátrica é a cirurgia realizada para tratamento da Obesidade Mórbida. Pacientes com excesso de peso avaliada pelo Índice de Massa Corporal (IMC) que tem indicação para a realização da cirurgia devem ser avaliados pelo cirurgião que realizará uma consulta detalhada sobre as causas desse excesso de peso, realizando também exames laboratoriais, cardíacos, respiratórios, de imagem e endoscopia para saber qual tipo de cirurgia bariátrica é a mais indicada para o tratamento que controla da melhor forma a OBESIDADE MÓRBIDA e as doenças associadas como diabetes melitus, hipertensão, distúrbios do colesterol, gordura no fígado (esteatose hepática) e apnéia do sono.
Dr. Paulo Eduardo Nunes Campelo
Dr. Paulo Eduardo Nunes Campelo Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião geral

|

Fortaleza

A obesidade mórbida é uma doença que vem crescendo assustadoramente, devido ao sendentarismo e alimentação inadequada, principalmente em grandes centros urbanos. A cirurgia não é indicada para todos os pacientes, mas principalmente para os que possuem co-morbidades associadas (a Síndrome Metabólica - Diabetes, hipertensão arterial, colesterol elevado, etc; ou doenças do aparelho locomotor, como dor em coluna lombar ou joelho). A complexidade do tratamento envolve não só o cirurgião, mas o endocrinologista, psicólogo, nutricionista, às vezes psiquiatra e outras especialidades.
Dr. Tiago Riuji Ijichi
Dr. Tiago Riuji Ijichi Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

|

São Paulo

A Gastroplastia redutora ou cirurgia bariátrica é o tratamento mais efetivo para a obesidade moderada a severa, com perda média de 30 a 40% do peso total. Os resultados são persistentes em torno de 80% dos pacientes, resultando em melhora de muitas doenças decorrentes do excesso de peso como diabetes, pressão alta, problemas articulares, apnéia do sono, entre outras. Há mais de 18 anos realizamos bypass vídeo-laparoscópico, já tendo operado mais de 2000 pacientes. Nossa equipe multidisciplinar presta atendimento personalizado. Realizamos as técnicas mais avançadas, tendo também grande experiência com cirurgia de SLEEVE gástrico. Respeito, ética, profissionalismo e inovação constante
Dr. Daniellson Dimbarre

Cirurgião do aparelho digestivo, Endoscopista

|

Curitiba

A gastroplastia, mais conhecida popularmente como cirurgia bariátrica, hoje se apresenta como a principal arma de tratamento da obesidade mórbida. Atualmente temos duas técnicas principais; o By Pass (Capela) na qual além de reduzir o estômago fazemos um desvio do intestino, e o Sleeve onde fazemos apenas a diminuição do estômago sem mexer no intestino. Ambas são bastante eficientes e possuem indicações específicas para cada paciente, bem como ambas são feitas atualmente sem cortes. O tipo de cirurgia que se adequará a cada caso, será definida em consulta durante a avaliação pré operatória.
Dr. Eduardo Larchert Guimarães
Dr. Eduardo Larchert Guimarães Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

|

Salvador

Ver mais

Tem perguntas sobre Gastroplastia?

Nossos especialistas responderam 13 perguntas sobre Gastroplastia.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Olá. Será feito clexane na dose 1mg/kg 2x dia subcutâneo até você poder voltar a deambular. Em geral 3-5 dias... Ajustes na dose precisam ser feito de idade acima 75 anos ou insificiencia renal severa ( clearence creatinina menor 30ml/mim).

  • Obrigado 2
  • 1 especialista está de acordo
  • 290
  • 113
  • 649
Jairo Maia Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cardiologista, Médico clínico geral

Santo André

Marcar consulta

Tudo depende do seu IMC e das doenças que o sr/sra tem associadas. 62 anos não é problema para a cirurgia. O problema é ver se há indicação. Recentemente, a sociedade de cirurgia bariátrica incluiu várias doenças (21) que agora associadas à obesidade permitem aprovação pelo convênio. Pode ir desde hipertensão, hemorroidas, problemas de colesterol, doenças da art. coronária (do coração), infarto, fibrilação, diabetes tipo 2, apneia do sono, refluxo cirúrgico, pedra na vesícula , varizes, depressão entre outros. O cálculo do IMC é peso/(altura)2. Se acima de 35 kg/m2 com as doenças acima e outras comorbidades já fica indicada cirurgia. O IMC maior de 40kg/m2 independentemente de haver comorbidades também enquadra o paciente na cirurgia. Consulte um cirurgião bariátrico experiente porque isso faz a diferença no pós-operatório.

  • Obrigado 0
  • 1 especialista está de acordo
  • 512
  • 95
  • 702
Dra. Clarissa Alster Vicente Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgiã do aparelho digestivo, Cirurgiã geral

São Paulo

Marcar consulta

Depende do hospital, se a pessoa tem plano de saúde, e do tipo de material, como ou sem anestesista incluído... média de 5000 reais a 30000 reais

  • 8
  • 1
  • 2
Dr. Guilherme Lemos Cotta Pereira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

Rio de Janeiro

Marcar consulta

O ideal é ingerir sólidos apenas após a terceira semana de cirurgia. Isso para evitar vômitos e migração da válvula realizada. Siga as orientações de sei cirurgião.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 243
  • 91
  • 213
Dr. Diogo Stinguel Thomazini Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

Vila Velha

Ver as 13 perguntas sobre Gastroplastia