Tratamento de alcoolismo - Informação, especialistas, perguntas frequentes.

Tudo sobre Tratamento de alcoolismo

Os especialistas falam sobre a Tratamento de alcoolismo

O alcoolismo gera graves repercussões em diversos sistemas do organismo. A Psiquiatria atual possibilita a intervenção medicamentosa específica a fim de cessar a ingesta etílica, mantendo o paciente abstinente, com qualidade de vida, retornando ao seu grau de desempenho prévio, evitando repercussões familiares, sociais e laborais.
Dr. Demétrius de Luna Lopes Benevides
Dr. Demétrius de Luna Lopes Benevides Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

|

São João del Rei

Tem perguntas sobre Tratamento de alcoolismo?

Nossos especialistas responderam 2 perguntas sobre Tratamento de alcoolismo.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.

Estas são as mais populares:

Alcoolismo é a dependência química do álcool, um grave problema de saúde que atinge cerca de 10% da população brasileira. Trata-se de uma doença cerebral crônica, complexa (decorrente da interação de fatores biológicos, psicológicos e sociais), recorrente, progressiva e potencialmente fatal, caso não seja tratada. O diagnóstico é realizado pela soma de um conjunto de critérios bem estabelecidos e a especialidade médica mais preparada para lidar com o transtorno é a psiquiatria. À partir do diagnóstico correto e do reconhecimento da gravidade do caso, o psiquiatra irá propor o tipo de tratamento que melhor se adequa ao paciente em questão. O tratamento é multidisciplinar (envolve diversas especialidades da área da saúde, como psicologia e terapia ocupacional, e a participação em grupos de mútua ajuda, como o AA) e prolongado, pois a recuperação é lenta. Quanto mais cedo procurar ajuda, maiores são as chances de recuperação.Vale dizer ainda que os familiares também precisam de auxílio.

  • 46
  • 42
  • 53
Fernando Toledo Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

Belo Horizonte

Marcar consulta

O tratamento do alcoolismo costuma envolver alguma forma de psicoterapia para ajudar a pessoa a parar de beber e a não ter recaídas. O processo de prevenção de recaídas tem uma máxima interessante, de "evitar todas as situações de risco que puderem ser evitadas e aprender a lidar com aquelas que não puderem". Assim, só como exemplo, algumas pessoas para as quais o dinheiro é um gatilho, conseguem entrar num acordo com a família que, enquanto não tiverem uma abstinência mais prolongada, deixam alguém de confiança cuidar de seu dinheiro. Se isto não for possível, a pessoa precisa aprender a, apesar de ter dinheiro, lidar com o mesmo sem que o gaste em bebida. As técnicas têm de ser muito individualizadas, dependendo de características comportamentais de cada indivíduo e do contexto em que vive. Há algumas medicações aprovadas no tratamento do alcoolismo: naltrexona,dissulfiram e acamprosato (este difícil de obter, no Brasil), mas são apenas de auxílios: não zeram a vontade de beber.

  • 188
  • 145
  • 124
Ivan Mario Braun Profissional Premium: Tem um perfil mais completo.

Psiquiatra

São Paulo

Marcar consulta

Ver as 2 perguntas sobre Tratamento de alcoolismo