Nasofibroscopia - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Nasofibroscopia

Os especialistas falam sobre a Nasofibroscopia

Exame que visa filmar todo o nariz (fossas nasais) e a Nasofaringe ("fundo do nariz"). Através deste exame podemos identificar desvios no septo nasal, hipertrofia dos cornetos, pólipos, tumores, hipertrofia de adenoides, rinossinusites, e avaliar toda a relação do palato mole com a nasofaringe. É realizado com o auxílio do Nasofibroscópio, um aparelho de fibra ótica, fino e maleável que é introduzido delicadamente através das narinas após anestesia tópica (Lidocaína a 3%). O paciente permanece sentado durante o exame, que dura um máximo de 5 a 10 minutos. As imagens são captadas através de uma câmera acoplada ao aparelho e gravadas em DVD para o paciente. Um laudo é emitido após o exame.
Dr. Édio Cavallaro
Dr. Édio Cavallaro Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

|

Rio de Janeiro

Realizo este exame em meu consultório, sem necessidade de sedação. É um exame rápido, geralmente poucos minutos qual será introduzido uma pequena sonda com uma ponta de luz o qual avaliarei na televisão por dentro do nariz do paciente possíveis alterações como rinite, hipertrofia de cornetos, desvio de septo, sinusite, hipertrofia de adenoides,tumorações. Se o paciente quiser ele pode acompanhar na televisão conjuntamente comigo ao mesmo tempo que realizo o exame e assim saber o que esta acontecendo. Posso realizar a pedido de outros médicos ou posso realizar em meus pacientes que julguei necessário após a consulta médica comigo e assim para estes posso indicar um tratamento imediato.
Dr. Paulo da Veiga Ferreira Mendes Junior
Dr. Paulo da Veiga Ferreira Mendes Junior Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

|

Curitiba

Este exame é indicado para avaliação das cavidades nasais, identificando as causas da obstrução nasal; revelando o grau de desvio do septo, da hipertrofia dos cornetos, das adenoides e formação de pólipos nasais. Muito utilizado para avaliação dos níveis de obstrução dos meatos médios e visualização da drenagem de secreções, evidenciando sinusites. É realizado com aparelho de nasofibroscópio flexível, com diâmetro de 3,6 mm para adultos e de 3,2 mm para crianças,acoplado a equipamento de video e luz de fibra ótica. Procedimento este realizado no consultório, com anestesia local tópica (spray), sendo o paciente liberado alguns minutos após o exame.
Dr. Edison Luiz Fabri
Dr. Edison Luiz Fabri Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

|

Curitiba

Sem sombra de dúvidas, um dos exames mais importantes da otorrinolaringologia. Através dela podemos analisar de forma clara e precisa toda cavidade nasal, faringe e laringe. Dessa forma conseguimos diagnosticar com precisão as causas obstrutivas (ex. desvio de septo, hipertrofia de cornetos, hipertrofia de adenoide e tumores), além de descartar doenças mais graves, como as neoplasias malignas de forma precoce.
Dr. Thiago Xavier de Barros Correia
Dr. Thiago Xavier de Barros Correia Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

|

Recife

Ver mais

Tem perguntas sobre Nasofibroscopia?

Nossos especialistas responderam 3 perguntas sobre Nasofibroscopia.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

O exame de videonasofibroscopia é um exame endoscópico das cavidades nasais e da rinofaringe. É útil para avaliar a anatomia nasal e inúmeras patologias. Em crianças maiores e adultos, este exame é realizado ambulatorialmente com ou sem anestésico local. Em crianças menores, é realizado em centro cirúrgico sob sedação.

  • 1
  • 0
  • 1
Dr. Hugo Vasselai Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

Curitiba

Marcar consulta

A nasofibroscopia é um exame que auxilia para avaliar como será a conduta a ser tomada pelo Otorrino. O mais importante do que o resultado do seu exame é saber como você respira e se o resultado da nasofibroscopia interfere na sua respiração. Todos nós temos um certo grau de desvio de septo ou hipertrofia de cornetos, isso não significa doença, isso pode ser uma variação anatômica, pois algumas pessoas tem um desvio de septo muito significativo, mas tem uma boa respiração, e outras tem um desvio pequeno, mas tem muita dificuldade para respirar, por isso voltamos a frase anterior, o importante é como você respira. Existe alguns passos para o tratamento dessas alterações, que vai desde medicamentos até cirurgias.

  • 2
  • 2
  • 0
Dr. Cosme Chagas Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

Rio de Janeiro

Marcar consulta

Olá. Desvio de septo e sinusite crônicas são dois problemas diferentes. Sobre o desvio de septo, a cirurgia tem o objetivo de retirar as partes desviadas da cartilagem/osso do septo nasal, sendo que alguns casos são mais complexos que outros. O objetivo é deixar fornecer melhor passagem de ar, sendo assim, deixar o septo o mais retificado possível. Apesar da descrição, o importante é saber se este desvio residual gera alteração de função respiratória antes de tudo. (desvios pequenos podem não gerar obstrução). Já a Polipose nasal é uma inflamação crônica que mesmo após cirurgia deve manter acompanhamento, possibilidade de tratamento medicamentoso para controle e sempre existe possibilidade de nova cirurgia, pois é uma doença algumas vezes não se controla apenas com medicamento. Ambos problemas não são graves, porém há necessidade de acompanhamento com otorrinolaringologista para melhor definir tratamento de acordo com a intensidade do caso.

  • Obrigado 1
  • 1 especialista está de acordo
  • 50
  • 33
  • 48
Dr. Carlos Henrique Tolomei Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Otorrino

Bauru

Ver as 3 perguntas sobre Nasofibroscopia