Tratamento da insônia - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Tratamento da insônia

Os especialistas falam sobre a Tratamento da insônia

Nesse caso, o profissional deve investigar qual é a causa da insônia , e se é secundária a alguma doença, como por exemplo , depressão ou transtorno de ansiedade, já que alteração do sono é um sintoma frequente em diversas doenças, e nesse caso, não adianta tomar remédio para dormir e não tratar o que está provocando de fato, a insônia. Para issso, é feita uma avaliação detalhada e após a conclusão índica-se o tratamento adequado caso a caso (medicamentoso, não medicamentoso com diversas orientações para uma higiene do sono , acompanhamento psicológico, etc).
Livia Carmo
Livia Carmo Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

Rio de Janeiro

O tratamento da insônia se baseia primariamente na investigação de possíveis causas subjacentes. Não é incomum um paciente procurar o psiquiatra com queixa principal de insônia e a causa desse sintoma ser um quadro depressivo, ansioso, apneia obstrutiva do sono, dentre outros. Também pode haver a insônia primária, que geralmente se inicia desde uma idade jovem e não tem uma outra causa psiquiátrica de base. É muito comum que os pacientes pratiquem automedicação, normalmente com medicamentos que não são indicados para o tratamento da insônia e podem causar dependência. A avaliação de um psiquiatra é fundamental para o tratamento adequado da insônia.
Dr. Geraldo Moreira
Dr. Geraldo Moreira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Recife

Dormir mal é uma realidade de milhões de brasileiros. E não é privilégio só dos moradores dos grandes centros urbanos, cada vez mais o dia-a-dia corrido, o sedentarismo, os intensos estímulos visuais e as cobranças diárias geram desajustes no ritmo de vida, influenciando na qualidade do sono. Assim que, ter um sono saudável - sonho de consumo de muita gente! - não é só pegar no sono rápido, mas também ter quantidade suficiente (horas/sono), não acordar várias vezes, não ter roncos e apnéias, nem sonolência diurna, além de conseguir dormir até de manhã cedo. Enfim, se isso acontece com você, são necessários investigação e tratamento médico, ao invés de renovar um remedinho controlado.
Rebeca Liebich Gusmão Gigante
Rebeca Liebich Gusmão Gigante Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Neurologista

|

Campo Grande

A insônia é um grande problema da vida cotidiana. Ela pode estar associada a algum transtorno mental ainda não diagnosticado, ou pode ser gerado por fatores de gravidade, porém que, a longo prazo, poderão ser estopim a um adoecimento psíquico. Desta forma, mesmo uma leve insônia sem a presença de transtorno psiquiátrico já instaurado, é passível de tratamento, que pode ser medicamentoso ou através de mudanças na rotina.
Leonardo Hernandes Morita Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

São Paulo

Ver mais

Tem perguntas sobre Tratamento da insônia?

Nossos especialistas responderam 6 perguntas sobre Tratamento da insônia.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Caro internauta, é necessário descobrir a causa da sua insônia para depois dizer qual o melhor tratamento para o seu caso. Sugiro que procure um neurologista, de preferência especialista em sono, para uma avaliação clínica.

  • 531
  • 224
  • 844
Willian Rezende do Carmo Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Neurologista

São Paulo

Marcar consulta

A insônia ocorre tanto como consequencia de outra doença (como depressão, transtornos de ansiedade, condições que provoquem dor, etc) como uma doença por si só, com mais de 10 subtipos de insônia distintos. Assim, o tratamento também pode ser muito diferente dependento da causa e do tipo de insônia. O que existe em comum são os cuidados com a higiene do sono, independentemente da causa. Nos tipos mais comuns de insônia (a insônia psicpfisiológica e insônia por má higiene do sono), a primeira linha de tratamento é a terapia cognitivo comportamental (TCC) para insônia. Na indisponibilidade dessa terapia e não resposta a correção de má higiene do sono, vários tipos de medicações podem ser utilizos.

  • 743
  • 770
  • 1269
Tomás Rotelli de Olivieira Ferreira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Uberaba

A principal questão é identificar se a insônia é primaria, ou seja, a alteração do sono é a doença em si, ou se a insônia é secundária a alguma outra patologia. Isso é essencial para definir o tratamento futuro e prognostico. O zolpidem e a trazodona são duas medicações muito prescritas para tratamento do sintoma insônia. A trazodona tem menor potencial para induzir dependência e perder efeito, no entanto é pouco provável que o uso dela lhe permita dormir sem remédios se outras modificações não forem feitas. Converse com seu medico melhor a respeito da origem da sua insônia.

  • 709
  • 925
  • 1612
Prof. Dr. David De Lucena Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Fortaleza

Olá! A insônia é um sintoma. É preciso uma investigação clínica para chegar a um diagnóstico preciso. Sem dúvidas os dados da sua história são importantes para ajudar na elucidação diagnóstica. Sugiro que procure a ajuda de um médico especialista e em nenhuma hipótese, faça uso de qualquer medicação por conta própria. Melhoras!

  • 3
  • 14
  • 4
Dr. Guilherme Figueira Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Niterói

Marcar consulta

Ver as 6 perguntas sobre Tratamento da insônia