Mastectomia radical com linfadenectomia - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Mastectomia radical com linfadenectomia

Os especialistas falam sobre a Mastectomia radical com linfadenectomia

É uma cirurgia de remoção de toda a mama e linfonodos devido a tumor de mama avançado.
Dr. Paulo Couto
Dr. Paulo Couto Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Cirurgião geral, Mastologista

|

Recife

Tem perguntas sobre Mastectomia radical com linfadenectomia?

Nossos especialistas responderam 6 perguntas sobre Mastectomia radical com linfadenectomia.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

A Mastectomia radical corresponde á retirada cirúrgica da mama desde a pele(com o mamilo)+ a glândula mamária, sendo que as novas técnicas permitem a preservação dos músculos abaixo da mama. Já a linfadenectomia é a retirada de gânglios presentes na axila e que podem estar acometidos pelo câncer de mama. A mastectomia radical está indicada principalmente quando o tumor encontra-se avançado. O diagnóstico precoce ainda é a melhor prevenção!

  • 92
  • 87
  • 594
Dr. Gustavo Ventura Oliveira

Ginecologista, Mastologista

São Paulo

Olá. A mastectomia e esvaziamento axila pode levar a dor de origem nervosa, a dor de origem osteo-muscular, fraqueza no braço do lado da cirurgia, inchaço do braço do lado da cirurgia, aumento de infecções no braço do lado da cirurgia. A paciente precisa reabilitar-se da cirurgia. Essa reabilitação é feita pelo fisioterapeuta com experiência em pacientes que fizeram mastectomia. Com certeza mastologista conhece alguém para lhe indicar ou serviço para lhe encaminhar. Algumas medicações podem ser usadas para ajudar na dor crônica . Procure o seu médico

  • 6615
  • 2624
  • 5854
Dr. Heitor Leandro Paiva Rodrigues Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Ginecologista

Ribeirão Preto

Após as cirurgias que envolvem a aréola, ocorre lesão dos filetes nervoso e dá hipersensibilidade na papila. Significa dizer que um pequeno estímulo ao nervo,surge uma forte dor. Tende a regredir após 6 meses, mas pode tornar-se permanente.

  • Obrigado 2
  • 1 especialista está de acordo
  • 65
  • 4
  • 232
Dr. Alcides Ferreira Santos

Mastologista, Radiologista

Recife

Sintomas em órgãos e membros fantasmas (que foram retirados por cirurgia ou sofreram amputação traumática) são bem descritos e isso também pode ocorrer na mama. Pode ocorrer desde parestesias (formigamentos, sensação de choques), dor em peso, pontada ou queimação. Há uma série de medicamentos que possuem ação nesse tipo de quadro como antidepressivos tricíclicos , anestésicos e anticonvulsivantes, tais como ropivacaína, amitriptilina, nortriptilina, imipramina, gabapentina, carbamazepina, pregabalina. Consulte um neurologista ou um mastologista com experiência nesse tipo de situação para uma avaliação.

  • 247
  • 97
  • 137
Dr. Ângelo Alves Fernandes Neto Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Mastologista

Jundiaí

Marcar consulta

Ver as 6 perguntas sobre Mastectomia radical com linfadenectomia