Quando é feita a troca do marcapasso?

Pergunta sobre Troca de gerador de marcapasso

Quando é feita a troca do marcapasso?

Quem é portados de gerador de marcapasso deve ter seguimento médico continuado, com consultas de mensais até a anuais, dependendo da patologia e outras questões. A troca do gerador de marcapasso é realizada quando a bateria interna, que gera os pulsos que fazem o coração contrair, estão com carga elétrica diminuída. Isto é percebido durante o exame que deve ser feito periodicamente com o médico cardiologista ou cirurgião cardiovascular que implantou o gerador. Os marcapassos modernos duram em média 8 anos até que tenham que ser substituídos.

Quando a telemetria (analise do aparelho com equipamento especifico) apontar ERI (elective replacement indication).
Quando se trata de convênio, costumamos pedir a troca com 3 meses antes de surgir ERI, por questões burocráticas.

Basicamente por 4 motivos:
1. A bateria está chegando ao final
2. Houve algum problema com os eletrodos, como fratura
3. Infecção do local em que foi colocado o marca-passo
4. Troca por outro dispositivo com mais funções, como um cardiodesfibrilador ou ressincronizador cardíaco

Ver as 13 perguntas sobre Troca de gerador de marcapasso

Perguntas relacionadas

Outras perguntas respondidas por especialistas da Doctoralia:

Tem perguntas sobre Troca de gerador de marcapasso?

Nossos especialistas responderam 13 perguntas sobre Troca de gerador de marcapasso.

Pergunte a milhares de especialistas de forma anônima e gratuita

  • A sua pergunta se publicará de forma anônima.
  • Faça uma pergunta concreta, mantenha o foco em uma pergunta médica.
  • Seja breve e conciso.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional da saúde. Se tiver algum problema ou urgência, vá ao médico ou ao pronto-socorro.
  • Não estará permitido obter segundas opiniões ou consultas sobre um caso em concreto.